Blogroll

30 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Cinema... Festival de CANNES 2009

Poster da 62ª edição do festival, imagem com a atriz Monica Vitti no filme A Aventura de Michelangelo Antonioni


Na última quinta-feira (23/4), a organização do 62º Festival de Cannes revelou quais filmes serão exibidos na próxima edição do tradicional evento, que será realizado entre os dias 13 e 24 de maio na Riviera Francesa. Fora de competição, dentro da mostra Um Certo Olhar, À Deriva, dirigido pelo cineasta brasileiro Heitor Dhalia, foi selecionado pelos organizadores. Heitor Dhalia dirigiu o longa O Cheiro do Ralo, 2006, protagonizado por Selton Mello.

Entre os que disputam a Palma de Ouro este ano, temos o já anunciado Bastardos Inglórios, de Quentin Tarantino; o cineasta norte-americano ganhou o prêmio em 1994 com Pulp Fiction - Tempo de Violência e concorreu novamente em 2007, com À Prova de Morte, ainda inédito no circuito comercial brasileiro. Outro grande nome que aparece na lista de concorrentes é o do espanhol Pedro Almodóvar, que leva seu novo trabalho, Los Abraços Rotos, à França este ano. Lars Von Trier apresenta no festival seu primeiro filme de terror, Anticristo, e Tsai Ming-Liang leva seu novo trabalho, Visage, ao evento francês. Outro grande nome do cinema oriental que compete à Palma de Ouro este ano é Ang Lee com a comédia musical Taking Woodstock, que se passa no lendário festival de música ocorrido em 1969. Chan-Wook Park, vencedor do Grande Prêmio do Júri em Cannes no ano de 2003 por OldBoy, volta a competir no festival com Bak-Jwi.

A cineasta neozelandesa Jane Campion está na competição com o longa Bright, assim como Michael Haneke, que leva Das Weisse Band à Riviera Francesa, e a espanhola Isabel Coixet, com Map Of The Sounds Of Tokyo. Fora de competição, também será exibido o novo trabalho do diretor japonês HIrokazu Kore-Eda, Kuki Ningyo (dentro da mostra Um Certo Olhar); Agora, de Alejandro Amenabar; Drag Me To Hell, terror dirigido por Sam Raimi (O Homem Aranha); e The Imaginarium Of Doctor Parnassus, filme de Terry Gilliam que marca a última atuação de Heath Ledger; L'epine Dans Le Coeur, de Michel Gondry (Rebobine Por Favor), é um dos filmes em exibição especial.

A abertura ocorre no dia 13, somente para convidados, com sessão de Up - Altas Aventuras, a nova animação da Pixar. O encerramento, no dia 24 de maio, será marcado não somente com a revelação dos ganhadores do festival, mas também com a première mundial de Coco Chanel & Igor Stravinsky. Dirigido por Jan Kounen, o filme é focado na relação entre a lendária estilista - aqui interpretada por Anna Mouglalis (Novo) - com o compositor em 1913.

Ano passado, o longa brasileiro Linha de Passe, dirigido por Walter Salles e Daniela Thomas, ganhou o prêmio de melhor atriz pela atuação de Sandra Corveloni.

Fonte:
CineClick, com adaptações e complementos.
Wenndell Amaral

29 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Indígenas querem lugar em negociações sobre mudança climática

A Cúpula dos Povos Indígenas sobre a Mudança Climática termina nesta sexta-feira na localidade americana de Anchorage com uma declaração que exigirá à comunidade internacional a integração dos indígenas nas negociações para a luta contra o aquecimento global. A declaração foi acertada pelos quase 500 delegados que assistiram à cúpula e será entregue aos Governos que participarão, em dezembro, em Copenhague (Dinamarca), das negociações para redigir um acordo que siga o Protocolo de Kioto.

Nos cinco dias de reuniões, os delegados (que representam os cerca de 350 milhões de pessoas consideradas indígenas em 70 países de todo o mundo) expressaram sua convicção de que as tradições dos povos aborígines podem ajudar a reduzir os efeitos da mudança climática.

O presidente da Assembleia Geral da ONU, Miguel d'Decoto, afirmou na sessão da quinta-feira que "a mudança climática ameaça e põe em risco a sobrevivência das comunidades indígenas de todo o mundo, apesar de serem as que menos contribuíram para as emissões de gases que contribuem para o efeito estufa". D'Decoto acrescentou que os povos indígenas devem "participar, implementar, vigiar e avaliar em todos os níveis as políticas de mudança climática e seus programas".

A cúpula também recebeu relatórios sobre os problemas causados pela mudança climática q castigam diferentes comunidades indígenas em locais distantes uns dos outros como Bornéu, Quênia, Nepal ou México. Segundo um dos estudos, os indígenas mais ameaçados pela mudança climática são os que vivem no Amazonas, nas regiões árticas, no Caribe, no sul do Chile e Argentina, nas ilhas do Pacífico, no litoral asiático e os aborígines australianos.

Fonte: MSN Noticias

---

GM vai cortar 21 mil funcionários e fechar 13 fábricas nos EUA

A General Motors anunciou nesta segunda-feira um novo plano de reestruturação que prevê o fechamento de mais 13 fábricas, a demissão de 21 mil funcionários, o encerramento de contratos com distribuidores e o fim da marca Pontiac até 2010 em um esforço de atender às demandas do governo americano para uma reestruturação mais rápida e profunda. A montadora apresentou ainda à SEC (Securities and Exchange Commission, que fiscaliza e regulamenta o mercado de capitais americano) uma oferta de reestruturação da dívida com troca de títulos no valor de US$ 27,2 bilhões.

Em comunicado, a GM informou que vai recorrer à concordata se não houver número suficiente de interessados na troca de títulos até 1º de junho. Os cortes mais profundos estão previstos para até o fim de 2010. O número de fábricas nos Estados Unidos será reduzido de 47 para 34 e serão demitidos 21 mil dos 61 mil funcionários horistas que tem hoje no país. Funcionários horistas são os que trabalham nas linhas de produção. Já a rede de distribuidores deve cair quase à metade, de 6.246 para 3.605 unidades. A empresa vai se concentrar em quatro marcas (Chevrolet, Cadillac, Buick e GMC) e eliminar a Pontiac.

A montadora, que semana passada recebeu US$ 2 bilhões de empréstimo de capital de giro do governo dos EUA , elevando o volume total de empréstimo para US$ 15,4 bilhões, havia recebido prazo até o dia 1º de junho para apresentar um plano de reestruturação mais profundo à administração Obama para garantir a continuidade do apoio do governo. No fim de março, o então presidente da General Motors (GM), Rick Wagoner, renunciou ao cargo, após pedido da administração americana. No ano passado, o prejuízo da GM chegou a US$ 30,9 bilhões.

Fonte: G1

---

Gripe suína: ministro da Saúde anuncia que há 36 pacientes em monitoramento

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, afirmou nesta quarta-feira que o Brasil está preparado para combater a gripe suína. Ele ressaltou, no entanto, que não existem evidência do vírus no país. Segundo ele, o país tem 36 pacientes em monitoramento e que são tratados com medicamentos próprios. Além disso, há dois casos suspeitos, em Minas Gerais e São Paulo. Todos os pacientes internados chegaram de viagem dos países em que a doença se alastra.

Fonte: O Globo

Parece que uma das profecias da Bíblia está se confirmando: as epidemias que chegarão perto do Juízo Final. Como aqui no Brasil existe uma coisa chamada SUS, é só esperar pra ver o número de mortos subir como um foguete, caso sejam constatados casos. Deus nos proteja, porque esperar algo desse governo, é acreditar que cobra tem perna.
Walter Jr.

28 de abr de 2009

MÚSICA: Astronautas de Lata

Astronautas de Lata
Produto Comercial?
CD Demo
2007

Diego Geu, Narlyson e Wilton, ao fundo.
O acaso é a fórmula do inevitável...

Meio que sem querer é arquitetada a fórmula do acontecer, não digo nem a fórmula do sucesso, pois isso é um clichê dos mais imbecis relações públicas... digo que a química, a substância mais antiga dos movimentos hippies, alternativos da história da humanidade, e veja que não estou me referindo exclusivamente a música , muito menos a apenas ao Rock'N'Roll, pelo menos não nestas linhas iniciais.

Um projeto feito por acaso, uma vontade inestimável de criar o não criado, o amor, a vontade ser mais um em um milhão de acontecimentos, transformando o "não-ser", através da matéria humana em volta do inanimado e dando a luz a um trabalho simples, modesto e transformador de mentes outrora entediadas com a mesmice... cabeças entrelaçadas em miniprojetos que em muito não saem do papel.

A Banda
Wilton em apresentação acústica da Astronautas de Lata
O som é uma nostalgia em letra e musicalidade, a demo é direta e o objetivo é obvio... a banda Astronautas de Lata é de cara aquelas bandas que marcam e estão aqui para o momento certo, surgindo de uma forma que só ela sabe, só ela pode demonstrar novos caminhos para o Rock em nosso país, é aquela pequena chama de esperança mostrando que ainda existem personalidades que têm a criatividade que muitos buscam incansavelmente... essa é a banda Astronautas de Lata.

Comunidade da banda no Orkut, clique aqui.
Perfil da banda no Orkut, clique aqui.
Para baixar as músicas do CD demo "Produto Comercial?" em nosso HD Moderno, clique aqui.

Bruno Clériston, com adapatações de Wenndell Amaral.

Wilton se foi, mas deixou sua marca, suas ideias. Mais uma homenagem do TempoModerno a essa grande pessoa. "As lembranças me voltam como cacos de esperança..."

27 de abr de 2009

URGENTE:

Atenção estudantes de União dos Palmares.

A AESP (Associação dos Estudantes Palmarinos) convida todos os estudantes que utilizam o ônibus para Maceió a se cadastrarem neste Sábado, dia 02/05/2009.

Local: Centro Paroquial (ao lado da Câmara)
Horário: das 14 às 18 horas.
Taxa de anuidade: R$ 3,00

Documentos Obrigatórios:
Comprovante de matrícula
Comprovante de residência
Xérox do RG
01 (uma) foto 3x4.

Esse cadastramento é de suma importância. Qualquer dúvida poderá ser esclarecida com maiores informações lá no momento do cadastro.

A Diretoria da AESP agradece.

26 de abr de 2009

Realmente... Os Bons Morrem Jovens!

Uma singela homenagem de todos do Tempo Moderno para nosso grande amigo, Wilton (apenas, Wilton, como ele mesmo dizia).

Vai com Deus Wilton!

25 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Plástico biodegradável será produzido no Brasil em larga escala

Uma empresa brasileira vai produzir anualmente 200 mil toneladas de matéria-prima para a produção de plásticos a partir da cana-de-açúcar, um material totalmente biodegradável que pode se decompor na natureza um ano depois de descartado. O plástico tradicional, que tem o petróleo como matéria-prima, leva mais de 200 anos para degradar-se completamente.

Plástico verde:
Outras empresas também já usam tecnologias para produção de plástico biodegradável no país, mas essa experiência é a primeira a funcionar em larga escala. A iniciativa é da empresa petroquímica Braskem que lançou ontem (22) em Triunfo, no Rio Grande do Sul, a pedra fundamental do Projeto Verde da empresa, planta industrial da fábrica cujas obras vão gerar 1.500 empregos. A unidade deverá estar concluída no final do próximo ano e consumirá investimentos de R$ 500 milhões. Segundo o responsável pela comercialização de polímeros verdes da Braskem, Luiz Nitschke, essa será a primeira operação em escala comercial no mundo da produção de polietileno verde a partir de matéria-prima 100% renovável.

Plástico alternativo:
Nitschke informou que a produção será destinada ao mercado desse produto alternativo, que consome em todo o mundo 70 milhões de toneladas de polietileno por ano. O consumo de plásticos provenientes de todas as origens chega a 200 milhões de toneladas ao ano, de acordo com ele. Inicialmente será usada cana proveniente de São Paulo, mas o projeto vai estimular também a exploração da cultura no estado. O zoneamento agrícola da cana-de-açúcar no Rio Grande do Sul foi divulgado na semana passada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Polietileno biodegradável:
O polietileno biodegradável vai ser produzido a partir de uma resina sintetizada do etanol e permitirá a fabricação de tanques de combustível para veículos, filmes para fraldas descartáveis, recipientes para iogurtes, leite, xampu, detergentes. O polietileno é fornecido à indústria em forma de bolinhas que são então transformadas nas embalagens ou em peças para diversas finalidades, como para a indústria de brinquedos.

Nitschke afirma que usar álcool para produzir polietileno não vai provocar impacto na produção de açúcar ou de combustível, tendo em vista a potencialidade do Brasil nessa área. O país, conforme destacou o executivo, produz 500 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por ano e praticamente metade vai para a industrialização do etanol e os 50% restantes para a produção do açúcar.

Fonte: Agência Brasil. (notícia enviada via e-mail por Ricardo Mendonça)

24 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

O MCD Manifest é um concurso cultural com o objetivo de estimular os participantes e sociedade de um modo em geral a expressarem suas opiniões e sentimentos sobre os mais diversos temas e assuntos. Posicionamento, seja lá qual for, é imprescindível!

Dar voz às suas opiniões é muito simples, basta preencher o cadastro com seus dados, escolher a plataforma de manifestação a ser utilizada, foto, vídeo, ilustração ou texto, fazer o upload e enviar para o site da MCD.
Se ligue na premiação que você pode ganhar se o seu manifesto for o mais original:

1º Lugar – R$ 3.000
2º Lugar – R$ 1.500
3º Lugar – R$ 500

O vencedor do concurso, além do prêmio em dinheiro, ainda terá o seu manifesto divulgado para milhares de pessoas em todo o Brasil através da publicação do mesmo pelas revistas: Trip, Fluir, Void, além do Site Oficial MCD e Waves.

Eu já postei meu manifesto que foi o editorial desse mês do TM. Quem quiser dar uma olhada é so acessar: http://www.mcdbrasil.net/manifest/manifesto.asp?cod=363. Alguem aí vai se manifestar e tentar ganhar um dos prêmios? O maluco da foto acima ganhou o mesmo concuso na Europa com essa imagem dele andando em cima do Momumento do Holocausto em Berlim.

---

Gripe suína mortal atinge o México e pode se espalhar

Uma variedade letal de gripe suína nunca antes vista vem atingindo o México, onde já provocou pelo menos 16 mortes e suscita o temor de que esteja se espalhando pela América do Norte.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) disse que está preocupada com o que chamou de 800 casos "semelhantes a gripe" no México e também com um surto confirmado de uma nova variedade de gripe suína nos Estados Unidos. A entidade anunciou na sexta-feira (24) que convocará um encontro de emergência para discutir o assunto.

Foram canceladas as aulas de milhões de alunos na capital mexicana, Cidade do México, e áreas vizinhas na sexta-feira, depois de as autoridades terem observado um número de mortes acima do normal nas últimas semanas por doenças semelhantes à gripe.

Anúncio em centro de saúde do México avisa que estão faltando vacinas contra gripe por conta do surto de gripe suína que atinge o país. "É um vírus suíno que sofreu uma mutação e em algum momento foi transmitido a humanos", disse à rede Televisa o ministro da Saúde mexicano, José Angel Cordova.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC) disse que o vírus que se manifestou nos Estados Unidos é um misto nunca antes visto de vírus típicos de suínos, aves e humanos. Os sete pacientes norte-americanos se recuperaram.

A OMS disse que cerca de 60 pessoas já morreram da doença no México. O organismo da ONU sediado em Genebra disse que está em contato diário com as autoridades norte-americanas, canadenses e mexicanas e que ativou seu Centro de Operações de Saúde Estratégicas (SHOC), seu centro de comando e controle usado em eventos agudos de saúde pública.

Fonte: G1


---


Nos bastidores, Mendes é criticado no STF e no CNJ


O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, falhou no teste de líder político do Poder Judiciário. O bate-boca na sessão de anteontem com o ministro Joaquim Barbosa foi o mais grave exemplo da insatisfação que reverberava nos bastidores do STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). "Truculento", "estrela", "exibido", "grosseiro", "pop star" e "brucutu" são alguns dos adjetivos que alguns ministros e integrantes do CNJ usam para se referir a Gilmar Mendes.

No STF, a reclamação principal é de que o presidente avocou para si uma posição de líder intelectual e político num tribunal em que os ministros são iguais. Resumiu um ministro: Mendes age como presidencialista numa Casa que é parlamentarista. Nessa postura de liderança, avaliam alguns ministros, ele acabou por abrir diversas frentes de confronto, rivalizou com os demais Poderes e deixou o tribunal suscetível a críticas de todos os lados.

Ao mesmo tempo, Mendes comprou briga com a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), a Polícia Federal, o Ministério Público e juízes de primeira instância, após a Operação Satiagraha, que levou Daniel Dantas à prisão, e, mais recentemente, com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). "Quem fala o que quer ouve o que não quer", foi o desabafo feito anteontem por um membro do Ministério Público Federal, depois do bate-boca, conforme relato apurado pelo Estado junto a ministros do STF.

Além disso, ministros e integrantes do CNJ vinham reclamando do tratamento dispensado por Mendes nas sessões. A crítica é de que o ministro trata os colegas com descaso, em alguns casos de forma desrespeitosa. As consequências dessa forma de agir aparecem nas sessões e nas votações.Em março deste ano, por exemplo, uma proposta de Mendes por pouco não foi derrotada no plenário do CNJ. O ministro queria aprovar uma recomendação para que os juízes priorizassem julgamentos de conflitos agrários, uma forma de tentar coibir as invasões de terra pelo MST. Mas o ministro não apresentou previamente a proposta ou negociou com os colegas. Alguns conselheiros viram uma tentativa de Mendes de "enfiar goela abaixo" o texto.

O resultado dessa postura foi um empate numa votação que parecia simples. Sete conselheiros votaram favoravelmente à recomendação. Outros sete se manifestaram contra. Para evitar uma derrota política num assunto sem qualquer efeito prático, o corregedor nacional de Justiça, Gilson Dipp, deu o voto de desempate em favor de Mendes.

