Blogroll

28 de out de 2008

ÚLTIMAS:

O prefeito Areski de Freitas juntamente com secretários e correligionários estiveram, nesse dia 28 de outurbro, vistoriando e planejando obras em vários locais do munícipio.

Segundo o Secretário de Comunicação da Prefeitura, Sr. Toni Lima, a obra de calçamento do acesso do Bairro da Vequejada foi o primeiro ponto da visita e tem prazo limite de até o final de mês de novembro para ser concluído. Depois o grupo foi visualizar o futuro terceiro acesso de entrada e saída da cidade, porém o Secretário de Comunicação não deixou claro a exata localidade da futura obra. A terceira e última parada foi no andamento da obra de prolongamento da rua Luiz Gomes de Freitas, conhecida como Rua das Piranhas. Segunda informações oficiais, a rua será totalmente calçada e entregue no prazo de 15 dias.

Todas as obras em andamento estão sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Infra estrutura, a qual está atualmente sob direção do Sr. Paulo César.

Fonte: tonilima.zip.net

Vamos esperar pelos resultados dessas obras. Claramente se percebe que a cidade necessita de pavimentação, calçamentos, enfim, uma infra estrutura bem melhor do que é oferecida atualmente. Mas, senhor prefeito e secretários: Não só façam pavimentar ruas, crias acessos e fazer calçadas, claro que isso é importante, só não esqueçam do famoso SANEAMENTO BÁSICO.


***

Entrevistas no blog do Josivaldo Ramos.

Nesta quinta-feira, dia 30 de outubro, no Blog do JOSIVALDO RAMOS estreará o quadro JOSIVALDO ENTREVISTA.

Esse quadro irá efetuar entrevistas com personalidades Alagoanas, principalmente pessoas que interessam direta ou indiretamente ao público palmarino. O convite já foi enviado aos primeiros nomes: DR. TÁCITO YURI (Promotor de Justiça), GENISETE DE LUCENA (Vereadora), DOUGLAS LOPES (Radialista e Jornalista, já confirmou participação), DAVI SOARES (Jornalista), MARCIÂNGELA GONÇALVES (Presidente do PSOL em União e recentemente candidata a Prefeita, já confirmou participação), serão ainda convidados: ALMIR BELO (Eleito Vereador pelo PT), Dr. EMANUEL PAULO, o Dr. PAULO DO PT (Recentemente candidato a Vice Prefeito) entre outros.

E na estréia o entrevistado será Douglas Lopes, Radialista e Jornalista alagoano. Fica aqui a dica!

Fonte: http://josivaldoramos.zip.net

***

Livro mostra 300 principais discos da música brasileira.

A frase dita por Tim Maia e reproduzida nas primeiras páginas do livro 300 Discos Importantes da Música Brasileira, reflete ainda a triste verdade: "A música brasileira é a melhor do mundo e a menos divulgada." O livro é resultado de um projeto do baterista dos Titãs, Charles Gavin, em parceria com os jornalistas Tárik de Souza, Carlos Calado e Arthur Dapieve. "É uma necessidade urgente. Quero preservar a memória da música brasileira", diz Gavin.

Nele, o baterista e os críticos musicais selecionaram 300 álbuns que, nas palavras de Gavin, "mudaram e continuam mudando a música brasileira." O livro é resultado de um trabalho que o músico começou a fazer em 1998 quando, junto com a gravadora Warner, ajudou a relançar em CD os álbuns de 1973 e 1974 dos Secos & Molhados. "A partir daí não parei mais. Em dez anos consegui recolocar no mercado mais 450 discos dos catálogos da Som Livre, Universal, Sony/BMG e Warner."

A pesquisa é dividida em cinco períodos. De 1929 a 1959 (31 títulos), de 1960 a 1969 (77 títulos), de 1970 a 1979 (104 títulos), de 1980 a 1989 (47 discos) e de 1990 a 2007 (41 títulos). "Cada um de nós fez uma pré-lista com uns 400 álbuns. Daí saíram uns 150 discos que tínhamos em comum", explica. "Naturalmente a maioria dos álbuns selecionados são da década de 70. Para nós é unânime que nos anos 70 foram produzidas no Brasil músicas de altíssima qualidade", diz Gavin.

O preço é salgado, R$ 230, e ele será vendido exclusivamente na Livraria Cultura. O cuidado na edição, no entanto, compensa o investimento. Com 434 páginas no formato 31cm x 31cm (as medidas de um LP) o trabalho é fartamente ilustrado pelas capas de todos os discos e traz de bônus dois CDs encartados, 'O Último Malandro' (1959), de Moreira da Silva, e 'Baterista Wilson das Neves' (1968), de Elza Soares. "São dois álbuns sensacionais e absolutamente essenciais. Estão fora de catálogo", diz Gavin. Parte da renda obtida com a venda do álbum será doada ao Instituto Sou da Paz. As informações são do Jornal da Tarde.

Fonte: yahoo brasil
Redação TM

0 Deixe seu comentário: