Blogroll

10 de nov de 2009

Segundo BBC, quase 9 em 10 brasileiros defendem maior redistribuição de riquezas

Quase nove em dez brasileiros defendem maior redistribuição da riqueza, revelou uma pesquisa realizada pelo Programa sobre Atitudes em Políticas Internacionais (em inglês, Pipa), encomendada pela BBC.

De acordo com os dados, países da América Latina são mais entusiastas na ação dos governos para acelerar a economia, sendo que, no México e no Chile, 92% e 91% dos entrevistados, respectivamente, defendem uma maior distribuição da riqueza, ante 89% dos brasileiros. No total, 29.033 pessoas foram entrevistadas em 27 países para a realização da pesquisa, que teve como motivação a comemoração dos 20 anos da queda do Muro de Berlim, que acontece nesta segunda-feira (9).

A pesquisa mostrou insatisfação global em relação ao capitalismo de mercado aberto, com apenas 11% dos entrevistados nos 27 países que disseram que isso funciona bem. Em 15 dos países analisados, a maioria gostaria que o governo fosse mais atuante no controle da indústria, com destaque para o Brasil, onde 64% das pessoas deram essa resposta, atrás de Rússia (77%), Ucrânia (75%) e Indonésia (65%). Os dados ainda mostraram que as pessoas querem que o governo seja mais atuante na regulação dos negócios, com 87% dos brasileiros que deram essa resposta, a maior proporção encontrada na pesquisa, seguidos pelos chilenos (84%) e franceses (76%).

Fonte: BBC Brasil

A insatisfação com a roubalheira pública é crescente e inegável. Mas até que essa insatisfação se transforme em uma ação positiva, ainda temos um longo caminho a percorrer em um curto espaço de tempo... O mal está vencendo, os homens de bem começaram a abrir os olhos agora. Antes tarde do que nunca.

0 Deixe seu comentário: