Blogroll

8 de jan de 2009

ÚLTIMAS:



Israel mata soldado da ONU

O motorista de um caminhão que levava ajuda humanitária das Nações Unidas à Faixa de Gaza foi morto hoje em um ataque do Exército israelense. Este é o terceiro ataque das forças israelenses contra alvos das Nações Unidas. Nos últimos dois dias, duas escolas das Nações Unidas foram bombardeadas em Gaza, deixando mais de 40 mortos.

O mundo está ajoelhado. nem mesmo a maio organização do mundo é respeitada e seus soldados, que estavam a serviço de civis, estão sendo mortos.

Walter Jr.

****

ONU suspende operações de ajuda na Faixa de Gaza

A Organização das Nações Unidas (ONU) anunciou nesta quinta-feira que está suspendendo suas operações de ajuda humanitária na Faixa de Gaza devido ao perigo que seus funcionários correm com os ataques israelenses. "Nós suspendemos nossas operações em Gaza até que as autoridades israelenses possam garantir a nossa segurança", disse o porta-voz da agência da ONU para refugiados palestinos (UNWRA, na sigla em inglês), Chris Gunness.

"Nossas instalações foram atingidas, nossos funcionários foram mortos, apesar do fato de as autoridades israelenses terem as coordenadas sobre nossas instalações e de todos os nossos movimentos serem coordenados com o Exército israelense", acrescentou.

Walter Jr.

***

Cruz Vermelha também deixa de atuar no conflito

Também nesta quinta-feira, o Comitê Internacional da Cruz Vermelha disse que Israel não está cumprindo sua obrigação de ajudar os civis feridos pelos ataques na Faixa de Gaza. Segundo a organização, seus funcionários presenciaram cenas "chocantes". Em um incidente, uma equipe médica disse ter encontrado pelo menos 12 corpos em uma casa destruída por bombardeios em Zeitun, ao sul da Cidade de Gaza.

Junto aos cadáveres, segundo a Cruz Vermelha, estavam quatro crianças apavoradas, muito fracas para conseguir levantar, sentadas ao lado dos corpo de suas mães. A Cruz Vermelha afirma que os agentes humanitários foram impedidos de chegar ao local por dias após o bombardeio.

"Esse é um incidente chocante", disse o chefe de operãções da Cruz Vermelha para Israel e territórios palestinos, Pierre Wettach, em um comunicado. "O Exército de Israel deve ter tomado conhecimento da situação, mas não prestou assitência aos feridos", acrescentou. "E também não permitiu que nós e as equipes do Crescente Vermelho levassemos auxílio aos feridos."

Walter Jr.

****

Estou cada vez mais convencido que Hitler estava certo sobr os judeus. Além de entregarem Jesus para ser curcificado, ainda bagunçam o mundo, expulsam os palestinos de suas terras e os matam friamente.

Walter Jr.

0 Deixe seu comentário: