Blogroll

31 de mar de 2013

ÚLTIMAS: só desgosto Brasil! Vereador é acusado de estupro coletivo em SP Governadores empregam 105 mil sem concurso público

O vereador Douglas Mateus Monari Baptista (PSDB), de 37 anos, da Câmara de Itapetininga, a 170 km de São Paulo, foi preso na quarta-feira (27), acusado de participação no estupro coletivo de uma adolescente de 15 anos. De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu no último dia 6, quando a menina foi levada para uma chácara, dopada e violentada. A violência sexual foi filmada por um dos participantes. Em seguida, ainda inconsciente, a vítima foi abandonada num terreno baldio. Ensanguentada, ela foi socorrida por moradores.

Além do vereador, foram presos Bruno Vinicius Rosinha da Silva, de 18 anos, e o comerciante Sandro César Curcio, de 32. Todos foram levados para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Tremembé. Um adolescente de 17 anos que filmou as cenas está recolhido na unidade local da Fundação Casa. O vereador negou participação no crime. A investigação apurou que Douglas alugou a chácara onde ocorreu o estupro, no bairro Monte Santo, e levou para lá todos os envolvidos, inclusive a garota. O vereador é acusado de ter embriagado a menor e, assim que o crime começou a ser investigado, ter coagido testemunhas.

A adolescente conhecia alguns dos envolvidos, por isso teria aceitado o convite para ir a um churrasco. Quando percebeu que era a única mulher no local, ela pediu para ir embora, mas não foi atendida. A adolescente apontou Sandro e Bruno como autores da violência sexual. Ela não sabia que o estupro tinha sido filmado. A polícia encontrou as imagens no celular do adolescente. A delegada Leila Tardelli, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), entendeu que todos os acusados tiveram participação no crime. Eles vão responder a processo pelos crimes de estupro de vulnerável e corrupção de menores.

Familiares do vereador disseram que ele não estava no local quando teria ocorrido a violência sexual contra a menor. Um advogado foi contratado para tentar obter a liberdade provisória do acusado. Os advogados dos outros suspeitos não foram localizados

Fonte: Estadão

Nosso país caminha a passos largos para... A derrocada. Enquanto pipocam livros de acadêmicos que exaltam a "potência sulamericana", o "país do futuro" mostra que é uma Nação do passado. O povo preso ao ciclo vicioso da má educação e cultura de massa altamente alienante, elege as pessoas mais incapacitadas possíveis para gerir suas vidas. Trocam seus votos por cimento, comida, telhas, remédios, "r$50tinha"... Os eleitos democraticamente à luz dos preceitos da Constituição, guiados por leis eleitorais falidas que não punem e incentivam a criminalidade, barganham votos objetivando não ter compromisso com o pseudo-eleitor. Não tendo obrigação, ele tem total liberdade durante 4 anos para fazer o que quiser com o seu, o meu, o nosso dinheiro [tributos diretos e indiretos]; 90% do corpo político do Brasil é formado dessa vil maneira. O resultado? Atraso, corrupção e vandalismo como vemos na notícia acima. Os políticos são o espelho do povo.

--- 


A primeira pesquisa completa sobre a estrutura burocrática dos Estados, realizada pelo IBGE, revela que os 27 governadores empregavam em 2012, em conjunto, um contingente cerca de 105 mil funcionários que não fizeram concurso para entrar na administração pública. Apenas na chamada administração direta, da qual estão excluídas as vagas comissionadas das empresas estatais, o número de funcionários subordinados aos gabinetes dos governadores ou às secretarias de Estado sem concurso público chega a 74.740. 

Do total de 105,5 mil servidores sem concurso nos Estados, quase 10% estão em Goiás. O governador Marconi Perillo (PSDB) abriga em sua burocracia 10.175 funcionários nessa situação, o que o torna líder no ranking desse tipo de nomeações em números absolutos. A Bahia, governada pelo petista Jaques Wagner, vem logo atrás, com 9.240 não concursados.

Ao se ponderar os resultados pelo tamanho da população, os governadores que saltam para a liderança do ranking são os de Rondônia, Confúcio Moura (PMDB), e do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), com 937 e 263 cargos por 100 mil habitantes, respectivamente. Os oito governadores do PSDB controlam, em conjunto, 37,6 mil cargos ocupados por servidores não concursados. Os quatro governadores do PT, por sua vez, têm em mãos 23 mil vagas. Logo atrás estão os quatro do PMDB, com 21,6 mil. O peso dos partidos muda quando se pondera a quantidade de cargos controlados por 100 mil habitantes. Nesse caso, o PT passa para o primeiro lugar (75), e o PSDB cai para o quinto (41).

Em teoria, os cargos de livre nomeação servem para que administradores públicos possam se cercar de pessoas com quem têm afinidades políticas e projetos em comum. Na prática, no entanto, é corrente o uso dessas vagas como moeda de troca. Além de abrigar seus próprios eleitores ou correligionários, os chefes do Executivo distribuem as vagas sem concurso para partidos aliados em troca de apoio no Legislativo ou em campanhas eleitorais. "Os critérios e métodos de composição de governo que servem para a esfera federal se reproduzem nos Estados", observa o cientista político Carlos Melo. "A grande reforma política que poderíamos fazer seria reduzir ao mínimo esses cargos, tanto no âmbito da União quanto no dos Estados e municípios. Faremos? Creio que não. Não interessa ao sistema político."

Fonte: Estadão.

Outra notícia que retrata bem a grande teta que o Basil se transformou para os filhos, mulheres, irmãos, etc. dos políticos possam mamar feitos bezerros recém-nascidos. E quem paga o pato? O que? Você tem um emprego desses? Curte um trabalho de 6h por dia por um salário pra nada fazer, no ajeitadinho? Aproveita que o mundo está dando essa chance pra malandragem, porquê depois que a bonança se for... Os "contratados" são os primeiros a "voar".

27 de mar de 2013

ÚLTIMAS: BRICS [união econômica entre Brasil, Russia, India, China e Africa do Sul] anunciam criação de banco conjunto - coréia do norte corta comunicação e diz que guerra é iminente

Dilma com líderes dos BRICS
O grupo Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) aprovou a criação de um banco de desenvolvimento próprio, anunciou nesta quarta-feira o presidente sul-africano, Jacob Zuma.
"Decidimos criar um novo banco de desenvolvimento", declarou Zuma na sessão plenária da quinta cúpula anual das cinco economias emergentes, que termina hoje em Durban (África do Sul).

O banco terá como objetivo "mobilizar recursos", fomentar a construção de infraestruturas e o "desenvolvimento sustentável" em países emergentes, explicou o anfitrião da reunião.
A contribuição de cada país membro e o capital do banco ainda serão determinados, disse o chefe do Estado sul-africano.

Além disso, servirá de complemento para instituições financeiras internacionais já existentes, como o Banco Mundial (BM) e o Fundo Monetário Internacional (FMI), que os Brics consideram controlados em excesso pelos Estados Unidos e Europa. A criação do banco foi decidida pelos chefes de Estado dos cinco países após serem informados sobre a "viabilidade" do projeto por seus ministros de Finanças, na segundo e último encontro da cúpula.

Cores e culturas diferentes na união BRICS. Porém, um costume é comum à todos os países: a corrupção
Os Brics trabalham também para estabelecer um fundo de reservas de divisas de contingência por um valor inicial de US$ 100 bilhões, que daria aos parceiros estabilidade financeira. O grupo também concordou em formar um Conselho de Negócio dos Brics e um centro de estudos próprio. Os cinco chefes de Estado dos Brics apresentarão nesta quarta-feira, no fechamento da cúpula, um documento com as decisões adotadas, que incluirá os acordos assinados para fomentar os investimentos em infraestruturas na África e para a cooperação em matéria de economia sustentável.

Os países do Brics representam 42% da população mundial e ao redor de 45% da força de trabalho que existe no planeta, segundo dados do grupo.
Em 2012, Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul somaram 21% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial e o comércio entre eles chegou a um total de US$ 282 bilhões. 

Fonte: Agência EFE

A idéia de criar um banco governamental para financiar o desenvolvimento de países, realmente não é ruim. O que é ruim é a gerência desses recursos nas mãos dos inescrupulosos políticos e empresários beneficiados pelo montante. Levando a corrupção gerada pela falta de cultura dos países emergentes em conta, surge o questionamento: se cada país investir em seu próprio banco de desenvolvimento a conta para o povo sairia mais barata além de eficiente pois cada país deve saber de suas necessidades. Contudo, voltamos à estaca inicial do problema; graças a corrupção costumeira e seu fisiologismo partidário cheios e acordos escusos, mesmo se cada país membro do BRICS investisse em seu prórpio território, o investimento seria sangrado pelos sangue-sugas engravatados de Brasília - trocando em miúdos: o dinheiro ora gerenciado pelo BRICS, ora gerenciado por cada país separadamente, vai sempre vair bolso de quem já tem bastante. O povo - verdadeiro soberano da riqueza do país - fica com as migalhas educação ruim, saúde péssima e segurança... Que segurança? 

---


A Coreia do Norte vai cortar o último canal de comunicação com o Sul porque uma guerra pode estourar "a qualquer momento", afirmou o país nesta quarta-feira, dias depois de advertir os Estados Unidos e a Coreia do Sul sobre um ataque nuclear. O movimento é o mais recente em uma série de ameaças belicosas da Coreia do Norte em resposta a novas sanções da ONU, impostas após um terceiro teste nuclear realizado em fevereiro, e de exercícios militares "hostis" entre os EUA e a Coreia do Sul.

O Norte já tinha parado de responder às chamadas em uma linha direta com o Exército norte-americano, que supervisiona a fortemente armada Zona Desmilitarizada (DMZ), e a linha da Cruz Vermelha, que era utilizada por governos de ambos os lados. "Na situação em que uma guerra pode estourar a qualquer momento, não há nenhuma necessidade de manter comunicações militares entre o norte e o sul, que foram estabelecidas entre as Forças Armadas de ambos os lados", afirmou um porta-voz militar, segundo a agência de notícias norte-coreana KCNA.

"Não existe nenhum canal de diálogo e meios de comunicação entre a República Popular da Coreia do Norte e os EUA e entre o norte e o sul." As Coreias do Norte e Sul ainda estão tecnicamente em guerra, após o conflito civil entre 1950 e 1953 terminar com um armistício, e não um tratado. Recentemente, o Norte afirmou que suspendeu a validade do armistício.

O "canal de diálogo" é usado diariamente para registrar sul-coreanos que trabalham no projeto industrial Kaesong, onde 123 empresas sul-coreanas empregam mais de 50.000 norte-coreanos para produzir bens domésticos. É o último projeto conjunto que resta em operação entre as Coreias, após o Sul cortar a maior parte da ajuda e do comércio em resposta à morte a tiros de um turista sul-coreano e o naufrágio de uma embarcação naval sul-coreano, que foram considerados de responsabilidade do Norte.

Fonte: CNN

É visível a pequenes da combalida Coréia do Norte frente a Coréia do Sul. Porém, quando levantamos o rosto e olhamos por trás, vemos países como EUA, Inglaterra, China e Russia controlando seus cães de guerra. Enquanto as ameaças circulam, rezemos todos para que a intolerãncia, ganância e falta de Deus no coação do homem não comece mais um conflito desnecessariamnte sangrento - já que agora talvez sejam usadas aé armas nucleares pelos dois lados . Os verdadeiros sennhores da guerra não vão para o front de batalha. Eles também não mandam seus filhos. Os filhos do povo é que são mandados para morrer.

25 de mar de 2013

Respeite seu relógio biológico. Sono é saúde.

Entenda o que acontece quando você desrespeita seu relógio biológico

Nosso organismo tem um relógio biológico que regula várias de nossas funções, tais como apetite e sono. Entretanto, nossa vida cada vez mais atribulada e agitada nem sempre é compatível com esse relógio interno, o que pode afetar a saúde. Segundo Claudia Moreno, professora associada ao Departamento de Saúde Ambiental da Faculdade de Saúde Pública da Universidade São Paulo, a imposição de horários sociais contrários ao nosso ritmo temporal interno pode agravar ou contribuir para o desenvolvimento de distúrbios.

"É o caso da pessoa que precisa acordar cedo por conta do trabalho, mas quando chega em casa não consegue dormir cedo porque sempre teve o hábito de ir para a cama por volta da meia-noite, uma da madrugada. Daí acorda cansada no dia seguinte e tem uma necessidade maior de sono, o que configura um conflito social entre o trabalho, suas tarefas e seu ritmo circadiano", exemplifica a médica.
No curto prazo, esse descompasso não é preocupante. Porém, de acordo com a neurologista Dalva Poyares, médica do Instituto do Sono da Unifesp e especialista em Medicina do Sono, a privação das horas de sono torna-se um problema a longo prazo, podendo resultar em distúrbios crônicos.
A privação das horas de sono torna-se um problema a longo prazo e pode resultar em distúrbios crônicos
 
Dormir e acordar no mesmo horário
Entre os distúrbios que podem surgir quando nosso estilo de vida não é compatível com nosso relógio biológico interno estão a síndrome jet lag,  distúrbio dos tralhadores em turnos e síndrome de avanço/atraso da fase do sono.

Todos estão relacionados com o desequilíbrio do nosso ritmo circadiano. Para entender melhor, é preciso esclarecer que o ritmo biológico pode ser conceituado como um evento que se repete regularmente, conforme explica Claudia Moreno. "Um ritmo circadiano repete-se a cada 24 horas (expressão que vem do latim e quer dizer cerca de um dia)".  

Uma das funções deste sistema é o ajuste do relógio biológico, mais conhecido cientificamente como sistema de temporização. Trata-se de mecanismos capazes de gerar ciclos, como o de acordar e dormir.
Ciências, como a cronobiologia e a nutrição, indicam que os bons estados de saúde aparecem associados à manutenção relativamente estável na relação de fases entre ritmos.  Portanto, ter um ritmo circadiano (principalmente uma relação estável entre o ciclo de vigília e sono) pode ser preponderante para estarmos saudáveis ou não. Portanto, procurar acordar e dormir nos mesmos horários faz bem à saúde.

Trocar o dia pela noite
Entre os distúrbios relacionados ao ciclo circadiano, o mais comum é o de pessoas que trabalham em turnos alternados ou noturnos. Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2000, quase metade da população economicamente ativa do Brasil trabalha mais de 44 horas semanais, ou seja,  trabalha além do período diurno alterando consideravelmente os ciclos naturais de vigília/repouso.

No entanto, a inversão dos horários de acordar e dormir nunca será bem-sucedida do ponto de vista fisiológico. "O organismo tem limite. Se a alteração do horário de sono for superior a três horas (para mais ou para menos), a probabilidade de sucesso na adaptação é menor. Isso quer dizer que, se a mudança for muito exagerada, o organismo não consegue se adaptar; a pessoa não vai aguentar em longo prazo", explica a neurologista Dalva Poyares.

Longevidade afetada
A privação do sono é secundária do distúrbio do ritmo circadiano. Portanto, as consequências imediatas da alteração do ciclo circadiano invariavelmente são insônia e/ou sonolência excessiva.

Dalva Poyares esclarece que estudos nacionais e internacionais mostram que o indivíduo que dorme menos vive menos, a longo prazo.

A privação de sono também levar a alterações metabólicas, como obesidade, predisposição ao diabetes e alterações cardiovasculares, cognitivas e no desempenho físico, além de baixa imunidade. Pessoas que dormem pouco são propensas a ter arteriosclerose, o que, invariavelmente, representa risco de comprometimentos cardiovasculares, como infarto e derrame.

"Há pesquisas que demonstram que mulheres que cumprem trabalho em turnos estão mais propensas a desenvolver câncer de mama. Já a alimentação é alterada pela privação de sono. As pessoas que têm insônia tendem a comer mais besteiras, alimentos com carboidratos e gorduras", conclui a médica.

Em contrapartida, ainda segundo Poyares, durante o sono de ondas lentas (profundo) acontecem vários processos importantes no nosso organismo, como os relacionados à memória e ao aprendizado, que são essenciais ao desempenho intelectual, assim como a renovação celular e o alentecimento do ritmo cardíaco (ritmo menor da batida cardíaca) etc. A falta de sono, portanto, prejudica tudo isso.

Matutinos x vespertinos
Claudia Moreno, contudo, faz um alerta: os distúrbios dos ciclos circadianos existem, mas são raros. O que precisa ser considerado são as diferenças entre as pessoas, que podem ser classificadas em matutinas (têm hábitos matutinos, inclusive o de acordar cedo), vespertinas (hábitos mais tardios, por exemplo, preferem acordar mais tarde) e intermediárias (que não é nem exatamente matutino e nem exatamente vespertino).

"Tem ainda a necessidade de sono de cada um, que também varia de pessoa para pessoa. Então, além de quando você dorme (mais tarde ou mais cedo), há ainda quanto você dorme. O problema é que nem sempre conseguimos dormir na hora que queremos. Por exemplo, mães com bebês pequenos são privadas de sono. E essa privação acontece toda vez que nossa necessidade particular, individual, não é atendida", explica Moreno.

Daí, de acordo com a médica, podem surgir as chamadas perturbações do sono. Trata-se de queixas relacionadas ao sono, como dificuldade de adormecer, sono interrompido várias vezes durante a noite, acordar espontâneo antes do tempo. Estas perturbações podem ocorrer por vários fatores, como estresse, preocupações, jet lag, além da dificuldade de uma pessoa ajustar-se a horários impostos pela sua vida social (trabalho, estudo) que não condizem com seu cronótipo (ritmo corporal variável segundo a disposição inata da pessoa)", completa Claudia Moreno.
  
Mais sono, mais vida

Um estudo do Instituto do Sono/AFIP e da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), intitulado "Sono e Longevidade", buscou traçar o padrão de sono de indivíduos longevos, com mais de 85 anos, a fim de identificar possíveis fatores que podem levar a uma maior expectativa de vida.
De acordo com o doutorando em Medicina e Biologia do Sono e um dos coordenadores do trabalho, Diego Mazzotti, este é um dos primeiros estudos com esse objetivo e com descrições e associação com a longevidade, em âmbito nacional e internacional, a fazer uso de instrumentos para avaliar o sono, como polissonografia (mede os estágios do sono) e actigrafia (aparelho para medir atividade/repouso).

Na pesquisa, foram avaliados o padrão de sono, análises clínicas e genéticas de 38 indivíduos de três faixas etárias diferenciadas: de 20 a 30 anos, de 60 a 70 anos e de 85 anos em diante.

Entre as conclusões, que ainda precisam de novos estudos para serem aprofundadas, os longevos não apresentaram redução significativa do estágio de sono profundo (N3), também conhecido como sono de ondas lentas, quando comparados aos idosos entre 60 e 70 anos, sugerindo que uma quantidade mínima desse estágio, considerado essencial, precise existir para garantir a longevidade.

Os longevos também apresentaram padrões de sono mais regulares; dormiam, acordavam e faziam cochilos no mesmo horário. "Ainda precisamos aprofundar os estudos, mas a hipótese é a de que padrões regulares de sono podem trazer mais longevidade", explicou Mazzotti

Outras hipóteses são de que uma qualidade de sono melhor pode resultar em um metabolismo mais regular, uma vez que os longevos apresentaram melhor perfil lipídico e colesterol que os idosos, e ainda foi encontrado um grupo de genes que estão mais ativos nos longevos, podendo estar associados à longevidade.

Fonte: UOL

Maceió é uma das cidades mais voilentas do mundo, 2º estatísticas da ONU


Nesta semana, o Folhacóptero sobrevoa o mapa da violência no Brasil. Os índices de homidícios, normalmente liderados pelas grandes metrópoles do Sudeste, nos últimos anos interioriaram-se e disseminaram-se para outras regiões, como o Nordeste.Nele está a cidade mais violenta do país, Maceió (AL). Sua taxa de 110 homicídios para cada 100 mil habitantes faz da capital de Alagoas uma das cidades mais perigosas do mundo. Para efeito de comparação, a taxa média nacional de homicídios em 2010 foi de 27,4 casos para cada 100 mil habitantes. Segundo a ONU, a média mundial é de 10,3 por 100 mil habitantes. Assista:


:
Ótimas reportagem, porém esquecem de divulgar que esses ótimos númerso do sudeste em comparação com os péssimos índices do nordeste e sul, está diretamente ligado com a aproximação da Copa do Mundo e Olimpíadas do nosso território. Os estados ditos ricos do Sudeste, fazem sua limpeza na criminalidade colcando a sujeira embaixo do tapete, ou seja, escondendo a criminalidade no nordeste e no sul, lugares antes pacificados. Depois dos eventos internacionais de grande porte, a violência voltará no Rio, Sampa... Sampa já ta voltando. Sem políticas públicas adequadas não se melhora a Segurança de uma nação.

23 de mar de 2013

Música: Titãs

- Titãs
- Cabeça Dinossauro
- WEA, 1986 [relançado em 2012]

Os Titãs foram uma das bandas, ao lado de Raimundos, Nirvana e GunsN´Roses que me fizeram enveredar pelos bons sons. Na época que estourou o cd AcústicoMTV com a música de trabalho É Preciso Saber Viver, eu não passava de um adolescente e vidrei naquela música simples que grudava nos ouvidos. Eu não entendia nada de música, mas aquele cd "caça níquel" [o Volume 2, continuação do Acústico teve até Roberto Carlos] me fez querer conhecer a melhor fase da banda, o início nos anos 80.

Para aqueles que não gostam e/ou não acompanham o rock and roll nacional, os Titãs são apenas "uma banda que faz sucesso com o disco acústico". Para a geração mais nova, nascida apartir dos anos 90, creio que os Titãs, nem existam. Bem, eles existem e continuam(!) na ativa apesar dos vários desmembramentos ocorridos no decorrer da carreira: em 1991 Arnaldo Antunes pula do barco após o fracasso comercial de Tudo Ao Mesmo Tempo Agora; em 2001 morre o guitarrista Marcelo Fromer atropelado; já em 2003 o baixista Nando Reis resolve também sair; e, por último, em 2010, chegava a hora do baterista Charles Gavin deixar os Titãs alegando problemas relacionados com síndrome do pânico e depressão. Diante de adversidades, uma banda que completou 20 anos em 2012, merece todo reconhecimento, mesmo tendo sempre que levar o rótulo de "vendida ao sistema". Depois de um tempo, percebe-se que manter-se e manter a família vale muito, muito mais do que "rótulos".

Cabeça dinossauro tem a temática de atacar tudo e todos. As Instituições Sociais [a Polícia , a Igreja, a Família [{essas em faixas homônimas no disco}], o Estado, o Capitalismo...], coitadas, ticeram atenção especial. Guitarras pesadas, assim como a cozinha precisa ainda comandada com Nando Reis e Charles Gavin, marcam o compasso pra a verborragia das letras agressivas, muito bem escritas - na maioria das vezes - por Arnaldo Antunes e cantadas pelo próprio divididno os vocais com Paulo Miklos, Branco Melo e Sérgio Brito. O ser humano e suas insatisfações com a opressão quando não gerada pelo governo, gerada pela sociedade, não podeia deixar de passar em branco como expressa Bichos Escrotos, Tô Cansado e Homem Primata. A ditadura de época que acabara de cair, não podia faltar dentra daquela estética subersiva e os Titãs gravaram Estado Violência. Nenhuma banda nacional de sucesso fez disco com conteúdo tão agressivo quanto os Titãs.

Alguns fãs mais saudosistas e radicais, clama que o Titãs fizesse sempre o som que fez. A band tentou, mas não conseguiu. Quem sabe porque Cabeça Dinossauro seja um disco que por si só já fala de tudo. Um disco que resume bem as discrepâncias sociais com uma sonoridade tão suja e ao mesmo tempo acessível, não pode ser repetido. Se eles tentassem soar "old school" demais, cairiam no ridículo ou no mais do mesmo. De lado B, viraram lado A através do pop que sempre esteve ali, espiando de longe as músicas dos Titãs. Sem a fase pop eles não teriam ficados ricos. Nem teria completados 30 anos de banda e relançado - pra comemorar o aniversário - Cabeça Dinossauro, inclusive com direito a turnê no maior estilo grunge ao vivo, sem músicos de apoio e com a participação dos antigos integrantes Arnaldo Antunes, Nando Reis e Charles Gavin. No maior estilo "old school" que todos pensavam já ter se esvaido.

Uma banda que fez um disco como esse, tem o direito de ser pop e ser underground quando quiser.

Walter A.
wjr_stoner@hotmail.com / facebook.com/Walter_blogTM



21 de mar de 2013

ÚLTIMAS: Joaquim Barbosa diz existir "conluio" entre juízes e advogados durante sessão que "condenou" um juiz do Piauí a uma aposentadoria forçada

O presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Joaquim Barbosa, afirmou nesta terça-feira que existe um conluio entre juízes e advogados. Durante julgamento no qual o CNJ determinou a aposentadoria compulsória de um magistrado do Piauí acusado de beneficiar advogados, Barbosa disse que muitos juízes devem ser colocados para fora da carreira. "Há muitos (juízes) para colocar para fora. Esse conluio entre juízes e advogados é o que há de mais pernicioso. Nós sabemos que há decisões graciosas, condescendentes, absolutamente fora das regras", criticou Joaquim Barbosa. 


O presidente do CNJ deu a declaração ao debater de forma amistosa sobre o caso do Piauí com o relator do processo, Tourinho Neto, que ficou vencido no julgamento. Tourinho Neto comentou: "Tem juiz que viaja para o exterior para festa de casamento de advogado e não acontece nada."Em sua última sessão como conselheiro do CNJ, Tourinho Neto foi o único a votar contra a aposentadoria compulsória do juiz de Picos (PI) João Borges de Sousa Filho. Tourinho Neto afirmou que tem amizade com advogados, mas que isso nunca influenciou suas decisões. Ele contou que foi juiz no interior da Bahia e que "tomava uísque na casa de um, tomava cerveja na casa de outro". 


O conselheiro disse que existe juiz que instala câmera no gabinete para se precaver e posteriormente não ser acusado de beneficiar determinada parte de um processo. "Isso é terrível. Na próxima Loman (Lei Orgânica da Magistratura) vai estar que juiz não pode estar com advogado e nem com Ministério Público", opinou. Pouco depois, Tourinho comentou sobre a possibilidade de clientes escolherem advogados que são próximos a juízes. "O advogado é amigo do juiz, a parte contratada achando que vai receber benesse", disse. "E às vezes recebe um tratamentozinho privilegiado", rebateu Barbosa. Tourinho reagiu e afirmou: "Mas Vossa Excelência é duro como diabo."


Nos debates, Tourinho chegou a comentar a possibilidade de Joaquim Barbosa se candidatar à Presidência da República no próximo ano. "O juiz, na maioria dos casos, é um acovardado. Vossa Excelência foi endeusado. Quem sabe não será o próximo presidente da República?", brincou. O presidente do CNJ não respondeu.


Recentemente, Joaquim Barbosa envolveu-se em uma polêmica com associações representativas de juízes. O problema ocorreu após o presidente do STF ter concedido uma entrevista a jornalistas correspondentes estrangeiros na qual atribuiu a magistrados brasileiros mentalidade mais conservadora, pró impunidade. Entidades representativas de magistrados reagiram. Numa nota oficial, afirmaram que não admitem que sejam lançadas dúvidas genéricas sobre a lisura e a integridade dos magistrados brasileiros. "Causa perplexidade aos juízes brasileiros a forma preconceituosa, generalista, superficial e, sobretudo, desrespeitosa com que o ministro Joaquim Barbosa enxerga os membros do Poder Judiciário brasileiro", afirmaram as associações na nota

Fonte: Estadão

É fato, o ministro Joaquim Barbosa foi endeusado. O motivo eu não sei, uma vez que ele cumpriu seu dever constitucional e puniu grandes infratores da lei, contudo tal punição não teve nenhum efeito prático [já é notório que no Brasil só quem vai preso é peixe pequeno, pobre e sem contatos políticos]. Endeusar um ministro que cumpre seu papel de forma honrada é o reflexo do Brasil: um país onde fazer o "dever de casa" é novidade. O povo anda anda tão acostumado a ver políticos e congêneres se beneficiando e nada fazendo para o bem coletivo que quando um faz, logo é clamado salvador da pátria. 

Joaquim Barbosa é um dos poucos homens com H maiúsculo em Brasília com sensatez pra fazer o que deveria ser a regra e não a axecssão: mandar pra cadeia quem rouba a nação. E nesse julgamento para "punir" [entre aspas mesmo pois aposentadoria é um prêmio para o trabalhador mortal que consegue chegar aos seus 35 anos de contribuição vivo; para juizes é a punição máxima para os crimes cometidos] ele foi como de costume, sincero afirmando suas posições ocntrárias as armações netre juízes e advogados e esse outro ministro Tourinho - o único que foi contra a "punição" é um retrato do passado quando afirma que bebe com os advogados e acha normal. Eita brasilzão. Um dia, chegamos lá. Um dia. 

TM 

17 de mar de 2013

ÚLTIMAS: conheça seus direitos na hora de frequentar bares e restaurantes - Norte e Nordeste lideram "ranking" da morte

É muito bom poder sair de casa um pouco e comer em um restaurante ou  então aproveitar um bar. Porém, a noite pode acabar em confusão por conta de desentendimentos entre o estabelecimento e o consumidor. Para evitar esse tipo de problema, a Proteste – Associação de Consumidores,  lançou, em homenagem ao Dia Mundial do Consumidor (15 de março), uma cartilha com alguns cuidados que os clientes devem ter. Confira abaixo algumas dicas.

Comanda
A cobrança de uma taxa pela perda da comanda, na qual são anotados os pedidos do cliente, é considerada uma prática abusiva, pois é responsabilidade do estabelecimento saber o que o cliente consumiu. Ou seja, eles precisam ter uma forma de controlar o consumo, mesmo com o extravio do cartão ou comanda. Enquanto ao consumidor cabe conferir se o que está sendo cobrado foi realmente consumido.

Gorjeta
O pagamento da taxa de serviço, que é de 10% referente ao valor da conta, é facultativo, pois se caracteriza como uma doação. Portanto, observe a discriminação dos valores cobrados em sua comanda, e opte pelo pagamento da taxa de serviço como forma de gratificação ao garçom que lhe prestar um bom serviço. Caso não tenha sido bem atendido, não se sinta pressionado a pagar.
Couvert Artístico
Ao contrário da taxa de serviço, a cobrança do ”couvert artístico” é permitida sempre que houver algum tipo de apresentação artística ou música ao vivo no local. Entretanto, para que haja a cobrança, é preciso que haja uma informação prévia, seja por meio de cartazes ou no cardápio. Além disso, também é ilegal a cobrança de couvert artístico para música ambiente ou telão em dia de jogos.
Para se considerar o pagamento, o estabelecimento deverá ter um contrato de trabalho com o artista de, no mínimo, quatro horas de duração, e a apresentação terá de ser ininterrupta ou intercalada por 60 minutos ou mais.
Consumação mínima
A exigência de consumação mínima é proibida pelo CDC (Código de Defesa do Consumidor), portanto, a prática é abusiva. A explicação é de que o fornecedor não pode condicionar a entrega de um produto ou prestação de serviço a limites quantitativos.

Fonte: Yahoo!Noticias

Muito pertinente a reportagem. Teve um barzinho famoso daqui da cidade em que moro que me "embutiu" na conta exatos R$48. Questionei no ato a cobrança indevida e ainda não paguei os 10% do serviço.

---

Líderes em mortes, Norte e Nordeste têm estrutura de segurança precária

Os Estados do Norte e Nordeste do país têm as maiores carências referentes a equipamentos de segurança pública. Segundo a pesquisa "Perfil das Instituições de Segurança Pública 2013", da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública), falta de algemas, armas, coletes e até de laboratórios e prédios para perícias médico-legais fazem parte da realidade de algumas unidades da federação das duas regiões.

A pesquisa é realizada anualmente desde 2004, com a coleta de informações repassadas pelas próprias unidades da federação. O objetivo é "subsidiar a elaboração e a execução de políticas públicas para a área."


Entre 2000 e 2010, por exemplo, o Norte assistiu a um crescimento de mortes violentas de jovens até 19 anos de de 123%. No Nordeste, a alta foi ainda maior: 137%. No país, a alta foi bem mais tímida, de 15% no mesmo período.

Equipamentos

No quesito equipamentos para a PM (Polícia Militar), o Piauí apresenta dados que chamam a atenção. Segundo o levantamento, são apenas 333 algemas para quase 6.000 policiais. Além disso, seriam 1.142 coletes para 5.980 militares, o que dá uma média de 5,2 para cada policial –a menor média do país. Procurada pelo UOL, a PM do Piauí não respondeu aos questionamentos até a publicação desta reportagem.

Outro problema verificado foi a a pouca quantidade de armas. "Observou-se que, em 11 Estados, a razão entre efetivo e armas de fogo é menor que 1, significando que o arsenal de armamento é menor que o efetivo." E mais uma vez um Estado nordestino apareceu como destaque. No Maranhão, a Senasp apontou que existem 7.585 policiais, com 3.530 armas --2,15 para cada policial, a menor média do país. Mas, segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, os dados da pesquisa, que correspondem a 2011, estão desatualizados.
"A Polícia Militar dispõe de 9.070 armas, entre escopetas, fuzis, metralhadoras, pistolas e revólveres. Assim, na atualidade, a razão é de 1,2 arma para cada policial militar", informou o órgão. 

O estudo também aponta que em apenas 15 Estados as polícias militares possuem registro informatizado de ocorrências, feitos em banco de dados. A pesquisa também cita que o acesso à internet ainda é "bastante limitado" em alguns Estados, como Roraima, Acre, Mato Grosso e Piauí.

Perícia carente

Na área de perícia, o estudo faz uma análise genérica de que "há carência de pessoal, de equipamentos e de capacitação", mas cita que a principal constatação mostra a "necessidade de reformulação da gestão da criminalística, sem o que o país seguirá carente de serviço tão fundamental para a proteção dos direitos humanos (das vítimas, dos acusados e dos criminosos) e para o fortalecimento do arcabouço probatório e a consequente redução da impunidade".

Para a Senasp, as investigações são comprometidas pela falta de exames necessários, como o toxicológico, fundamental para detectar o uso de drogas ou veneno, mas que não é realizado por seis Estados Estruturalmente, o estudo destaca o caso de Alagoas, único Estado entre as 27 unidades da federação que não teria um laboratório para análises químicas.

"Embora em Alagoas a competência para realização de perícias laboratoriais seja do Instituto de Criminalística, o Estado não tem de fato laboratório", afirma o estudo, que cita ainda que o IML não possui também um raio-x. Em nota enviada ao UOL, o Instituto de Criminalística questionou parte da informação contida na pesquisa, citando que o instituto "possui um dos mais modernos laboratórios do país na área de balística com três microcomparadores balísticos. Possui também laboratório de toxicologia para analise, por exemplo, de material entorpecente".

O órgão alagoano, porém, confirma que não possui raio-x e alega que o atual prédio não oferece condições para instalação. "É um problema histórico, mas que a atual gestão está resolvendo. Prova disso é que já garantimos recursos para a compra deste tipo de equipamento, tanto para o IML de Maceió como para o IML de Arapiraca." Outro problema encontrado é logístico, com a falta de institutos médico legal. O caso que mais chama atenção vem justamente do maior Estado do país. "Amazonas, com toda sua extensão territorial, tem IML tão somente na capital", citou o estudo.

A diretora do Departamento de Polícia Técnica Científica do Amazonas, delegada Lia Gazineu, confirmou que há apenas um IML no Estado, mas disse que "a nomeação de perito legista também pode ser feita pelas autoridades judiciais ou autoridades policiais competentes, por meio de documento", informou, complementando: "São selecionadas pessoas capacitadas, no caso do interior do Estado, um médico. Esse médico legista é devidamente nomeado e procede a autopsia".

Gazineu também afirmou que busca parcerias com Senasp para implantação de IMLs nos municípios mais longínquos, "primeiramente nos municípios de fronteira, como São Gabriel da Cachoeira, Tabatinga e Boca do Acre." "O objetivo da Polícia Civil do Amazonas é fazer a implantação de núcleos, não somente do IML, mais também do Instituto de Criminalística nesses municípios", informou.

Aumento da violência

Para o pesquisador do Instituto Sangari e coordenador do Mapa da Violência, Julio Jacobo Waiselfisz, existe uma relação direta entre falta de estrutura dos aparelhos de segurança e o crescimento da criminalidade. Ele cita também que falta coordenação para integrar o trabalho das polícias e judiciário.

"Há uma série de diagnósticos que mostram que as polícias não têm um pavimento estrutural  para enfrentar a violência. Eu acho que uma ação coordenada é muito importante. Se não há articulação, há um prejuízo em qualquer área, seja comercial, financeira, estatal ou da segurança. Se uma empresa não coordena vai a falência.

O pesquisador cita que a falta de estrutura e coordenação leva a baixa eficiência, por exemplo, de investigações policiais. "O relatório da meta 2, do próprio Ministério da Justiça --que fala sobre inquéritos que dormiam nas prateleiras de delegacias-- mostrava, em julho, que eles conseguiram solucionar pouca quantidade de casos. E fizeram um diagnostico, e viram uma falta de coordenação, estruturas obsoletas e baixa eficiência. Esse é o problema", disse.

Fonte: UOL Noticias

Que dó desse estado maravilhoso que é Alagoas. Berço da Liberade. Nascituro dos Marechais Deodoro e Floriano. Reduto da Resistência escrava com Zumbi... Terra esta de onde brotou ícones da literatura nacional como Jorge de Lima, Graciliano Ramos, Aurélio Buarque de Holanda... Lugar  inicial da história de notórios músicos conhecidos em todo Brasil e até fora dele: Hermeto Pascoal, Djavan, Florentino Dias... Uma terra tão rica e consequentemente tão roubada que mesmo com toda bagagem hisórica que carrega em seus maltratados ombros, não consegue se disvencilhar dos grilhões que a aprisionam; seu povo de tão alienado, de 2 em 2 anos vai às urnas legitimar a corrupção, o servilismo e em alguns lugares, e velho e bom coronelismo. E a vida segue. E continuamos invadindo o horário nobre da Globo sendo exemplo de notícias ruins. COntinuamos no topo dos piores indicadores sociais. Mas nossos governantes, empresários e seus aceclas, sentam na orla e bebem wisk 12 anos acompanhado de camarão enquanto o gari, o ambulante, o garçon, etc. trabalho 30 dias pra recfeber o que ele gasta num único dia.

 



 

16 de mar de 2013

FILME: Onde Os Fracos Não Têm Vez

No Country For Old Men, 2007
Dir.: Ethan e Joel Coen
Elenco: Javier Bardem, Josh Brolin, Tommy Lee Jones, Woody Harrelson, Kelly MacDonald
Dur.: 139 min.

Quando o tempoModerno ainda nem sonhava em subverter usando a internet - começamos como um zine impresso - esse foi um dos primeiros filmes indicados por nós. Na época ele havia acabado de ganhar 4 Oscars: melhor filme, direção, roteiro adaptado e melhor ator coadjuvante para Javier Bardem.

A trama desenvolve-se em torno de uma disputa entre gangues no Texas dos anos 80 onde o saldo é muitos mortos e uma maleta com 2 milhões de dólares abandonada. Llewelyn Moss [grande atuação de Josh Brolin], um vaqueiro que não entende bem o beco sem saída em que está se metendo ao tomar pra si a maleta, vira alvo de um psicopata extremamente frio e calculista denominado Anton Chigurn contratado pelo dono do dinheiro. Além do assassino profissional Anton, que por onde passa deixa rastros de sangue, Llewelyn tem em seu encalço o restante de uma das gangues violentas que definharam no deserto com a maleta.

o psicopata Anton Chigurn utiliza uma pistola de ar comprimido para matar 
A caçada é longa e sem trégua para os personagens envolvidos, mas para o espectador a película devido a sua qualidade de prender a atenção na tela à espera do próximo passo da história, o filme transcorre velozmente. A edição com cenas longas, bem trabalhadas, sem muitos cortes, deixam a ação bem fluida e o suspense bem mais evidente.

Durante esse "pique-esconde" macabro, ambos os lados da batalha triangular saem feridos, esgotados, porém a ganância e a determinação de se apoderar de tanto dinheiro fazem com que os personagens criem forças do nada para seguir suas jornadas em busca da maleta. Paralelamente o roteiro nos apresenta o xerife Ed Tom Bell [Tommy Lee Jones] que tenta, dentro de suas limitações, fazer com que Llewelyn entenda com que tipo de gente está mexendo através de sua esposa Carla Jean [Kelly MacDonald]. Filmes com a temática da "mala de dinheiro" são recorrentes na sétima arte. Cova Rasa do diretor Danny Boyle, Fargo dos próprios irmãos Cohen, já exploraram o tema. Contudo, Onde Os Fracos Não Tem Vez vai mais além, exibindo de forma crua o desfecho natural para histórias reais como essa baseada em sangue, dinheiro e drogas. 
Tommy Lee Jones como Ed; Kelly MacDonald como Carla e Josh Brolin no papel de Llewelyn

É recorrente em blogs e fóruns pessoas reclamando do filme, afirmando não terem entendido nada e desmerecendo os prêmios ganhos. São pessoas que, com vergonha de se inteirar acerca daquilo que acabaram de assistir, detratam a obra. Bem, não gostar desse ou daquele filme é um direito. Porém, não gostar porque não entendeu é no mínimo preguiça de pensar, pra não descer o nível e dizer BURRICE. Os diretores do filme recorrem a uma dicotomia durante toda a obra: enquanto algo é mostrado de forma objetivo e clara [como alguns assassinatos] outras não veem à tona, ficam subentendidas nas entrelinhas dos irmãos Coen [como na cena em que Anton sai da casa de Carla Jean]. São esses pequenos detalhes somadas a uma adaptação de um livro que mesmo tendo como pano de fundo os saudosos anos 80, nos nossos anos 2013 continuam atualíssimo. 

Quem quiser o torrent é só pedir via email ou facebook.

Walter A.
wjr_stoner@hotmail.com / facebook.com/Walter_blogTM

15 de mar de 2013

HQ´s, onde achá-las?


Antigamente comprar gibi era uma coisa simples e prática: bastava juntar uns trocados, ir até a banca mais próxima e comprar a revista do seu herói predileto por um preço baixo. Com o passar dos anos os gibis foram ficando mais caros, e também começaram a surgir edições mais luxuosas, voltadas para livrarias e comic shops. Os quadrinhos que eram encarados como "coisa de criança" começou a ser levado a sério. Inclusive no preço.
E com essas edições surgiram lojas específicas, livrarias e marketplaces para compras online. As bancas de jornal ainda vendem os gibis e mangás mensais (sendo que algumas vendem encadernados também), porém a comodidade, facilidade e os preços mais em conta fizeram com que as lojas online ganhassem cada vez mais espaço. A seguir temos uma lista de algumas lojas que vendem encadernados, gibis mensais e mangás online (e suas vantagens e desvantagens):
GRANDES LIVRARIAS
Sempre uma ótima opção de compras, as grandes livrarias possuem um ótimo estoque e algumas oferecem produtos com bons descontos (SaraivaFnacSiciliano), outras não oferecem descontos, mas contam com um grande estoque e produtos importados (Cultura), além de grandes redes varejistas se aventurando no meio (Ricardo EletroCasas BahiaAmericanasPonto Frio eSubmarino).
Essas lojas oferecem a chance de você procurar por descontos em buscadores de preço (e cupons de desconto no Orkut também) e conseguir um preço ainda mais em conta, mas como a procura é grande você corre o risco de ficar com as mãos abanando.
Maior catálogo de HQs, e também a maior comic shop do Brasil. A loja localizada na Alameda Jaú nº1998 em São Paulo é famosa também por ser a organizadora da Fest Comix, um dos maiores eventos de quadrinhos aqui no Brasil. A grande vantagem de comprar em seu site é justamente a grande variedade que ela possui, todas as editoras tem presença garantida, sejam mensais, mangás, encadernados, action figures e muitos mais. O grande problema é que o frete é muito caro, fazendo o consumidor talvez se assustar ao finalizar a compra, outros pontos negativo são os poucos produtos com desconto.
A Liga HQ é basicamente uma extensão da comic shop Terramédia e conta com um ótimo catálogo. O site oferece a possibilidade de você realizar a reserva de itens e ser avisado assim que o mesmo constar disponível no sistema, também conta com um sistema de bônus por itens comprados e o frete por item, e quanto mais itens no seu carrinho, o frete vai ficando mais barato (por item, não se esqueça).
A opção da reserva acaba sendo também um ponto fraco da loja, já que a grande procura acaba fazendo com que os produtos esgotem rapidamente, e o acervo é reposto de forma lenta. O bônus também tem seus problemas, já que ele não é feito de forma automática, o consumidor é obrigado a mandar um e-mail pra ter esse direito. A loja também só trabalha em sua grande maioria com as editoras mainstream.
Essa loja online que funciona desde o ano de 2000 (daí vem o nome) possui uma grande variedade de títulos de diversas editoras e com um preço camarada, além de oferecer promoções semanais com preços bem abaixo do original. É uma das melhores lojas do ramo, porém às vezes ocorrem atrasos nas encomendas e demora na resposta de e-mails, porém sempre atendidos e respondidos.
A loja conta com uma boa variedade de produtos de diversas editoras, e também oferece descontos que variam de 5 a 20% no preço final. Mas apesar da variedade de produtos o estoque do site é muito pequeno.
A JWorld é uma loja especializada em vender mangás, mas também conta com quadrinhos, produtos importados e até games. O site é meio lento e demora em carregar determinadas seções, não oferece muitos descontos nos produtos e não deixa visível que o item encontra-se esgotado, obrigado o consumidor a clicar no mesmo para saber isso. Porém o atendimento da loja é atencioso, além do frete em conta e da qualidade dos produtos que chegam em perfeitas condições.
No Mercado Livre você vai encontrar de tudo, desde gibis novos a materiais muito antigos. E claro que vai encontrar o maior reduto de especuladores da internet brasileira. Infelizmente muitos vendedores oferecem produtos a preços absurdos ajudando a alimentar a bolha da exploração no mercado de quadrinhos brasileiros. Mas claro que existem os vendedores honestos e com preços dentro da realidade. Lembre-se sempre de pesquisar bem os preços e use o Mercado Pago como forma de pagamento para evitar dores de cabeça maiores no futuro. Ah, e se puder retirar o produto pessoalmente, melhor ainda.
A Estante Virtual não se limita a vender apenas gibis, lá você encontra diversos livros novos e seminovos também e funciona no mesmo esquema do Mercado Livre: vendedores colocam seus produtos a venda pelo preço que eles acham justo e compra quem quer. O site conta com variado acervo e a chance de você encontrar algo que procura é grande. O serviço conta com um pequeno porém que é a forma de pagamento: é o PayPal, que obriga o cliente a usar o cartão de crédito, não oferecendo outras opções de pagamento.
Segundo o Twitter da loja é "O maior sebo de gibis do Brasil", e pode até ser verdade tal afirmação. A loja conta com uma grande variedade de revistas mensais, mangás, encadernados em seu estoque, de diferentes editoras e diversas épocas. O site também oferece diversas promoções, entre elas diversos saldões dos formatinhos da Editora Abril, e para os moradores de São Paulo ainda tem a oportunidade de retirar o produto pessoalmente na loja. Às vezes por conta da alta procura de produtos o estoque não é atualizado e você pode comprar um produto que não exista mais, mas eles devolvem o dinheiro (às vezes devolvem o dinheiro até na encomenda, experiência própria).
Uma das comic shops mais antigas do país, a Super Comics possui uma grande variedade de gibis importados (encadernados inclusos) e também revistas nacionais. Essa loja é voltada para quem procura material importado por um preço em conta (levando em consideração o valor do dólar. Lembrando que a Super Comics cobra o chamado "dólar-livro" que é um pouco acima da cotação de mercado da moeda americana). O site tem alguns problemas como deixar na página principal alguns produtos esgotados em destaque, além de não oferecer uma variedade de descontos, a maioria dos produtos a venda são com o preço de capa.
As grandes editoras também contam com as suas lojas oficiais, como por exemplo, a LOJA CONRADPANINI COMICS LOJA ONLINE e a LOJA DEVIR, no qual você tem chances de encontrar aquele produto que está faltando no estoque das lojas, mas na editora ainda possa ter.
Na semana que vem volto com dicas de lojas online para encadernados importados.
Essas são algumas lojas que existem pelo Brasil, se você souber de mais algumas deixe nos comentários, e conte também suas experiências com as compras. Recomendam? Passaram por algum problema? Concordam? Discordam? Não deixe de comentar!
Matheus Lanieri Braga


ÚLTIMAS: 10 lugares no mundo para você que adora livros.




Em Yale, nos Estados Unidos, a livraria Beineck Rare Book & Manuscript Library está entre as mais belas do mundo. Não é para menos, o local tem cinco andares de prateleiras com milhares de obras da literatura americana e internacional.










 A livraria Acqua Alta em Veneza, Itália, é um dos lugares indicado na lista para quem gosta de livros.





















Em Paris, a Shakespeare and Company está no centro da capital francesa e atrai que busca livros raros do escritor inglês.






















Uma sala pública de leitura em Praga, República Theca.


















A livraria Ateneo, em Buenos Aires. Um antigo teatro foi transformado em livraria, uma das mais belas do mundo.










A livraria Boekenberg na Holanda ganhou até prêmio de livraria mais bonita do mundo. Construída numa casa tipicamente holandesa, oferece luz natural ao leitores.


















O design dessa livraria em Pequim, China, chama atenção dos amantes dos livros.














Em Paris, a biblioteca pública está entre os lugares mais bonitos e aconchegantes para ler um livro.















A Biblioteca do Congresso em Washington, nos EUA, tem um grande acervos para pesquisas.





Baltimore House Library localizada no estado da Carolina do Norte, EUA. Além da beleza do lugar, um acervo gigantesco de livros raros aguardam os leitores.







Fonte: Yahoo!Noticias