Blogroll

3 de mar de 2009

ÚLTIMAS:

Domingo tem eleição em quatro municípios do Maranhão e em um do Rio Grande do Norte

Quatro municípios do Maranhão e um do Rio Grande do Norte realizamnovas eleições para prefeitos e vice-prefeitos no domingo. A diplomação dos candidatos vencedores vai ocorrer até o dia 6 de março e a posse até o dia 9. No Maranhão, a nulidade dos votos apurados dos candidatos eleitos nesses quatro municípios em outubro de 2008 foi declarada em razão de problemas relacionados à prestação de contas ou ao descumprimento de outros preceitos fixados pela legislação eleitoral. As eleições vão ocorrer nos municípios de Amarante do Maranhão, Centro Novo do Maranhão, Bacabeira e Vila Nova dos Martírios.

No Rio Grande do Norte haverá eleição no município de Patu. O candidato mais votado na eleição de outubro teve sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral porque o Tribunal de Contas da União reprovou a prestação de contas de verbas federais administradas por ele em mandato anterior. O PMDB entrou com recurso no Tribunal Superior Eleitoral pedindo adiamento do pleito em Patu, alegando que o clima está acirrado na cidade. O pedido foi negado, sob alegação de que foram tomadas todas as medidas de segurança necessárias para a realização da votação.

Fonte: G1

Caso o atual prefeito Kil seja cassado, aqui também deve haver novas eleições. Qualquer outra medida, será mais corrupta do que as acusações da promotoria. Porque a lei em União tem sempre que "dois pesos e duas medidas"?

----

Estudante brasileiro é preso suspeito de forjar o próprio sequestro em Buenos Aires

O estudante de medicina brasileiro Bruno dos Santos, de 25 anos, está preso desde quarta-feira passada na divisão antissequestro da Polícia Federal argentina, em Buenos Aires, acusado de ter simulado seu próprio sequestro para obrigar os pais a enviarem R$ 10 mil à Argentina. Bruno comunicou-se com sua família em Mato Grosso do Sul, semana passada, e disse ter sido sequestrado.

A polícia do MS entrou em contato com o consulado brasileiro em Buenos Aires, que, por sua vez, informou às autoridades policiais argentinas. A PF argentina interceptou comunicações telefônicas e descobriu que Bruno e seus supostos sequestradores retirariam o dinheiro quarta-feira passada, na agência do Banco do Brasil em Buenos Aires. O estudante e seus acompanhantes (um argentino e um uruguaio) foram detidos dentro do banco.

Mais uma vergonha internacional para o Brasil. E pensar que esses filhinhos-de-papai são os espelhos para os jovens...

----

Família espera oito meses para enterrar parente no Paraná

Pouco mais de oito meses foi o tempo que uma família de Pinhais, na Grande Curitiba, precisou esperar para sepultar o corpo do pedreiro Baltazar Natal Galdino, de 35 anos, morto na madrugada de 19 de junho de 2008, num incêndio que atingiu sua casa, no Jardim Cláudia. A liberação do corpo por parte do Instituto Médico-Legal (IML) foi seguida de atropelos e desencontro de informações, segundo conta a irmã do pedreiro, Luzia Galdino, de 42 anos. Além da demora, o processo de identificação foi encaminhado por engano ao fórum de São José dos Pinhais.

O laudo do exame só ficou pronto em 22 de dezembro de 2008, mas a liberação judicial veio mais tarde, em 17 de fevereiro deste ano. O enterro só ocorreu na tarde do sábado de carnaval, dia 21, com mais espera. Luzia ficou das 9 até as 13 horas para conseguir a liberação do corpo e se surpreendeu com mais um deslize: o corpo estava sem numeração.

A assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) informou que a demora ocorreu porque o processo de identificação de um corpo carbonizado é feito a partir de material coletado por meio da trituração de ossos. A máquina que faz esse tipo de trabalho estava quebrada e teve de ser enviada a São Paulo para ser consertada. Sobre o envio do processo ao município errado, a assessoria informou que bastava a família solicitar apoio da Delegacia de Pinhais, que resolveria o problema em duas semanas.

Fonte: G1

----

Mudança climática no Atlântico Norte causa reflexo no Sul

Qualquer mudança climática abrupta na região do Atlântico Norte tem um rápido efeito de compensação no Atlântico Sul, afetando o clima em todo o mundo e não apenas localmente, disseram pesquisadores nesta quarta-feira. Um estudo de sedimentos oceânicos da última Era Glacial no Atlântico Sul confirmam teorias de que um súbito esfriamento ou aquecimento do Hemisfério Norte causa um efeito oposto no Sul, de acordo com os cientistas.

O estudo pode ajudar a entender os riscos, por exemplo, de um abrandamento da Corrente do Golfo que mantém a Europa mais aquecida. Oslo, por exemplo, está quase tão ao norte quanto Anchorage, no Alasca, mas é muito mais quente devido à Corrente do Golfo. O Painel Climático da ONU (Organização das Nações Unidas) disse num relatório de 2007 que era "muito improvável" que a Corrente do Golfo e correntes do Atlântico entrem em colapso neste século, devido ao aquecimento global, mas previu que as correntes diminuirão. Qualquer mudança da Corrente do Golfo poderia trazer esfriamento ao norte da Europa e aquecimento ao Hemisfério Sul.

Fonte: Reuters

----

Kassab quer iniciar a 'privatização' de bairros de São Paulo

Um projeto de lei encaminhado pelo prefeito Gilberto Kassab à Câmara Municipal, autoriza a prefeitura a transferir para empresas privadas a reurbanização de bairros da cidade. Pela proposta, que precisa ser aprovada pelos vereadores, a chamada concessão urbanística permitiria que a iniciativa privada fizesse a desapropriação de imóveis, construindo novos bairros para fins comerciais, residenciais ou mistos.

Segundo Kassab, o principal alvo das concessões são bairros degradados. Tanto que a região da Cracolândia, na região central, será a primeira área a ser repassada à iniciativa privada. Pela proposta de Kassab, a empresa qualificada para a concessão faz as desapropriações e recupera a área, com direito a comercializar os imóveis por um determinado período.

Fonte: Estado de S. Paulo

Walter Jr
Redator

0 Deixe seu comentário: