Blogroll

1 de dez de 2008

ÚLTIMAS

Barenco garante que Polícia Civil tem indícios contra advogados

Paulo Cavalcante e Josenildo Lopes, acusados de extorsão, foram presos na manhã desta sexta-feira

O delegado-geral da Polícia Civil, Marcílio Barenco, garantiu, na tarde desta sexta-feira, que há indícios suficientes de autoria contra os advogados Paulo Roberto Alves Cavalcante e Josenildo Soares Lopes, num inquérito que teve como objetivo desmantelar um esquema envolvendo crimes de extorsão. As investigações foram iniciadas pela Diretoria de Recursos Especiais (DRE), no último dia 18.

No início da manhã desta sexta-feira, a Polícia Civil desencadeou uma operação para cumprir mandados judiciais expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital. Os advogados Paulo Roberto e Josenildo Lopes ficarão presos por cinco dias. Segundo Barenco, as investigações estão em andamento.

O delegado-geral revelou que será publicada no Diário Oficial uma portaria afastando temporariamente a delegada Kátia Emanuelle, diretora de Recursos Especiais, por 30 dias, em virtude de seu grau de parentesco com um dos acusados. Ela é sobrinha de Paulo Roberto. Seu marido, o agente de polícia Ricardo Dias, também será afastado do seu cargo na DRE pelo mesmo prazo.

Outra medida adotada pela Delegacia Geral da Polícia Civil será a instauração de um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) contra a delegada e o agente Ricardo Dias. Barenco destacou que “tais medidas não significam uma presunção de culpabilidade, até porque a delegada tem valiosos e reconhecidos serviços prestados à sociedade alagoana”.

“As ações da Polícia Civil de Alagoas são dotadas de total transparência. Se houver necessidade de cortar na própria carne, iremos cortar. Pois sempre agimos com isenção”, completou Barenco.

O delegado-geral da Polícia Civil esclareceu que, no momento, maiores informações não poderão ser divulgadas, em virtude do inquérito, por determinação judicial, transcorrer em segredo de Justiça.

Fonte: http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/noticia.kmf?cod=7930847

****

Governo inaugura sexto posto informatizado do Instituto de Identificação no interior

Santana do Ipanema é contemplada com posto informatizado, que irá contribuir no atendimento à demanda da comunidade local e das cidades circunvizinhas.

O governo de Alagoas inaugurou, nesta quinta-feira, em Santana do Ipanema, o sexto posto informatizado do Instituto de Identificação no interior do Estado. A nova sede está localizada no piso térreo do prédio da Secretaria de Agricultura do município, localizada na rua Francisco Rosendo, no centro da cidade. O secretário-chefe do Gabinete Civil, Álvaro Machado, representou o governador Teotonio Vilela na solenidade.

De acordo com Álvaro Machado, é de suma importância a reestruturação pela qual os Institutos de Identificação do Estado estão passando desde o início do governo Teotonio Vilela Filho. “Estamos dando uma nova cara ao serviço de emissão de carteiras de identidade em Alagoas, procuramos instalar postos nas cidades-pólo para que supram as necessidades de toda a população, sem que ela precise vir à capital e até sair do Estado e demorar uma média de seis meses para receber o documento, que é um passaporte para o primeiro emprego ou o primeiro concurso, por exemplo”.

Na ocasião, o secretário ressaltou que povoar o Estado com postos do Instituto de Identificação é uma ação de cidadania e faz parte de um trabalho árduo e incansável do governo para que se construa bases sólidas em nome do crescimento de Alagoas. “O processo de reestruturação da segurança pública passa por direcionar políticas públicas e buscar parcerias para minimizar a limitação financeira que todos conhecem”. Álvaro Machado valorizou a parceria estabelecida com as prefeituras e disse que há ainda muito que fazer.

O Instituto de Identificação de Santana do Ipanema é o sexto posto informatizado do interior e tem o objetivo de atender à demanda da comunidade local e das cidades circunvizinhas. Já existem unidades semelhantes em Arapiraca, Teotônio Vilela, Palmeira dos Índios, Delmiro Gouveia e Matriz de Camaragibe. O próximo a ser inaugurado será o de União dos Palmares ainda em dezembro deste ano.

Segundo o diretor-geral do Instituto de Identificação de Alagoas, Kelmann Vieira de Oliveira, Alagoas está à frente de muitos estados no país no serviço de emissão de carteiras de identidade. “A população do interior dispõe agora do que há de mais moderno em identificação. Com esse posto nos colocamos ao lado do estado do Acre, que é o primeiro do país em número de postos informatizados no interior, com seis unidades; a nossa meta é concluir o ano de 2008 com 10 unidades”.

Todos os postos do Instituto de Identificação que estão sendo inaugurados no interior do Estado são fruto de uma parceria entre o governo de Alagoas e as prefeituras das cidades. Em Santana do Ipanema, a prefeita Renilde Bulhões cedeu o prédio sede e todo mobiliário da unidade, enquanto o governo do Estado disponibilizou os aparelhos de informática e os cinco funcionários do posto.

Na solenidade, a prefeita agradeceu a parceria com o Estado e disse que a reabertura e informatização do Instituto de Identificação em Santana do Ipanema é a realização de um sonho de toda população. “Os benefícios que essa parceria trouxe nos incentiva a buscar outras para melhorar a vida dos alagoanos da região”, disse.

Benefícios - O prazo de entrega das carteiras de identidade é um dos grandes diferenciais do sistema informatizado de emissão. A primeira via é entregue num prazo de cinco dias, e a segunda, em dez dias. Os custos para o público também não aumentaram e, a partir da informatização, não é mais necessário levar fotografia ou sujar os dedos para colher as impressões digitais.

Com a informatização, todos os Institutos de Identificação do Estado trabalharão com informações em rede, o que vai agilizar o processo e dificultar fraudes por conta do banco de dados que ficará arquivado sobre cada pessoa que procurar o serviço.

“Em Alagoas é impossível uma mesma pessoa tirar duas carteiras de identidade por conta do nosso banco de dados, que vai cruzar todas as informações do indivíduo que estiver disponível na rede e impossibilitar o procedimento”, esclarece o diretor do Instituto de Identificação.

Além disso, a partir desta semana, o documento de identidade será revestido por uma película protetora que, além de evitar a alteração de dados, fará com que não haja necessidade de emissão de uma nova cédula em um curto espaço de tempo.

Serviço - Em Santana do Ipanema, a unidade do Instituto de Identificação funcionará durante a semana, das 7h às 13h, com capacidade de atendimento de 80 pessoas por dia. O custo da emissão da primeira via é R$ 8,10, e da segunda é de R$ 16,21. Os documentos necessários são a certidão de nascimento ou de casamento (original acompanhado de cópia), comprovante de residência e xerox do CPF, caso o usuário queira que o número do documento conste na cédula de identidade.

Para tirar a segunda via são necessários os mesmo documentos mais a cópia do documento de identidade anterior ou cópia de qualquer documento que contenha o número da identidade anterior.

Fonte: http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/noticia.kmf?cod=7927593

0 Deixe seu comentário: