Blogroll

4 de mar de 2009

ÚLTIMAS:

Desmatamento: em três meses, Amazônia perdeu área igual à metade da cidade de São Paulo

Entre novembro de 2008 e janeiro de 2009, a Amazônia perdeu 754 quilômetros quadrados de florestas, o equivalente a metade do município de São Paulo, ou a 75.430 campos de futebol. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Ainda pelos números do Inpe, o desmatamento total da Amazônia no ano de 2008 fechou em 7.341 quilômetros quadrados, o equivalente quase cinco vezes a área do município de São Paulo.

Em relação ao mesmo trimestre (novembro-janeiro) do anterior, quando foram registrados 2.527 quilômetros quadrados de desmatamento, houve uma queda de 70,2% no ritmo de devastação, como adiantou o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, que classificou como positiva a redução.

Fonte: G1

Pra mim, uma classificação positiva deveria ser divulgada por um Ministro quando ACABASSE o desmatamento. Mas o Brasil é um país que sempre se contetou com pouco.

----

Asteroide passa de raspão pela Terra - O GloboIr para conteúdo

Astrônomos revelaram nesta terça-feira que um asteroide do tamanho de um prédio de dez andares passou muito perto da Terra na manhã de segunda-feira, revela matéria publicada na edição desta quarta-feira do jornal O Globo. A colisão de um corpo celeste desse porte, afirmaram, teria um impacto semelhante ao de mil bombas atômicas similares à lançada sobre Hiroshima.

O objeto teria de 21 a 47 metros e passou a 72 mil quilômetros do planeta - quase nada em termos astronômicos: um quinto da distância entre a Terra e a Lua ou o dobro da altitude dos satélites georreferenciados em órbita. De acordo com astrônomos, apesar da proximidade, o risco real de colisão foi logo descartado. Mas a ameaça de um futuro impacto ainda é desconhecida. O asteroide teria aproximadamente o mesmo tamanho do que colidiu com a Terra em 1908, causando uma catastrófica destruição na Sibéria.

Embora tenha passado tão perto da Terra, o asteroide só foi detectado no sábado, por especialistas do Siding Spring Survey, um programa australiano de busca por objetos em rota de colisão com o planeta. Sua presença foi confirmada pela União Astronômica Internacional (IAU), mais precisamente pelo departamento responsável por catalogar objetos do Sistema Solar.

Fonte: G1

----

Irã diz ter mísseis para atingir instalações nucleares de Israel

Os mísseis iranianos podem atingir as instalações nucleares de Israel, disse um importante comandante militar iraniano nesta quarta-feira, em meio à persistente especulação de que Israel poderia alvejar os locais onde o Irã desenvolve projetos atômicos.

"Todas as instalações nucleares em diferentes partes da terra sob ocupação do regime sionista estão ao alcance de mísseis do Irã", disse o comandante-em-chefe da Guarda Revolucionária, Mohammad Ali Jafari, de acordo com a agência de notícias Isna. Autoridades iranianas frequentemente se referem ao governo de Israel, que o Irã não reconhece, como o "regime sionista".

Fonte: Reuters

----

Presidente e ministros da França recebem ameaça de morte

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, e vários ministros e políticos receberam envelopes com ameaças de morte e balas de pistola, disse uma fonte judicial nesta terça-feira. Nas últimas duas semanas, os políticos têm recebido envelopes de papel pardo com balas de pistola 9mm e letras idênticas de um remetente anônimo, que ameaça com frases como "vocês todos são mortos que estão andando", afirmou a fonte.

A unidade antiterrorista da Procuradoria de Paris e policiais antiterror de Paris e do distrito de Herault, no sudoeste, estão investigando as ameaças. Não houve comentários do gabinete de Sarkozy ou de seus ministros. A última pessoa a receber uma das cartas foi o ex-premiê Alain Juppe, que agora é prefeito de Bordeaux, no sudoeste da França.

A fonte judicial em Paris afirmou ainda que os gabinetes de Sarkozy, da ministra da Justiça Rachida Dati e da ministra do Interior Michele Alliot-Marie receberam as cartas. Entre outros políticos que foram alvo estão parlamentares do partido de Sarkozy, o UMP, no sudoeste da França.

Fonte: G1

----

Rússia diz que a carta de Obama não tem nada de concreto

O presidente da, Rússia Dmitry Medvedev, recebeu uma carta do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, confirmou sua porta-voz nesta terça-feira depois de ter sido questionada sobre uma reportagem do jornal New York Times.

"Nós recebemos esta carta. Ela foi, na verdade, uma resposta de uma carta que Medvedev enviou a Obama depois de sua nomeação. A carta contém uma avaliação da situação, mas não há nenhuma proposta concreta sobre decisões de mútuo comprometimento", disse Natalya Timakova aos repórteres durante visita de Medvedev à Espanha.

O jornal New York Times informou que na carta Obama ofereceu um recuo na posição dos EUA de implementar um escudo de mísseis no Leste Europeu, caso a Rússia ajude a impedir que o Irã fabrique armas nucleares. Moscou ainda não respondeu a carta, de acordo com o jornal.

Fonte: Reuters

----

Restos humanos são achados em sede de ministério boliviano

Promotores bolivianos anunciaram na terça-feira a descoberta de restos humanos em celas recém-descobertas no subsolo do edifício-sede do Ministério de Governo, um fato que o presidente Evo Morales aproveitou para atacar ditaduras direitistas de décadas anteriores.

O presidente e ex-sindicalista camponês participou de uma entrevista coletiva na qual os promotores disseram que esperam ter em duas semanas os resultados de um estudo forense sobre os restos encontrados durante uma escavação em andares subterrâneos do ministério. "Caso se demonstre que realmente são ossos de seres humanos, os filhotes da ditadura terão de pagar", disse Morales. Depois, esclareceu que se referia à suposta responsabilidade de militantes do partido Ação Democrática Nacionalista (ADN), do falecido ex-ditador militar Hugo Banzer, e do ex-presidente e atual líder oposicionista Jorge Quiroga.

O promotor Marcelo Sosa, chefe da investigação sobre as celas descobertas há um mês na sede do Ministério do Governo, disse não duvidar de que os ossos "em sua maioria pertencem a humanos", mas recusou-se a dar detalhes sobre sua antiguidade.

Fonte: Yahoo Noticias

Walter Jr.
Redator

0 Deixe seu comentário: