Blogroll

28 de mai de 2014

Série: The Walking Dead

Nos últimos anos, tanto a tv quanto o cinema, investiram muito dinheiro na produção de obras baseadas em zumbis, inundando o mercado com enredos antes só conhecidos no meio underground. De comédias com zumbis assumindo o protagonismo até dramas com pitadas de ação, o gênero saturo-se e a indústria de entretenimento abdicou da qualidade e favor da qualidade obtendo como resultando poucas produções do antigo gênero revivido (com perdão do trocadilho infame) que podem ser lembradas para serem revistas. Grandes clássicos do terror tem com pedra de sustentação esses seres nem vivos nem mortos altamente repugnantes como A Noite dos Mortos Vivos [1965], Despertar dos Mortos [1975], A Volta dos Mortos Vivos [1985] ou os recentes Extermínio [2002], Todo Mundo Quase Morto [2004] e Zumbilândia [2009].  


Da inundação zumbi no cinema restou um habitat natural para produções do gênero na tv aberta e paga. A série The Walking Dead produzida por Frank Darabont e baseada nas histórias em quadrinhos escritas por Robert Kirkman, Tony Moore e Charlie Adlard reproduzida originalmente pela rede norte-americana AMC, é o melhor exemplo atual de sucesso tendo zumbis como mote principal. Já contendo 4 temporadas iniciadas em 2010, o roteiro narra a história dos sobreviventes de uma apocalipse zumbi, onde não se sabe ainda as razões que levaram ao surgimento daquela grandes horda de mortos-vivos. A maior parte da história passa-se nos arredores rurais de Atlanta, região norte do Estado da Geórgia. Os sobreviventes buscam comida, armas e abrigos em locais seguros, longe dos "caminhantes/andantes" ou "biter/mordedores"; com conhecimentos limitados sobre o que aconteceu e acontece no mundo, além da luta constante pela própria sobrevivência, o grupo tem que lidar com dilemas tipicamente humanos, porém, não menos nocivos que os mandíbulas dos zumbis.

Escolhido pela maioria, o xerife Rick Grimes lidera o grupo mesmo contra sua vontade. Traído pela esposa e pelo melhor amigo, o combustível que move de Rick são são filhos Carl e a recém nascida Judith. Mediando conflitos formados no dia a dia com a multicultural  e reduzida sociedade restante, o xerife descobre que além de enfrentar as criaturas comedoras de gente o grupo terá que se resguardar de alguns dos próprios componentes assim como de outros sobreviventes até então desconhecidos. Egoísmo, egocentrismo; psicopatas, sociopatas, homicidas, homens honrados, íntegros e tementes a Deus. São esses os complexos perfis psicológicos com que os sobreviventes se depararão em sua caminhada pela sobrevivência.


Na tv aberta brasileira a rede Bandeirantes exibe The Walking Dead além da paga FOX. Também não é difícil encontrar dvd´s nas bancas piratas espalhadas por todos os cantos além de ótimos arquivos de torrents com qualidade HD.

Walter A.
tempo_moderno@hotmail.com / facebook.com/walterblogTM

0 Deixe seu comentário: