Blogroll

14 de mai de 2009

ÚLTIMAS:

A volta da lendária Mopho

Mopho volta aos palcos com formação original

Oxigenar a tímida cena local, mostrando uma produção que transcenda pequenas reuniões entre amigos. Esta justa proposta é umas das concernentes ao Maionese Cinco, que reaparece como uma alternativa às produções culturais de Maceió, inclinada a dar notoriedade a movimentações artísticas de cunho autoral com pouco espaço na cidade. Promovida pelo selo independente popfuzz records, a maratona de shows acontece no dia 30 de maio, às 21h, no Jaraguá Tênis Clube.

Nove bandas alagoanas estão inclusas na programação, dentre elas a psicodélica Mopho, que retorna ao Estado com sua formação original, o que desde 2002 não acontecia. O baterista Hélio Pisca e o baixista Junior Bocão, atualmente residentes em São Paulo, reúnem-se a Dinho Zampier, tecladista, e a João Paulo, líder da banda, para rematar a noite com um show que se profetiza catártico.

A estrutura do Jaraguá Tênis Clube será dividida em dois palcos. Neon Night Riders, grupo de electro rock já aclamado na cidade, apresenta-se no palco principal acompanhada do pós-grunge da Radium e das atrações interestaduais, duas bandas familiares no cenário independente brasileiro, a pernambucana Mellotrons e a sergipana Snooze, ambas com mais de uma década de formação. Meio paraibana, meio alagoana, a Sex On The Beach mostrará um surf music entusiasmado no palco aberto do evento.

Neste mesmo palco, seis bandas baterão ponto. A geração 90 (nascida nos anos 90) será representada pelos garotos da Dom Pedriota e as Tatuagens de Pipoca e seu surf music instrumental. Constam também na agenda os pouco menos jovens da The Lefts, banda que exibirá folk rock com viola caipira. Ainda no espaço ao ar livre, estarão a Blueberry Babies, seguindo uma linha shoegazer, Jorg and The Cowboy Killers, que passeia pelo indie e math rock, e o som experimental da Projeto Sonho.

O conceito do Maionese Cinco revalida o pensamento dos festivais de música independente. A produção dos shows tem como idéia central expor formas de se fazer música que fujam ao mainstream e, essencialmente, fomentar o cenário da música alternativa, criando espaços outros e dando vivas à alteridade. O conceito do Maionese Cinco revalida o pensamento dos festivais de música independente. A produção dos shows tem como idéia central expor formas de se fazer música que fujam ao mainstream e, essencialmente, fomentar o cenário da música alternativa, criando espaços outros e dando vivas à alteridade.

Horário: 21 horas
Local: Jaraguá Tênis Clube
Preço: R$10 (antecipado); R$ 15 (na hora)
Pontos de venda: Chilli Beans, Botequim Paulista e Estúdio Poker e Maceió Delivery
Informações: (82) 8802 9616 / 9925 9684 ou acesse: http://www.maionesecinco.blogspot.com

Precisa dizer mais alguma coisa? Clique aqui, acesse o HD Moderno e escute Mopho.

---

Sonhar acordado pode estimular o cérebro

Ao contrário do que se acreditava, sonhar acordado estimularia o cérebro e permitiria ao mesmo resolver problemas complexos, segundo um novo estudo. Este estudo, publicado na revista científica americana Proceedings of the National Academy of Sciences, mostra que uma mente sonhadora aumenta a atividade de várias regiões do cérebro.

O mais intrigante é que as partes do cérebro que permitem resolver problemas complexos apresentam uma atividade intensa quando uma pessoa pensa vagamente. Até hoje, no entanto, acreditava-se que elas ficavam em repouso, explicou à AFP a professora Kalina Christoff, especialista em cérebro e principal autora do estudo.

O trabalho, realizado com imagens obtidas por ressonância magnética (IRM), leva a crer também que "viajar" favorece mais a atividade do cérebro do que quando uma pessoa se concentra para executar uma tarefa rotineira, acrescentou Christoff, que é diretora do Laboratório de Ciências Neurológicas da Universidade da Columbia Britânica (UBC), no oeste canadense.

"As pessoas que sonham acordadas não são talvez tão concentradas quando executam uma tarefa, mas elas exigem mais recursos de seu cérebro", declarou. O estudo, segundo ela, fará com que mais pessoas revejam seus conceitos. "Nós fomos criados com a ideia de que divagar não é uma boa coisa, quando é totalmente o contrário", acrescentou.

O ser humano gasta normalmente um terço de seu tempo com a mente vagando enquanto está acordado. "É uma grande parte de nossas vidas, mas isso foi amplamente ignorado pela Ciência".

Fonte: Yahoo Noticias

Que alívio esse estudo me proporcionou. Agora é que não paro de divagar mesmo!


---

EUA cobram abertura comercial de Brasil, Índia e China

Os grandes países emergentes, como China, Índia, Brasil e África do Sul, devem se empenhar mais na abertura de seus mercados para garantir um novo acordo comercial global, disse na quarta-feira o representante comercial dos EUA, Ron Kirk.

Após dois dias de intensas negociações com seus interlocutores na Organização Mundial do Comércio (OMC), Kirk, no cargo desde março, disse que a recepção dada a ele não poderia ser melhor.
Ele reiterou o compromisso do presidente Barack Obama e dele próprio em concluir a chamada Rodada Doha da abertura comercial global, lançada em 2001.

"Nós a vemos não só como um componente crítico do que o presidente acredita que deva ser uma reação geral do mundo à atual crise econômica, mas também crítico para a sustentação de muitos dos nossos países menos desenvolvidos", afirmou ele em entrevista coletiva. Mas, num recado aos grandes emergentes, ele disse que um acordo exige mais do que apenas a participação dos EUA.

Como os mercados norte-americanos já estão totalmente abertos a 98 por cento dos produtos dos países menos desenvolvidos, as próximas oportunidades deveriam vir dos grandes países emergentes, que ao abrirem seus mercados criariam uma situação de "ganha-ganha-ganha", segundo ele.

Uma possibilidade, que Kirk não descartou, seria abandonar a busca por uma fórmula geral de cortes para subsídios e tarifas (as ditas "modalidades"), indo direto a negociações pontuais, inclusive em nível bilateral.

Fonte: Reuters

Traduzindo: Brasil, Índia e China, segundo os EUA, devem abrir seus mercado - liberar impostos, tarifas, etc - para mais empresas americanas. Isso enfraquecerá a indústria interna, provocará desemprego enquanto os EUA vão lucrar bastante. No fim ele afirma que se Brasil, Índia e China não aceitarem eles vão ignorar a Rodada de Doha e partir para fechar acordos bilaterais com os outros países deixando Brasil, Índia e China de fora. "Manda quem pode, obedece quem tem juízo" e só quem perde é, você cidadão brasileiro.

---

Obama adverte Israel para que não ataque Irã, diz 'Haaretz'

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou um emissário especial ao primeiro ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, para adverti-lo a não atacar o Irã, segundo informações publicadas nesta quinta-feira pelo jornal israelense Haaretz.

A informação foi divulgada depois de vários pronunciamentos de líderes políticos e militares de Israel, que indicariam a intenção israelense de atacar o Irã para impedir que o país produza uma bomba nuclear. Segundo a manchete do jornal Haaretz, Obama resolveu não esperar até seu encontro com o premiê Netanyahu - marcado para a semana que vem, em Washington - e enviou de maneira secreta e urgente o emissário especial para advertir o governo israelense "que não surpreenda os Estados Unidos com uma operação militar contra o Irã".

O medo de que a existência do Estado de Israel pudesse estar em risco por causa do programa nuclear iraniano foi um dos principais temas da campanha eleitoral de Netanyahu que, desde que assumiu o cargo de primeiro-ministro, vem repetindo que "fará tudo o que for necessário para impedir um segundo Holocausto". Segundo o analista Aluf Ben, "Netanyahu realmente acredita" que o perigo iraniano é semelhante a um "segundo Holocausto". Ben também afirmou que o premiê diz isso não apenas para a mídia, mas também em "salas fechadas, para as pessoas mais próximas".

Treinamento

A imprensa local e internacional vêm divulgando informações sobre treinamentos militares da Força Aérea israelense para um suposto ataque ao Irã. Segundo o semanário frances L'Express, aviões da Força Aérea israelense realizaram operações na região do estreito de Gibraltar - que incluíram abastecimento de combustível durante o voo - "para se preparar para atacar as instalações nucleares do Irã".

As autoridades israelenses não confirmaram nem desmentiram a informação do semanário francês. O chefe do Estado Maior do Exército israelense, general Gabi Ashkenazi, declarou, no dia da memória aos soldados mortos nas guerras de Israel, que o Exército está pronto para qualquer ação que seja necessária, "inclusive contra alvos distantes".

O Comando da Retaguarda do Exército israelense anunciou para o próximo mês de junho "o maior treinamento da retaguarda já realizado na história do país". O treinamento deverá incluir todos os habitantes de Israel, que serão instruídos pelas autoridades sobre como agir caso haja ataques de mísseis contra o território israelense.

Todos os habitantes receberão informações sobre os abrigos antiaéreos mais perto de suas residências e, em cada região, os moradores serão informados de quantos minutos ou segundos terão para procurar o abrigo mais seguro possível, caso sejam lançados mísseis contra o território israelense.

Fonte: BBC Brasil

E mais uma guerra se aproxima. Como a grande imprensa do Brasil é totalmente manipulada e vendida, provavelmente saberemos dos ataques ao Irã num plantão da globo. O pavio do mundo cada dia está menor. Se até Obama está receoso, é porque o Irã já deve ter as bombitas atômicas. Tomara que Israel seja varrido mesmo do mapa dessa vez.

2 Deixe seu comentário:

O festival Maionese desse ano está uma maravilha. Espero poder estar lá para conferir.

Eu jah garanti meus ingressos.