Blogroll

30 de jul de 2010

Programa Mesa Z, todos os sábados as 11h na rádio ZUMBI FM 87,9

No próximo sábado (31), os integrantes do programa Mesa Z receberá para um bate papo, o Dr. Álvaro Barbosa de Oliveira, presidente da Comissão de Combate a Corrupção da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB. Foram convidados para fazer parte da mesa em assunto de tamanha relevância para todos os cidadãos, o presidente da OAB local Eriberto. Não percam.

Bookmark and Share

25 de jul de 2010

Elinaldo Barros lança livro e é homenageado

No próximo dia 06 de agosto, o professor do Centro Universitário CESMAC, escritor e crítico de cinema, Elinaldo Barros, realiza o relançamento do seu livro “Panorama do cinema alagoano”. O evento será realizado no Cine Sesi Pajuçara, a partir das 20h, e tem entrada gratuita.

A obra trata de acontecimentos do cinema local em diferentes momentos históricos, desde a primeira exibição de cinema em Maceió, passando pelo Festival de Cinema de Penedo, até a fase das atuais produções digitais.

Durante o lançamento do livro, haverá também a exibição do documentário “O catador de fotogramas”, de Pedro da Rocha, que é uma homenagem ao professor Elinaldo pela sua contribuição para o cinema alagoano.

Sobre o autor
Elinaldo Barros já faz parte da história do cinema alagoano. O autor de vários livros da área e crítico atuante desde a década de 60, foi também professor do Colégio Guido de Fontgalland, e atualmente ministra aulas do curso de Comunicação Social, no CESMAC, lecionando a disciplina de “Cinema”. Elinaldo organizou, ainda, festival de música e seminários de cultura, produziu programas de rádio e TV e foi diretor do Museu da Imagem e do Som (MISA). Hoje, também, dedica-se à organização de sessões de arte. O professor publicou diversos artigos, com destaque para a coleção “O século do cinema” (2001), em O Jornal. Outras obras do autor: “Cine Lux, recordações de um cinema de bairro” (1989) e “Rogato – A aventura dos sonhos das imagens em Alagoas” (1994).

Foto e notícia: Cesmac.com.br

Bookmark and Share

Mamonas Assassinas completa 15 anos

O primeiro e único disco dos Mamonas Assassinas, homônimo, completa quinze anos de lançamento neste domingo, 25. O trabalho foi lançado pela gravadora EMI, em 1995, com produção de Rick Bonadio. Foram mais de um milhão de cópias vendidas no mesmo ano de seu lançamento. Mas a carreira meteórica de Dinho (vocal), Bento Hinoto (guitarra e violão), Júlio Rasec (teclado), Samuel Reoli (baixo) e Sérgio Reoli (bateria) teve fim menos de um ano depois de o disco chegar às lojas, em um dos episódios mais tristes da música brasileira: um acidente aéreo fatal, em 2 de março de 1996.

Bookmark and Share

23 de jul de 2010

Venezuela rompe relações diplomáticas com a Colômbia

A Venezuela anunciou ontem o rompimento de relações diplomáticas com a Colômbia, pouco após Bogotá apresentar na Organização dos Estados Americanos, em Washington, supostas provas da acolhida a guerrilhas colombianas no país vizinho. Caracas fechou a sua embaixada na capital da Colômbia e deu 72 horas para que o embaixador colombiano deixe o país. O Executivo convocou uma reunião de emergência do Conselho de Defesa Nacional da Venezuela para estudar o caso.

O presidente Hugo Chávez acusou o colombiano Álvaro Uribe de tentar provocar uma guerra entre os vizinhos, com histórico de crises recentes. As supostas evidências são fotografias, vídeos e fotos aéreas com identificações de coordenadas feitas pelos colombianos para indicar locais onde creem haver acampamentos das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) e do ELN (Exército de Libertação Nacional) em solo venezuelano. Há cinco acampamentos -quatro das Farc e um do ELN- cujas coordenadas foram, segundo a Colômbia, confirmadas por grupos desmobilizados e por GPS. O governo crê haver atualmente de 20 a 39 acampamentos na Venezuela -ao longo dos anos, 87 já foram montados.

Bogotá diz que os grupos planejam ataques contra a Colômbia sem que Caracas aja para coibi-los e que 1.500 guerrilheiros estão abrigados na Venezuela. A Colômbia pediu que a OEA lidere, em até 30 dias, uma missão para comprovar sua existência. A sessão emergencial fora pedida por Bogotá. "Mostramos essas provas várias vezes a Caracas, e como resposta recebemos insultos", disse o embaixador colombiano, Luis Alfonso Hoyos. O representante da Venezuela, Roy Chaderton, foi irônico: "Conta outra". Ele disse que as imagens eram questionáveis e as coordenadas, conhecidas e descartadas. embaixador do Brasil na OEA, Ruy Casaes, pediu diálogo: "A América do Sul é uma região de paz e é fundamental manter essa característica".Fonte: BBC

Bookmark and Share

22 de jul de 2010

EMAIL:

JORGE VERCILLO FAZ SHOW BENEFICENTE EM RECIFE EM PROL DAS VÍTIMAS DAS ENCHENTES

enviado por Martha Carvalho*

O cantor Jorge Vercillo vai fazer - no dia 30/07 - um show solidário em Recife, em prol das vítimas das chuvas no Nordeste, numa parceria com a Ong Visão Mundial. O valor da entrada (R$ 15,00) será convertido em doações para as vítimas das enchentes.

Sobre o show

O show acontecerá no Clube Português do Recife, localizado na Av. Conselheiro Rosa e Silva, 172 - Aflitos, dia 30/7 a partir das 21h. O valor do ingresso será R$15,00. Mais informações: www.visaomundial.org.br/jorgevercillo. Nesse site pode ser encontrado diversas informações sobre a tragédia e sobre o show como: blog-release completo sobre o evento; fotos oficiais do Jorge Vercillo; fotos das enchentes, etc.

Sobre as enchentes

Em Pernambuco, 53 municípios declararam situação de emergência. São mais de 17 mil desabrigados. Em Alagoas, 15 municípios decretaram estado de calamidade pública.

Alguns links na internet sobre o assunto:

http://oglobo.globo.com/cidades/mat/2010/06/23/cresce-numero-de-mortos-por-enchentes-no-nordeste-916953963.asp

http://tweengo.wordpress.com/2009/05/11/enchente-no-nordeste-e-pior-do-que-foi-em-santa-catarina/

http://tweengo.wordpress.com/2009/05/11/enchente-no-nordeste-e-pior-do-que-foi-em-santa-catarina/


Sobre a Visão Mundial

A Visão Mundial (www.visaomundial.org.br) é uma organização não-governamental cristã que combate as causas da pobreza e dá assistência a crianças, famílias e comunidades a fim de que alcancem seu potencial pleno. Trabalha em parceria com a World Vision International, que atua em cerca de 100 países em todo o mundo. Com espírito cristão, se dedica a trabalhar lado a lado com as populações mais vulneráveis e a servir a todas as pessoas, sem distinção de religião, raça ou etnia.

*martha@dsone.com.br
twitter @marthacarvalho
tel: (24) 2247-9127

Bookmark and Share

21 de jul de 2010

EMAIL:

FATOS RESERVADOS A PEQUENOS CÍRCULOS

enviado por Mauricio Paulozzi

Cura do câncer! Como irão reagir os grandes laboratórios? Simplismente restringindo a notícia!

Um médico italiano descobriu algo simples que considera a causa do câncer. Inicialmente banido da comunidade médica italiana, foi aplaudido de pé na Associação Americana contra o Câncer quando apresentou sua terapia.

O médico observou que todo paciente de câncer tem aftas. Isso já era sabido da comunidade médica, mas sempre foi tratada como uma infecção oportunista por fungos - Candida albicans. Esse médico achou muito estranho que todos os tipo de câncer tivessem essa característica, ou seja, vários são os tipos de tumores mas têm em comum o aparecimento das famosas aftas no paciente.

Então, pode estar ocorrendo o contrário - pensou ele. A causa do câncer pode ser o fungo. E, para tratar esse fungo, usa-se o medicamento mais simples que a humanidade conhece: bicarbonato de sódio. Assim ele começou a tratar seus pacientes com bicarbonado de sódio, não apenas ingerível, mas metódicamente controlado sobre os tumores.

Resultados surpreendentes começaram a acontecer. Tumores de pulmão, próstata e intestino desapareciam como num passe de mágica, junto com as Aftas. Desta forma, muitíssimos pacientes de câncer foram curados e hoje comprovam com seus exames os resultados altamente positivos do tratamento.

Para quem se interessar mais pelo assunto, siga o link (em inglês): não deixem de ver o video, no link: http://www.curenaturalicancro.com/ - O médico fala em italiano, mas tem legenda em portugûes. Lá estão os métodos utilizados para aplicação do bicarbonado de sódio sobre os tumores. Quaisquer tumores podem ser curados com esse tratamento simples e barato.

Parece brincadeira, né? Mas foi notícia nos EUA e nunca chegou por aqui...

Bem que o livro de homeopatia recomenda tratar tumores com borax, que é o remédio homeopático para aftas. Afinal, uma boa notícia em meio a tantas ruins. Neste endereço, o vídeo, onde o médico italiano mostra a evolução do tratamento até a completa cura em 4 casos: http://www.cancer-fungus.com/sub-v1pt/sub-pt.html

Neste, o site em Português. Clicando-se nas bandeirinhas no alto da página, muda-se o idioma:
http://www.cancerfungus.com/simoncini-cancro-fungo.php#

Por Favor, Repassem... Milhares estão pela hora da morte por causa dessa doença.

Bookmark and Share

19 de jul de 2010

Matéria publicada em jornal aborda o elemento das redes sociais e os candidatos nestas eleições de 2010

A matéria "Candidatos investem nas redes sociais", de autoria do palmarino e jornalista Davi Soares, aborda o mundo das redes sociais e o seu uso pelos candidatos aos cargos no próximo pleito de outubro. A matéria foi publicada na edição deste último domingo, dia 18, do jornal Gazeta de Alagoas.

Para realizar a metéria, o jornalista pescou a opinião de alguns "twitteiros", para citar uma das redes sociais que mais crescem no Brasil e no mundo, o Twitter. Entre as breve opiniões retiradas da ferramente de 140 caracteres, está a minha, Wenndell Amaral, bem como a do Franco Maciel do blog A Terra da Liberdade.

Restringindo o universo das redes sociais ao da ferramenta Twitter, podemos perceber a vontade de interagir com possíveis eleitores vindo de quase todos aqueles que se colocaram como candidatos.

Por lá já estão twitando há um bom tempo as ex-ministras do governo Lula Dilma Roussef e Marina Silva. Olhando aqui mais perto, em Alagoas, temos como nome precursor o ex-delegado da Polícia Federal José Pinto de Luna. Hoje, quase todos os candidatos ao Governo de Alagoas estão "interagindo com o povo". Também podemos encontrar os candidatos ao cargo maior de nossa república. É só procurar e fazer suas perguntas/comentários para todos eles.

Segue o nickname alguns políticos inscritos no Twitter: @pliniodearruda, @_RonaldoLessa, @Collor_14, @teotonio45, @marioagra50, @Fleming_PSOL, @silva_marina, @dilmabr, @joseserra_, @GilbertoCoutinh, @pintodeluna, @Sen_Cristovam, @demostenes_go, @joseagripino, @deputadamanuela, @aldorebelo, @achinaglia, @paulosalimmaluf.

Está ai para quem quiser "segui-los" e saber o que eles pensam, mesmo que de 140 em 140 caracteres por vez. Mais uma forma para se exercitar a democracia.

Quem souber de mais twitteiros candidatos pode comentar e deixar registrado.

Bookmark and Share

1º debate on-line Presidenciáveis 2010

Os portais iG, MSN, Terra e Yahoo! promovem no dia 26 de julho o 1º Debate On-Line com os principais candidatos à Presidência da República nas Eleições 2010 em uma iniciativa inédita. Internauta, também pode participar deste momento histórico.

O interessado poderá enviar sua pergunta para os presidenciáveis pelo e-mail: debateonline2010@hotmail.com. Se sua pergunta for escolhida, ela será feita ao vivo para os candidatos. Não esqueça de colocar o seu nome completo e a cidade onde mora. É muito importante que a gente possa identificar de quem são as perguntas.

Fonte: MSNBrasil.com

Bookmark and Share

A lista das 10 melhores e piores escolas de Alagoas

As escolas das redes estaduais de educação voltaram a apresentar o pior desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2009). O resultado, divulgado pelo Ministério da Educação, revela o tamanho do desafio que os governadores eleitos terão de enfrentar diante do ensino de péssima qualidade oferecido pelos estados.

Quase sete mil escolas de todo o país tiraram média abaixo de 500, numa escala que vai de 0 a 1.000. Dessas, nada menos que 97,8% são das redes estaduais. Entre os estabelecimentos de ensino reprovados no Enem 2009 com média abaixo de 500, há apenas quatro escolas federais.

As redes estaduais de ensino médio respondem por 85,9% das matrículas no país e recebem 7,16 milhões de estudantes, do total de 8,33 milhões no país. As escolas privadas têm 973 mil alunos (11,6%). A adesão ao Enem é voluntária. Estudantes da rede pública e privada se inscrevem individualmente.

Em Alagoas houve uma pequena melhora, desta vez nenhuma escola do Estado ficou entre as dez piores, mas os rankings mostram que a situação das escolas públicas é preocupante, afinal todas as dez piores escolas são estaduais. Vejam a lista

Ranking das 11 melhores

COLEGIO SANTA URSULA LTDA - Privada 663,80 (399°)
2. COLEGIO MARIA MONTESSORI- Privada 663,26 (410°)
3. COLEGIO CONTATO MACEIO- Privada 656,10 (563°)
4. COC – MACEIO - Privada 655,44 (579º)
5. COLÉGIO MARISTA DE MACEIÓ – Privada 653,85 (619º)
6. SISTEMA MOTIVO DE ENSINO- Privada 646,30 (806°)
7. INS FED DE ED. CIENCIA E TEC. DE ALAGOAS - CAMPUS PALMEIRA DOS INDIOS- Federal 642,13 (931°)
8. COLEGIO CENECISTA DE 1ª E 2ª GRAUS SANTANA IPANEMA- Privada 633,41 (1.224º)
9. INS FED DE EDUC CIENCIA E TEC DE ALAGOAS-CAMPUS MACEIO- Federal 629,10 (1.371º)
10. COLEGIO SANTA MADALENA SOFIA- Privada 626,02 (1.509°)
11. COLEGIO CRISTO REI- Privada 624,14 (1.576º)

Ranking das 10 piores

1.ESCOLA ESTADUAL DOM CONSTANTINO LUERS – Campo Alegre Estadual 376,08 (17.919º)
2.ESCOLA ESTADUAL FRANCISCO FALCAO- São Miguel dos Milagres Estadual 389,36 (17.901)
3. ESCOLA ESTADUAL ANA LINS- São Miguel dos Campos- Estadual- 423,39 (17.721º)
4. ESCOLA ESTADUAL MARIO GOMES DE BARROS- Joaquim Gomes- Estadual 435,83 (17.592º)
5. ESCOLA ESTADUAL DEODORO DA FONSECA- Marechal Deodoro- Estadual 438,54 (17.544)
6. PROFESSORA MARIA MARGARIDA SILVA PUGLIESI- S.L.Quitunde - Estadual 441,20 (17.499º)
7. ESCOLA ESTADUAL PADRE CABRAL- Maceió- Estadual 442,17 (17.480º)
8. ESCOLA PROF EDUARDO DA MOTA TRIGUEIROS – Maceió - Estadual 442,45 (17.473º)
9. ESCOLA ESTADUAL PROF JOSE SENA DIAS-Piranhas- Estadual 444,60 (17.432º)
10. ESCOLA MONSENHOR CLOVIS DUARTE DE BARROS- União dos Palmares- Estadual 445,43 (17.413º)

As notas do Enem por escola estão disponíveis no site do Ministério da Educação.

Clique aqui e veja a lista completa.

Fonte: Cadaminuto.com.br

Bookmark and Share

A humanidade ainda tem jeito? Presos de Alagoas doam pães, material de limpeza e lençóis a vítimas das enchentes.

Foi divulgado pelo UOL Notícias que os presos do sistema prisional de Alagoas produziram pães, material de limpeza e lençóis, e doaram a vítimas das enchentes no Estado. A entrega foi feita no dia 09 deste mês pelo detentos e pela direção da Intendência Geral do Sistema Penitenciário (Igesp) na sede do Corpo de Bombeiros, em Maceió.

Segundo a Defesa Civil, que recebeu os donativos, foram doados mil pães, 800 litros de desinfetante e 500 lençóis. Todo o material foi produzido voluntariamente por 140 presos da Fábrica de Esperança e serão distribuídos nos municípios que possuem desabrigados.

Além desta doação, os presos também se comprometeram a doar mil pães diariamente, durante pelo menos 30 dias, para ajudar as vítimas das enchentes.

Segundo a Igesp, a fábrica produz, nos municípios de Arapiraca e Maceió, 12 mil pães, que abastecem toda a população carcerária (2.165 presos) do Estado. Cada um dos detentos que trabalha no local recebe 75% de um salário mínimo e tem direito à redução da pena.

“Mesmo confinados, eles ajudam a população alagoana no momento em que ela mais precisa de socorro. Eles se sensibilizaram e deram esta resposta. Isto serve como incentivo para aqueles que estão em casa percebam que podem ajudar também os nossos irmãos que sofrem”, afirmou o intendente da Igesp, Dário César, por meio de nota.

Presos da Paraíba também doaram
Não é a primeira doação de presos às vítimas das enchentes. No último domingo, os 880 detentos do presídio Serrotão, em Campina Grande (PB), abriram mão do almoço para oferecerem aos desabrigados de Alagoas e Pernambuco.

Segundo a Secretaria da Cidadania e Administração Penitenciária da Paraíba, a decisão de doar os alimentos partiu dos próprios presos. Foram arrecadados aproximadamente 400 kg de comida, que já foram entregues.

Bookmark and Share

Rock in Rio de volta em setembro de 2011

O Rock in Rio voltará a acontecer em terras cariocas depois de dez anos longe da cidade onde nasceu. Numa reunião entre o prefeito do Rio, Eduardo Paes, e o idealizador do evento, Roberto Medina, ficou acertado que a quarta edição brasileira do festival de música pop será realizada em setembro de 2011, num terreno em Jacarepaguá. A área, que está sendo desapropriada, também abrigará o Parque do Atleta, legado para os Jogos Olímpicos de 2016.

- O Parque do Atleta será inaugurado junto com o Rock in Rio, que vai acontecer ano que vem. A área, entre o Riocentro e o Autódromo de Jacarepaguá, já está sendo desapropriada para que o projeto seja colocado em prática. A idéia é que o lugar receba também outros shows, já que essa é uma carência da cidade - disse Eduardo Paes.

A última edição carioca do maior festival de música do país aconteceu em 2001, perto do Riocentro, numa área chamada de Cidade do Rock. Desde então, o terreno ficou abandonado e foi depredado. O Rock In Rio, por sua vez, teve outras edições, só que nas cidades de Lisboa, em Portugal, e Madrid, na Espanha. No próximo dia 9 de agosto, Paes e Medina se reúnem novamente, para divulgar os detalhes do retorno do evento ao Rio.

Fonte: G1
Bookmark and Share

18 de jul de 2010

EMAIL:

O desarmamento e a segurança dos bandidos

enviado por Archimedes Marques*

Vivemos em um país em que muitas vezes os valores se invertem e, nessa espécie de guerra urbana e social contra a violência diária, contra a marginalidade que cresce assustadoramente, contra a criminalidade que aumenta gradativamente a todo tempo em todo lugar, comprova-se que o Estado protetor mostra-se ineficiente para debelar tão afligente problemática e por isso teima em produzir programas emergentes que surgem e insurgem sem atingir os seus reais objetivos. Um deles, pelo menos até agora, ao invés de proteger a sociedade deu maior segurança aos bandidos, ou seja, inverteu os seus valores.

O projeto desarmamento estudado e executado pelo Governo Federal desde 2003, contra a vontade popular, demonstra ser no âmago do seu curso uma ação derrotada e inócua que age infrutuosamente na tentativa de reduzir a criminalidade no país e deixa cada vez mais a população órfã de proteção.

Enquanto a população brasileira foi literalmente desarmada por conta do Estatuto do Desarmamento, a bandidagem está cada vez mais armada. Enquanto foi tolhido o direito do cidadão de se defender do bandido com a proibição de sequer possuir uma arma de fogo em sua própria casa sem passar por extrema burocracia, o bandido por sua vez, facilmente consegue armas até mesmo com alto poder de fogo, para se defender da Polícia, atacar o povo e ferir a ordem do país.

É fato presente que o chamado crime organizado, pernicioso organismo que alimenta o tráfico de drogas, criminosos perigosos e contumazes, quadrilhas de assaltantes, consegue transitar e abastecer a marginalidade com armamento privativo das forças armadas, tais como: Metralhadoras, fuzis, bazucas, morteiros, granadas, ou mesmo outras mais usadas a exemplo das escopetas, pistolas e revolveres. Essas armas provindas de diversas nacionalidades ingressam pelas nossas gigantescas e mal guarnecidas fronteiras e chegam às mãos dos bandidos de maneira inexplicável.

Retirar as armas de fogo das pessoas de bem foi muito fácil, pois essas pessoas, não sendo marginais, logo cumpriram a Lei e depuseram suas armas com a esperança de que a violência fosse realmente estancada, contudo ainda não foi, muito pelo contrário, aumentou substancialmente, pois o desafio da Polícia em desarmar os bandidos parece ser intransponível. Quanto mais se prendem os marginais armados mais armas aparecem em poder de outros e até dos mesmos quando são postos em liberdade pela Justiça.

Os fatos violentos e corriqueiros ocorridos nos quatro cantos do país demonstram que os discursos e as noticias desarmamentistas para justificar o suposto sucesso do plano e iludir o povo parecem ser apenas meras cortinas de fumaça, tendo na linha de frente a diminuição dos homicídios eventuais por desavença ou domésticos, perpetrados nas comunidades por meio de arma de fogo a querer encobrir o recrudescimento da criminalidade dos outros tipos penais. Vale lembrar também que apesar de ter diminuído os índices de homicídios cometidos via arma de fogo nos casos citados, aumentou substancialmente os índices do mesmo crime perpetrados por arma branca ou outros meios, comprovando então, que o cidadão quando quer, mata o seu desafeto de qualquer jeito.

Assim, o povo vive acuado, desarmado e preso por grades, cercas elétricas, alarmes, nas suas próprias residências e, os diversos criminosos andam soltos nas ruas a caça das suas vítimas, aumentando de forma geométrica o número de latrocínios, roubos e sequestros em todos os lugares.

A Polícia por mais diligente que seja, em virtude da falta de contingente adequado, de uma maior estrutura, de uma melhor organização, de um verdadeiro incentivo com salários condizentes aos seus membros, não consegue romper tais obstáculos e sempre é considerada culpada erroneamente por inoperância pela nossa sociedade como se fosse a única responsável por tal situação.

Atacam-se carros blindados com armamento potente, derrubam-se helicóptero com tiros de fuzis ou metralhadoras antiaéreas, inúmeros assaltos se valem de armas de guerra no país inteiro, policiais são frequentemente mortos no labor das suas funções por criminosos possuidores de armas poderosas adquiridas no câmbio negro do crime organizado.

O cidadão nas ruas literalmente virou um alvo em determinados locais. Um alvo que tem que ser um maratonista, velocista, contorcionista, trapezista e até mágico para se esquivar das balas perdidas. Um alvo que tem que optar por dar apoio aos traficantes de drogas sob pena de morte. Um alvo no seu veículo ultrapassando os sinais de transito e recebendo multas para não ser seqüestrado ou assaltado e morto. Um alvo desarmado sem direito a defesa própria contra o marginal sempre bem armado. Um alvo que tem que contratar segurança particular para sobreviver. Um alvo que ainda tem que agradecer ao criminoso por apenas lhe levar seus bens materiais. Um alvo esperando sempre que apareça algum policial para lhe salvar.

O desarmamento veio para o seio da sociedade brasileira como uma ação insidiosa de tirar-lhe o direito de defesa própria e da sua família ao mesmo tempo em que deu total segurança ao bandido de fazer o que quiser com a sua vulnerável vítima.

O estatuto de Desarmamento não deu e não dará certo enquanto não tivermos uma séria e efetiva política de combate ao crime organizado, enquanto não colocarmos atrás das grades os grandes traficantes de armas e drogas, enquanto não prendermos as pessoas inescrupulosas que dão suporte e proteção aos traficantes e enriquecem sob o julgo desse crime, enquanto não consigamos enfim proteger as nossas fronteiras desses criminosos fazendo com que não mais entre armas no nosso país.

Enquanto isso não acontece, para concluir o texto, faço minha as sábias palavras do Ministro aposentado do Superior Tribunal Militar, FLÁVIO BIERREMBACH, hoje advogado e escritor:

“Desarmar as vítimas é dar segurança aos facínoras”...
"O cidadão de bem tem o direito de possuir uma arma para se defender dos criminosos"...
"Os bandidos já se sentem muito mais seguros para atacar os pobres, os trabalhadores e os homens de bem, porque sabem que provavelmente irão enfrentar pessoas desarmadas"...
“Uma sociedade em que apenas a polícia e os facínoras podem estar armados não é e nem será uma sociedade democrática"...

*Delegado de Policia no Estado de Sergipe. Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Segurança Pública pela Universidade Federal de Sergipe. Email: archimedes-marques@bol.com.br

Bookmark and Share

13 de jul de 2010

Período eleitoral não impede abertura de concursos

No dia 3 de julho começou a valer a lei º 9.504/97 – conhecida como Lei Geral das Eleições -, que proíbe a nomeação e contratação de servidores públicos nos três meses que antecedem as eleições (que neste ano estão marcadas para dia 3 de outubro) até a posse dos candidatos eleitos no pleito.

É por isso que, nas últimas semanas, vários órgãos estão divulgando o resultado final de seus respectivos processos seletivos. Quem publicou suas respectivas homologações até o dia 3 está liberado para convocar e nomear os aprovados.

Dessa forma, vale lembrar que não está proibida a abertura de novas seleções. Prova disso são os recentes despachos concedidos pelo governador paulista Alberto Goldman, que autorizaram a realização de concursos da Polícia Civil de São Paulo e na Secretaria Estadual de Educação. O que é proibido é a nomeação dos aprovados, como dito acima. Para o candidato aprovado ser convocado no período eleitoral, o concurso público deverá ter sido homologado antes do dia 3 de julho.

O texto da lei ainda aponta alguns casos de exceção, ou seja, atos que podem ser praticados até durante o período eleitoral, sendo assim estão liberadas as nomeações para cargos do Poder Judiciário (técnicos e analistas, magistratura etc), do Ministério Público (cargos administrativos, promotor e procurador), dos órgãos da Presidência da República e dos Tribunais e Conselhos de Contas. Desta forma, concursos como o do Ministério Público da União (MPU), cujo edital foi publicado no dia 1º de julho, poderão convocar os seus aprovados normalmente.

A lei 9.504/97 diz ainda, como exceção, que o agente público poderá nomear ou exonerar, designar ou dispensar indivíduos em cargos em comissão ou de funções de confiança; nomear ou contratar quando necessário ao funcionamento inadiável de serviços públicos essenciais; e transferir ou remover militares, policiais civis e agentes penitenciários.

Então, o que deve ficar claro é que o período eleitoral não impede a abertura de concurso público para seleção de servidores ou empregados públicos, somente deixa um período de espera para os aprovados, ou seja, o candidato aprovado terá que esperar o fim do período eleitoral para tomar posse do cargo.

Bookmark and Share

Você acha que os políticos estão se aproveitando da tragédia em Alagoas e Pernambuco para se promoverem?

Resultado da enquete:

Sim 92%
Não 7%

Total de votos: 51.

E a maioria opnou no sentido de que os políticos estão tirando proveito da tragédia acontecida em Alagoas e Pernambuco. Aproveitando de que maneira? Cabe a cada um analisar esses "representantes de povo". Aproveitar-se de um momento como esse para beneficiar candidaturas, fazer campanha, tentar comprar voto ou qualquer ação baixa desse tipo é coisa de que quem não merece um mísero voto.

Bookmark and Share

10 de jul de 2010

O TCU faz a lista dos Ficha-sujas!

O Tribunal de Contas da União enviou para o Tribunal Superior Eleitoral a lista dos Ficha-sujas deste órgão. Clicando aqui, você tem acesso ao documento na íntegra. Cabe destacar alguns nomes interessantes. Os nomes duplicados se referem a dois processos diantintos.

João Beltrão Siqueira: Secretaria de Trabalho e Ação Social do Estado de Alagoas
José Afrânio Vergeti de Siqueira: Prefeitura Municipal de União dos Palmares (beneficiária) e FNDE (transferidor)
José Lino da Silva: Prefeitura Municipal de Santana do Mundaú (beneficiária) e FNDE (transferidor)
José Lino da Silva: Prefeitura Municipal de Santana do Mundaú (beneficiária) e FNS (transferidor)
José Praxedes Neto: Prefeitura Municipal de União dos Palmares
José Quitério da Silva: Município de Ibateguara (beneficiário) e FNS (transferidor)
Manoel Francisco da Silva Júnior: Prefeitura Municipal de Santana do Mundaú
Manoel Francisco da Silva Júnior: Prefeitura Municipal de Santana do Mundaú
Maria Rejane Lima e Silva: Prefeitura Municipal de São José da Laje
Paulo Roberto Pereira de Araújo: Município de São José da Laje (beneficiário) e FNS (transferidor)
Paulo Roberto Pereira de Araújo: Município de São José da Laje (beneficiário) e SUDENE (transferidor)

Fonte: Blog do Paulo Veras.

Bookmark and Share

Aprovada a PEC que dá fim à prática de aposentar juízes que cometem faltas graves

O Plenário aprovou na última quarta-feira (7), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 89/2003, da senadora Ideli Salvatti (PT-SC), que exclui da relação de punições aplicáveis a magistrados, a chamada "aposentadoria por interesse público". A PEC, que na votação em segundo turno recebeu 52 votos favoráveis e nenhum contrário, também permite a perda de cargo do juiz ou membro do Ministério Público por decisão de dois terços dos membros do tribunal ou conselho ao qual estiver vinculado. O texto agora segue para a Câmara dos Deputados.

Segundo o relator, senador Demóstenes Torres (DEM-GO), a PEC "abre a possibilidade de o Poder Judiciário promover sua depuração por um processo mais célere que o judicial, afastando, pela via administrativa, magistrados que cometam faltas graves".

Na justificação da proposta, Ideli afirma que a previsão, com caráter de sanção, da aposentadoria de magistrados por interesse público revela-se um absurdo, já que, em lugar de servir como punição aos juízes que cometem graves irregularidades, funciona como verdadeiro prêmio. A senadora afirma que a vitaliciedade é condição para o exercício da jurisdição de uma forma regular e de acordo com as normas legais, não devendo ser um obstáculo à responsabilização de quem comete desvios funcionais ou crimes.

Durante a discussão da matéria, vários senadores parabenizaram a senadora Ideli Salvatti pela iniciativa. Renato Casagrande (PSB-ES) ponderou que o projeto "corrige uma injustiça muito grande". Demóstenes observou que a proposta "acaba com um privilégio odioso de magistrados e membros do Ministério Público". Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) lembrou que "a aposentadoria compulsória era prêmio para juízes que cometiam delito".

Magno Malta (PR-ES) atentou para o possível efeito benéfico que a nova lei poderá ter ao permitir que "magistrados de má índole" reflitam mais antes de praticarem delitos. Na avaliação de Pedro Simon (PMDB-RS) a aprovação da PEC é marco de uma nova época no Brasil.

Fonte: Agência Senado

Bookmark and Share

7 de jul de 2010

Filme: Bastardos Inglórios

Bastardos Inglórios
Direção de Quentin Tarantino
Guerra/Drama, 2009.


Quando se fala em produções de diretores renomados, a obra é apenas um caminho para chegarmos ao autor em si. Ao vermos um novo filme de Tim Burton, por exemplo, observa-se a linguagem, a forma e a temática da obra para compararmos às outras produções do diretor. É assim no cinema, na música, na literatura e em todos os segmentos artísticos. Nas telonas o ano de 2009 foi promissor nesse sentido, grandes diretores jogaram novas obras no circuito, entre eles Quentin Tarantino com o seu Bastardos Inglórios (2009).

Seguindo a mesma linha de outros filmes, Bastardos Inglórios é uma fábula que tem a violência em seu cerne. Um grupo de judeu-americanos, os bastardos, se reúnem em pleno auge do terceiro reich para exterminar nazistas. Liderados pelo Tenente Aldo Raine (Brad Pitt), o grupo desembarca na França ocupada pelo exército nazista com uma missão: arrancar, cada um, 100 escalpos nazistas.

Paralelamente a essa missão, os bastardos integram uma ação chamada Operação Kino que tem por objetivo explodir um cinema em um lançamento de um filme nazista. A ousada estratégia foi proposta por uma famosa atriz inglesa muito bem familiarizada com o alto escalão do exército alemão.

Porém, ao mesmo tempo, outro plano de execução aos nazistas é bolado para a mesma noite. Shoshana é uma judia francesa que viu seus pais mortos após uma busca realizada pelo “caçador de judeus”, Coronel Hans Landa, a uma pequena casa na zona rural francesa onde moravam escondidos. Após fugir do atentado, Shosshana, agora com outro nome, herda um cinema, o escolhido para ser o do lançamento do mais novo trabalho do cinema nazista. A meta de Shoshana, que fica enojada por estar realizando uma festa para aqueles que mataram sua família, é atear fogo no cinema com todos os principais nazistas dentro, entre eles Hitler.

Como se vê, é em cima da grande noite que o filme se move, unindo as duas missões que, ao fim, se ajudam no grande objetivo. A ideia de Tarantino é genial. Se por alguns é rotulado de violento, ele resolve o problema mostrando que a violência, além de ser um recurso para sua linguagem, pode ser também, uma forma de protesto e até de união dos sentimentos humanos. Afinal, quem não se deliciaria ao ver Hitler e toda a sua corja metralhados sem piedade? A violência catártica funciona como um silenciar às críticas dirigidas a ele nesse sentido.

Mas a violência, apesar do enredo que a visa, não é tão presente nessa obra. Ela se mistura com momentos de tensão e de conflitos dialogais dos personagens. E são nos diálogos que ocorrem as maiores mudanças em relação aos outros trabalhos. Justamente por visar a criação dessa tensão, principalmente nas cenas com Coronel Landa – a cena inicial é ótima-, perdeu-se muito das conversas divagantes que vemos nos outros filmes de Tarantino. Papos sobre assuntos aparentemente divergentes, sobre astros, curiosidades...

Outra modificação, alguns chamam de amadurecimento, foi no abuso do silêncio entre os personagens. As sensações são provocadas apenas pelos gestos, olhares e expressões dos personagens.

As referências à cultura pop também se mostraram ausentes, apesar do diretor elencar uma enorme lista de diretores alemães e de mostrar ser um conhecedor de cinema europeu. Mas não avança muito além daí. Diferentemente de outros filmes seus, como Cães de Aluguel em que há uma discussão sobre o tema de Like a virgen; ou da cultura das vidas na estrada, mostrada no desconhecido À prova de morte.

Um dos elementos mais marcantes da filmografia do diretor também resolveu se ausentar. A trilha sonora que marcou Pulp Fiction e Kill Bill foi pouco, ou mal trabalhada nessa nova obra. Apenas alguns riffs de guitarra que ocasionalmente ocorrem chega a resgatar outros trabalhos na qualidade, nada mais.

Mas apesar de todos os poréns, Bastardos Inglórios é um filme bom, nada de extraordinário, mas um bom entretenimento que foge aos modelos dos clássicos filmes de guerra – nesse ponto Tarantino volta a ser ele, ele é original. Esqueça os corriqueiros tanques, as constantes bombas e consequente explosões, as únicas armas vem do próprio ser humano, afinal, os que de fato fazem as guerras.

Por Estêvam dos Anjos.

Bookmark and Share

Música: Coisa Linda Sound System

Dupla alagoana Coisa Linda Sound System, formada pelo compositor Marcelo Cabral e o guitarrista Aldo Jones, lança o segundo disco da parceria, Da Vida e do Mundo (2009). O grupo vem apresentando o novo trabalho ao vivo com shows em São Paulo, Belo Horizonte, Aracaju, Maceió, Arapiraca e Recife.

Marcelo Cabral é compositor, jornalista e produtor. Entre 1992 e 2000 foi vocalista e baixista do Mental, banda alagoana de rock. Em 2005, lançou o disco Marcelo Cabral e Trio Coisa Linda, produzido por Marcelo e Aldo Jones. Elogiado e considerado “eclético”, o disco passeia entre tendências, com bons comentários na mídia especializada.

Aldo Jones é guitarrista e produtor. Jones passou por diversas bandas da inovadora cena de música independente dos anos 90 em Maceió, como Ball, o peso pesado Dread, e mais recentemente, Sonic Junior, Vitor Pirralho e Coisa Linda. Seus projetos musicais o levaram para os palcos do Brasil e Europa afora. Ao vivo, o baterista Rodrigo Peixe e o tecladista Dinho Zampier se unem à dupla, apresentando músicas do novo trabalho e do primeiro disco ao público. (Participações especiais: Cris Braun em Seu e Wado em O Último Dia do Rio. Arte da capa de Da Vida e do Mundo por Rafael Sica)>

MySpace Coisa Linda Sound System: http://www.myspace.com/coisalindasoundsystem

Você pode baixar as músicas do Cd Da Vida e do Mundo em nosso HD Moderno.

Assista ao vídeo da música "É Bom", no show de lançamento do disco Da Vida e do Mundo em Maceió, no Posto 7, Praia de Jatiúca. Setembro 2009:


Bookmark and Share

No interior também tem Rock and Roll

Palmeira dos Índios sediou a terceira edição do FMI e mostrou que o cenário no interior é forte

Observando o que acontece em Maceió, talvez você já tenha se perguntado: há rock and roll no interior? Você pode não saber disso, mas há, sim! Nos últimos dias de maio, a cidade de Palmeira dos Índios foi palco para a terceira edição do Festival de Música Independente (FMI) – Night of Metal, contando com a participação das bandas Forloxcia (Thrash Metal de União dos Palmares), Morcegos (Death/Thrash de Maceió) e One Way (Heavy Metal de Palmeira dos Índios). O evento ocorreu na casa de show Aquarius.

Palmeira dos Índios fica a 133 km de Maceió, e mal se viu algum morador da capital por lá, mas caravanas de cidades vizinhas, como Arapiraca e União de Palmares, marcaram presença no FMI e mostraram que a distância não é problema para eles.

Com poucos minutos de atraso, a primeira banda da noite foi a Forloxcia, da cidade de Zumbi dos Palmares. Guerreiros, trouxeram para o público canções próprias do seu EP, “Time of My Agony”. No momento em que o seu setlist foi iniciado, a casa foi se enchendo de maneira surpreendente, como se o som estivesse chamando os apaixonados pelo metal.

Com uma pegada mais Thrash, o público conferiu uma homenagem a Ronnie James Dio, feita pelos integrantes da banda. O grupo terminou a apresentação recebendo uma salva de palmas in memorian do ícone do Heavy Metal mundial. Canções de outras bandas, como o Metallica (“Seek and Destroy”) e o Sepultura (“Territory”), foram executadas para o delírio do público presente, esta última contando com a participação de Rodrigo Bento na bateria. A banda de União, composta por Tassio Monteiro (baixo/vocal), Thiago Alcântara (bateria), Fábio da Silva (guitarra/vocal) e Nando Pires (guitarra), deu um início brilhante à noite palmerina.

Após a apresentação deles, a banda Morcegos, vinda de Maceió, subiu ao palco com um peso a mais, já que o homenageado da noite era muito fã da banda. Frankstone, líder do grupo, soube do ocorrido e ofereceu o show ao fã ilustre. O setlist da Morcegos foi uma verdadeira viagem no tempo, com canções que nasceram entre 1996 até 2010, e contando com músicas do seu recente álbum, “Blackside Revolution”. Começaram tímidos, mas o público foi respondendo com o passar dos minutos. As canções deste evento formaram o melhor setlist que a banda maceioense já apresentou nesta turnê por Alagoas. Tocando somente canções próprias, a banda está de parabéns pelo trabalho realizado ao longo de seus 22 anos de existência. Clássicos dos Morcegos foram executados, inclusive “Cry”.

Dando continuidade à festa da noite, a banda da cidade, One Way, subiu ao palco com um leve atraso, mas levantou a galera no encerramento do FMI – Night of Metal. A banda tocou muitos covers, e das mais variadas bandas. Se alguém gostava de Coal Chamber, Silverchair e Metallica ao mesmo tempo, foi um verdadeiro prato cheio. O público cantou junto com o vocalista todas as músicas que foram executadas.

Texto: Daniel Lima | Pei Fang Fon
Fotos: Revista Rock Meeting http://flickr.com/photos/rockmeeting

Fonte: http://issuu.com/rockmeeting

Bookmark and Share

Defesa Civil cria Central de Atendimento gratuita

A Defesa Civil divulgou uma Central de Atendimento para atender pessoas que querem saber sobre doações, voluntariado e as vítimas das enchentes que atingiram Alagoas.

O número é o 0800-082-8989 e a ligação é feita de graça. Quem precisar de informações sobre doações, pontos de arrecadação de donativos, trabalho voluntário, postos de apoio à população, abrigos, unidades de saúde para atendimento às vítimas, entre outros assuntos, pode ligar.

Bookmark and Share

5 de jul de 2010

Os candidatos em Alagoas

Finalmente acabou às 19 horas desta segunda-feira, 05 de julho, o prazo para que os partidos e coligações registrassem seus candidatos as vagas de governador, senador, deputados estaduais e federais.

Em Alagoas cinco chapas apresentam candidatos a governador, senador e deputados federais, e sete a deputados estaduais, já que o PPS e o PT lançam seus candidatos sozinhos.

Além do PCB e do PSOL, que chamou sua composição de Alagoas dos Nossos Sonhos, três coligações se formaram; A Frente Popular pró Dilma e Ronaldo Lessa (PT, PMDB, PC do B, PV, PR, PT do B, PDT), a Frente pelo Bem de Alagoas (PSDB, DEM, PSB, PSC, PP, PPS) e a O Povo No Governo (PTB, PRB, PSL, PMN, PHS e PTC)

Veja abaixo a lista completa dos candidatos:

Candidatos da Frente por Alagoas (PDT, PT, PMDB, PC do B, PR, PSDC, PRP)
Governo: Ronaldo Lessa (PDT), Vice: Joaquim Brito (PT)
Senado: Renan Calheiros (PMDB), Eduardo Bomfim (PC do B)
Câmara Federal: PDT – Jurandir Boia, PT – Paulão, Pinto de Luna, Gilberto Coutinho, Judvan, PR – Mauricio Quintella. Elias Barros, PMDB – Renan Filho, Joaquim Beltrão, Major Fragoso
Assembléia Legislativa: PDT – Rosiana Beltrão, Sergio Toledo Isnaldo Bulhões, Jota Cavalcante, Valdecir Fernandes, Junior Miranda, Jailton Rocha, professor Irapuan, Professor Jonatas, José Inácio, Adelson Oliveira, Quitéria, Ismael Pereira, Gervanio, Eraldo Freitas, PRP – Marcelo Santos, Nivaldo Neto, PCdoB – Edvaldo Nascimento, Wainar Silva, Maria, Antunes da Silva, Pituba, Carlos Alberto da Silva, Mirele Francisca, PR – J. Andrade, Izaias Antonio, Galvão, Flaviel dos Santos, Reginaldo Ribeiro, Magaiver Kelmon, João `Pinto, Juliano Quintella, PSDC –Edvaldo Oliveira, Engenheiro Franklin, Ednilton Oliveia, Dr. Daniel, PMDB – Olavo Calheiros, Flavia Cavalcante, Luis Dantas, João dos Santos, Tarcisio Freire, Osmar dos Santos, Marilene Batista; PT – Patricia Sampaio, Michele Pontual, Ronaldo do INSS, Maria Cícera. Genildo Amorim, Roberto Carlos, José Maria, Wagner Simas, Silvania Pinheiro, Geovanio Renovato, Izac Jackson, Ailton Avlis, Wellington Brito, Jorge Seixas. Edmilson Vieira, Honel Cavalcante, Josefa França, Marcos Madeira, Judson Cabral, Genizete Sarmento, Ib Pita, Dr.Paulo do PT, Manuele Freire

Alagoas dos Nossos Sonhos (PSOL )
Governo: Mário Agra , Vice: Maurício Dias
Senado: Heloísa Helena
Deputados federais: Maria das Graças, Moraes Júnior, Alexandre Fleming, Francisco de Assis, Cauby Monteiro, Glendia Lúcia, Guido Falcão, José Cícero, José Amaro, José Petrúcio, Lúcia de Fátima, Wellington da Silva, Yuri Patrice.
Deputados estaduais: Antônio Saturnino, Benedito Lins, Cauby da Mara, Cristiane Carneiro, Erivaldo dos Santos, Gandhi Gouveia, Genecy Rodrigues, Gerilo Alves, Eliana Maria, Sérgio Luiz Moraes, Hugo Cabral, Indira Ivanize Xavier, Iracema de Lima, José Adeilton, José Hélio Torres Laranjeiras, Josuel Fernandes, Judite Ferreira, Juraci Costa Brás, Juvenal Davileano, Liliane Alves, Luciene Rodrigues, Luzia Ramalho, Márcio Guedes, Marcos Rodrigues, Maria Luciene, Maria Nireida, Marilene Moura, Milande Diniz, Oldembugo da Silva, Olga Tatiane, Orival José de França, Ricardo Barbosa, Rilson Ferreira, Rogério Café, Rubens Ferraz, Valberton de Brito, Verônia Valeska, Wellington Monteiro.

Frente pelo Bem de Alagoas (PSDB, DEM, PSB, PSC, PP, PPS)
Governo: Teotonio Vilela Filho (PSDB), Vice: José Thomáz Nono (DEM).
Senado: Benedito de Lira (PP) e José Costa (PPS).
Deputado federal: Alexandre Toledo (PSDB), Arthur Lira (PP), Carlos Alberto Canuto (PSC), Givaldo Carimbão (PSB), João Caldas (PSDB), Jorge VI (PSC) e Rui Palmeira (PSDB).
Deputado estadual: Edval Gaia (PSDB), Fernando Toledo (PSDB), Gilvan Barros (PSDB), Inácio Loyola (PSDB), Joãozinho Pereira Filho (PSDB), Jeferson Moraes (DEM), João Luiz (DEM), Alberto Sexta-Feira (PSB), Kátia Born (PSB), Marcus Ferreira (PSDB), Nelito Gomes de Barros (PSDB), Temóteo Correia (DEM), Tereza Nelma (PSB) e Thaise Guedes (PSC)
PPS (Deputado Estadual): Régis Cavalcante, Marcos Barbosa, França Moura, Silvano Barbosa, Severino Pessoa

O Povo No Governo (PTB, PRB, PSL, PMN, PHS e PTC)
Governo: Fernando Collor (PTB)
Vice: Galba Novaes (PRB)
Senado: Álvaro Vasconcelos (PTB) e Flávio Emílio Arruda (PTB)
Deputado federal: Chico Tenório (PMN), Ada Mello (PTB), Célia Rocha (PTB), Antônio Carlos Chamariz (PTB), Zé Muniz (PRB), João Lyra (PTB), Osvanilton Adelino de Oliveira (PMN), João Mendes (PRB).
Deputado estadual: Dino Filho (PMN), José Maria Tenório (PMN), Dudu Holanda (PMN), Rubem Natário (PMN), Castelo (PMN), Marcelo Gouveia (PRB), Cícero Ferro (PMN), Manoel Sant'Anna (PSL), Marcelo Victor (PTB), Maurício Tavares (PTB).

Partido Comunista Brasileiro (PCB)
Governo: Tony Clóvis
Vice: Luciene Maria
Senado: Diógenes Paes
Deputado federal: Marcos Serafim
Deputado estadual: Denise Gomes, Sebastião Leodino e Paulo Roberto.

- Falta nesta lista os candidatos da coligação PRTB-PTN e PV, além do resto da chapa do PPS.

Fonte: CadaMinuto.com.br, com adaptações nossas.

Bookmark and Share

9 é número de candidatos à Presidência

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu nove pedidos de registro de candidaturas à Presidência até as 19h desta segunda-feira (5), prazo-limite para as coligações e partidos indicarem seus candidatos.

O TSE tem agora até 5 de agosto para decidir sobre todos os pedidos recebidos. Caso a solicitação seja negada, o tribunal tem até 19 de agosto para julgar eventuais recursos. Uma lista prévia com todos os políticos que solicitaram registro será divulgada no dia 8 julho pela Justiça Eleitoral.

Os nomes de candidatos aprovados em convenção que não tenham sido protocolados pelos partidos terão 48 horas para solicitar a inclusão.

O primeiro registro de candidatura foi feito na sexta-feira (2), quando começou a valer o prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral, pela concorrente do PV (Partido Verde), Marina Silva. Marina declarou patrimônio de R$ 149,2 mil e uma estimativa de gastos de R$ 90 milhões durante a campanha.

Nesta segunda (5), outros oito candidatos protocolaram pedido de registro na Justiça Eleitoral.

A candidata do PT (Partido dos Trabalhadores), Dilma Rousseff fez seu registro pela manhã. O vice dela será o deputado Michel Temer do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB-SP). O PT estimou os gastos de campanha em R$ 157 milhões.

José Serra, candidato do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) deixou para fazer seu registro uma hora antes do término do prazo. Serra terá como vice o deputado federal Indio da Costa do partido Democratas (DEM-RJ). O PSDB declarou que deve gastar R$ 180 milhões na campanha.

O PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado) apresentou às 11h23 o registro de candidatura de José Maria de Almeida, o Zé Maria, e de sua vice, Cláudia Durans.

O candidato do PCO (Partido da Causa Operária) à Presidência da República, Rui Costa Pimenta, teve seu pedido de registro feito por volta de 13h. Ele terá Edson Dorta Silva como vice em sua chapa.

O Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) protocolou pedido, às 13h, com a indicação de Levy Fidelix. Ele tem como vice Luiz Eduardo Ayres Duarte.

José Maria Eymael solicitou registro como candidato do Partido Social Democrata Cristão (PSDC).

O candidato do Partido Comunista Brasileiro (PCB) à Presidência da República, Ivan Pinheiro, apresentou pessoalmente nesta segunda-feira (5) seu pedido de registro de candidatura ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O PSOL foi o último a apresentar nesta segunda-feira (5) o pedido de registro de candidatura ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Plínio de Arruda Sampaio vai concorrer com Hamilton Assis como vice na chapa.

Fonte: G1.com.br, com complementos nossos.

Bookmark and Share

3 de jul de 2010

Mesa Z - a liberdade nas ondas do rádio continua

Foto: Marcelo Pereira.
O Programa Mesa Z continua firme e forte todos os sábados a partir das 11 horas e no meio da semana (toda quarta-feira) das 12h às 13:30h, na Rádio Zumbi FM 87,9.

Registramos aqui nosso pesar e apoio aos integrantes Sérgio Rogério (blog Acorda União) e professor Nivaldo Marinho que, assim como outros milhares de alagoanos e pernambucanos, sofreram perdas e transtornos em decorrência da enchente do dia 18 de junho.

A histórica e trágica enchente acima citada foi tema de conversas, debates e sugestões dos últimos dois programas que foram ao ar nos sábados 26 de junho e 03 de julho. No dia 19 de junho o Mesa Z não foi realizado justamente por se tratar no dia logo após ao desastre.

No programa do dia 26/06 Sílvio Sarmento comandou a edição juntamente com Paulo Veras (blog pjveras.blogspot.com), Marcelo Pereira (blog A Terra da Liberdade), Wenndell Amaral e Bruno Monteiro (deste Tempo Moderno) e Genisete Lucena. O programa consistiu em avaliar, comentar, debater e sugestionar acerca da tragédia que aconteceu do dia 18 para o 19 de junho. Contou-se ainda com a participação rápida do palmarino, advogado e membro da Comissão de Combate à Corrupção da Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas - OAB/AL - Álvaro Barbosa.

No dia 03/07 Silvio Sarmento recebeu no estúdio da Rádio Zumbi um time notório de palmarinos: o secretário municipal do meio-ambiente Manoel Barnardo, Prof. Claudionor Oliveira, Prof. e Acadêmico de Direito Barnabel Bezerra, Prof. e Historiador Petrúcio Cavalcante e o Prof. e Músico Beto Santana. Além deles, os integrantes Wenndell Amaral e Dallas Diego (deste Tempo Moderno), Marciângela Gonçalves, Marcelo Pereira (blog A Terra da Liberdade) e Paulo Veras (blog pjveras.blogspot.com). Também contamos com a participação por telefone do Franco Maciel (blog A Terra da Liberdade) e, nos estúdios, do morador do Povoado Jacinto (Próximo à Usina Laginha, União dos Palmares) Geovane Gomes, que fez reclamações e solicitou o apoio efetivo da Defesa Civil e do Exército naquela localidade onde mais de 300 casas foram destruídas pelas águas do Rio Mundaú.

Siga o Mesa Z no Twitter e participe da comunidade do programa no Orkut.
Conecte-se também a essas ferramentas e fique sabendo antes de todo mundo das novidades, além de poder opinar diretamente aos integrantes. (clique nas imagens para participar)


Escute o programa na internet através da União Web Rádio. É só abrir o site nos horários de transmissão.

Breve estaremos disponibilizando uma página com as gravações do Mesa Z na íntegra.

Bookmark and Share

Rio de lágrimas

Alagoas e Pernambuco ainda choram pelos desastres causados no último dia 18, em virtude das fortes chuvas e acúmulo de água nos rios Mundaú, Una e Paraíba que causaram inundações em inúmeras cidades dos dois estados.

Muitos desaparecidos e mortos nessa catástrofe que não podemos mensurar. Pessoas perderam as casas, móveis, entre outros... Saindo apenas com a roupa que usara no dado momento e a vida, sendo o último o mais importante.

União dos Palmares que é conhecida como o “berço da liberdade”, hoje é apenas a cidade acabada pelas chuvas. Para muitos a ficha ainda não caiu, sempre buscam ficar sobre os destroços das casas, relembrando os bons momentos apesar da realidade não ser a mesma.

Dias depois do ocorrido, pude constatar sorrisos nos rostos dos desabrigados e ficara imaginando o motivo, ainda não descobri. A união entre as pessoas está sendo um grande exemplo a ser seguido por todos. Pessoas do Sul que olham torto para os nordestinos se sensibilizam e ajudam como podem, enviando donativos para os locais captação.

Infelizmente temos as pessoas que exploram a situação, chegando ao ponto de vender pacotes de vela ao preço de R$ 6,00. Isso é assalto a mão desarmada! Saqueadores levam os últimos pertences das vítimas, não sabendo eles a falta que fará a geladeira, fogão e até mesmo tijolos das paredes que vieram abaixo.

Espero que sejam tomadas decisões o mais breve possível para a construção das novas casas e que não sejam casas 3X5, onde não caberia nada. Usem o dinheiro das verbas públicas para o bem e não para enriquecimento ilícito, como de costume. Cumpram as promessas e retirem as pessoas que vivem no cadeião da Santa Fé e os incluam nesse projeto.

Dallas Diego

2 de jul de 2010

Ideb aponta evolução na qualidade do ensino fundamental e médio do País

O resultado nacional referente a 2009 do índice de desenvolvimento da educação básica (Ideb) mostra evolução na qualidade da educação na primeira e na segunda etapas do ensino fundamental e no ensino médio. As metas de progressão foram superadas, de acordo com os indicadores divulgados pelo Ministério da Educação.

Na primeira fase do ensino fundamental, o Ideb passou de 4,2 para 4,6. Assim, superou a meta prevista para 2009 e atingiu antecipadamente a de 2011. A análise do crescimento mostra que a melhora nas notas dos estudantes nas provas responde por 71,1% do acréscimo no índice. O percentual de 28,9% na evolução ocorreu em razão do crescimento das taxas de aprovação.

Nos anos finais do ensino fundamental, o Ideb nacional evoluiu de 3,8 para 4 — superou a meta para 2009 e também ultrapassou a de 2011, de 3,9. O aumento nas notas que os estudantes obtiveram na Prova Brasil e no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) explica os 64% desse crescimento. Os outros 36% decorrem da melhora nas taxas de aprovação.

No caso do ensino médio, o Ideb brasileiro avançou de 3,5 para 3,6 e também superou a meta nacional de 2009. O crescimento deve-se ao desempenho dos estudantes na Prova Brasil, que contribuiu com 57,9% do aumento do indicador.

Metas — Criado em 2007, o Ideb sintetiza, em uma escala até dez, dois conceitos de igual importância para a qualidade da educação: aprovação e média de desempenho dos estudantes em língua portuguesa e matemática. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação obtidos no censo escolar e de médias de desempenho nas avaliações do Saeb e na Prova Brasil.

A série histórica de resultados do Ideb teve início em 2005, com o estabelecimento de metas bienais de qualidade a serem atingidas pelo país, por escolas, municípios e unidades da Federação. A cada instância, espera-se uma evolução que contribua, em conjunto, para que o Brasil atinja o patamar educacional da média dos países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). Em termos numéricos, isso significa progredir da média nacional de 3,8, registrada em 2005, na primeira fase do ensino fundamental, para 6, em 2022, ano do bicentenário da Independência.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República

A evolução divulgada pela imprensa oficial da repúlica brasileira é real, mas eles próprios devem admitir que é pequena e os índices na educação brasileira ainda são alarmantes negativamente.

Bookmark and Share