Blogroll

28 de fev de 2009

Breve relato da Reunião Geral com os estudantes

Nesse sábado, 28, aconteceu no auditório da Prefeitura Municipal de União dos Palmares uma reunião geral convocada pelos representantes da empresa de transportes Edtur - que presta o serviço de transportar os estudantes da cidade (universitários, secundaristas e do ensino técnico) - até a capital Maceió. Compareceram aproximadamente 140 usuários dos serviços e mais um número não contabilizado de parentes dos estudantes e curiosos.

A reunião teve seu início por volta das 16:30 e também estavam presentes os componentes da comissão temporária dos estudantes, e foram eles quem deram o pontapé inicial da reunião, relembrando o que se passou na assembléia que aconteceu no dia 14 de fevereiro do corrente ano. Em seguida foi dada a palavra ao dono da empresa Edtur, Sr. Edson, e então ele expôs os motivos da convocação.

Primeiramente, o Sr. Edson relembrou aos presentes de como começou essa questão do transporte, de como ele se viu envolvido nessa prestação de serviços. Em seguida enfatizou que a situação entre ele e os usuários estava ficando comprometida, de forma que se viu diante da necessidade de elaborar um contrato para que os estudantes, individualmente, contratasse seus serviços de maneira formal, e assim pudesse ter um controle exato de quantos estudantes iriam utilizar os serviços, podendo também dispor de forma mais eficaz sobre questões como: pagamentos, atrasos nos pagamentos, forma de conceder e de retirar o direito à poltrona do ônibus, entre outras.

O representante da comissão dos estudantes falou sobre as tentativas sem êxito de pleitear junto ao municipal uma ajuda maior, ou seja, isentando os estudantes do pagamento da taxa de R$ 16,00 cobrada pela Edtur ou aumentando a contribuição que é divulgada pela Prefeitura, a de que ela concede uma grande parte do combustível dos veículos além do único ônibus que o município tem. Vale dizer que a única mudança foi que o veículo de propriedade da cidade recebeu aval para rodar 2 vezes ao dia, manhã e noite.

O Sr. Edson deixou claro que o contrato será a condição necessária para utilizar os seus serviços. Os estudantes presentes se colocaram a fazer vários questionamentos sobre como seriam os procedimentos a partir de então, sobre que está previsto no contrato e ficou acertado que todos os questionamentos, bem como a elaboração definitiva do contrato, seriam resolvidos numa próxima reunião marcada para o dia 14 de março. Durante esse período uma comissão voluntária de estudantes interessados vai auxiliar na confecção do que virá a ser o contrato. Ficou acertado também que o serviço de transporte continuará da mesma forma que era até a apresentação do contrato definitivo.

Obs.: Caso alguém que esteve presente na reunião tenha algo a acrescentar nesse relato resumido aqui apresentado, pode comentar aqui mesmo nessa postagem ou nos enviar um e-mail.

Wenndell Amaral

2 Deixe seu comentário:

Este comentário foi removido pelo autor.

Pra mim, a clausula mais importante desse contrato é a regulamentação DE UM OU MAIS FISCAIS DOS ESTUDANTES PARA CONFERIR O ABASTECIMENTO DOS ONIBUS JÁ Q A PREFEITURA NÃO FISCALIZA.