Blogroll

23 de out de 2008

ÚLTIMAS:

Curso à distância "Controle Social"

Controladoria-Geral da União (CGU) é o órgão do Governo Federal responsável por assistir direta e imediatamente ao Presidente da República quanto aos assuntos que, no âmbito do Poder Executivo, sejam relativos à defesa do patrimônio público e ao incremento da transparência da gestão, por meio das atividades de controle interno, auditoria pública, correição, prevenção e combate à corrupção e ouvidoria.

Dessa maneira, a CGU desenvolve o Programa Olho Vivo no Dinheiro Público para incentivar o controle social. O objetivo é fazer com que o cidadão, no município, atue para a melhor aplicação dos recursos públicos.

Diante dessa realidade e, dada a relevância do tema, a CGU, em parceria com a Escola de Administração Fazendária (Esaf), promove o curso Controle Social, com objetivo de incentivar o controle social e promover a cidadania.

Período de Realização: O curso será realizado no período de 03 de novembro a 01 de dezembro de 2008.
Inscrição: As inscrições serão realizadas no período de 24 a 30 de outubro.

Para inscrever-se, o interessado deverá acessar o site da Esaf, no link "Educação a Distância", na opção “inscreva-se aqui”, clique na turma do seu Estado.

Para mais informações, clique aqui.

***

Projeto de acesso à Serra da Barriga contempla passeio público

Projeto de engenharia desenvolvido pelo Departamento de Estradas de Rodagem está orçado em R$ 4,7 mi e prevê calçada para pedestres ao longo do percurso.

O projeto de engenharia para a execução da estrada de acesso à Serra da Barriga, em União dos Palmares, contempla, em seus 4,93 km de extensão, a construção de passeio público (calçada) de 1,20 metros de largura em cada lado da estrada. Segundo o diretor de Planejamento e Acompanhamento do DER/AL, engenheiro Sebastião Braga Mota, a calçada visa atender à demanda de pessoas que fazem o percurso a pé, desde União dos Palmares até a Serra, conforme foi reivindicado pelo Instituto Zumbi dos Palmares.

De acordo com o diretor-geral do DER/AL Ronaldo Lopes, todo o projeto foi elaborado de forma a não causar impacto negativo ao meio ambiente, uma vez que se trata de um sítio histórico e arqueológico. “O que nós fizemos foi adequar o projeto ao traçado original da estrada já existente; toda a pavimentação será feita em paralelepípedo, como já existe em alguns trechos da atual estrada”.

O projeto de acesso à Serra da Barriga foi entregue na quarta-feira, na Secretaria de Igualdade Racial, em Brasília, pelo governador Teotonio Vilela ao ministro Édson Santos. O governador disse ao ministro que será interlocutor junto aos parlamentares federais pra que sejam disponibilizadas emendas que garantam a construção desse acesso.

Ainda de acordo com o projeto de engenharia, a pista de rolamento terá largura de 9 metros e mais 1,20 m para o calçamento de cada lado da pista. O projeto está orçado em R$ 4,7 mi e o prazo de execução de uma obra deste porte, segundo o engenheiro Sebastião Braga Mota, é de aproximadamente 8 meses.

Fonte: Agência Alagoas - Vanessa Omena
Link: http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/noticia.kmf?cod=7811087

1 Deixe seu comentário:

Hunm... Parece que as coisas estão andando.