Fonte: O Estado de São Paulo

Lula, é hora de tirar esse cara de lá. Isso vai azedar quando o todo poderoso Ministri se irritar com a merda sendo jogada no ventilador e mostrar na cara limpa do que é capaz.
Walter Jr.

Gilmar Mendes x Joaquim Barbosa

No último dia 22 desse mês de abril um histórico bate-boca aconteceu no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF). O fato embaraçoso se deu entre o Ministro Joaquim Barbosa e Gilmar Mendes, atual presidente do STF, em meio a discussão sobre o mérito de um processo que estava em julgamento. A repercussão foi grande. Assista o vídeo do imbróglio aqui abaixo para relembrar ou entender melhor.



Vejamos. Joaquim Barbosa, hoje Ministro do Supremo Tribunal Federal nomeado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2003, estudou sempre em colégios e universidades públicas. Formou-se em Direito pela Universidade de Brasília e logo prestou Mestrado também pela Universidade de Brasília e pela de Paris em Direito do Estado, fez Doutorado também na Universidade de Paris em Direito Público. Filho de pai pedreiro e mãe dona de casa, prestou concurso público para Procurador da República e foi aprovado. Em 2008 tomou posse no Tribunal Superior Eleitoral como vice-presidente e deu voto favorável para a tese de que políticos condenados em primeira instância poderiam ter sua candidatura anulada, tendo seu voto vencido. Essa é somente uma de várias posições suas que merecem destaque pela razão justa e progressiva.

O Ministro Joaquim Barbosa é um dos mais gabaritados para estar ocupando uma cadeira na Corte Maior da Justiça brasileira, tanto quanto os demais Ministros. Entretanto, Barbosa não se deixa levar pela desculpas e fiapos legais que alguns dos outros Ministros usam para tirar o corpo fora de determinados assuntos ou até mesmo fazer "injustiça" com amparo legal, mas que na verdade a sociedade sabe que tem muito mais por trás, interesses escusos e favores insólitos, telefonemas pra lá e pra cá, encontros suspeitos e atitudes arrogantes. Certa feita, o Ministro Barbosa expressou-se: “Enganaram-se os que pensavam que o STF iria ter um negro submisso, subserviente (...)”.

O Supremo Tribunal Federal brasileiro tem o dever, evidentemente, de proteger a Lei Máxima, a nossa Constituição Federal, contudo, deve, além disso, fazer valer a justiça quando os outros graus de jurisdição não conseguiram ou foram relapsos.

Pelo vídeo dá para se tirar as conclusões. Cabe a você formar sua opinião. Gilmar Mendes de Habeas Corpus em favor de gente como o banqueiro Daniel Dantas e pareceres favoráveis a Deputados Alagoanos Taturanas ou Joaquim Barbosa das denúncias contra os envolvidos no escândalo do mensalão e do primeiro processo movido na história pelo STF em face de um deputado federal, o caso Ronaldo Cunha Lima. Você decide.

Wenndell Amaral

23 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

116 anos do nascimento do Príncipe dos Poetas, Jorge de Lima

Em 2009 Jorge Matheus de lima, poeta e escritor nascido em União dos Palmares e conhecido por pessoas de todo o Brasil, completaria 116 anos. Seu talento é reconhecido por todos aqueles que tocam e se deixam tocar por sua obra.


Recebeu em 1940 o Grande Prêmio de Poesia, concedido pela Academia Brasileira de Letras. "Digite Jorge de Lima" no Google para mais de 300 mil páginas aparecerem. Digite Jorge de Lima no campo "Imagens" do Google é quase 500 mil aparecerão. Apenas a cidade de União dos Palmares, berço do poeta, parece não dar a mínima importância a história do escritor.


A Casa Jorge de Lima está passando por reformas, mas até última notícia, está cedida a UFAL através de convênio. E mesmo a UFAL é cumplice no descaso uma vez que antes da reforma nada tinha de interessante que fizesse jus ao seu nome lá. Alagoas é o estado do descaso generalizado.


E quem tenta fazer o mínimo é esculachado pela maioria. Para uma pesquisa completa acesse www.aterradaliberdade.com lá se encontra de tudo sobre Jorge de Lima: Biografia, Obras, Poesias, etc. Parabéns Francu.

---

A verdade dói: Ministros do STF emitem nota em apoio a Mendes

Oito dos 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) divulgaram uma nota na noite de ontem em apoio ao presidente da Corte, Gilmar Mendes. A nota veio após a discussão entre Mendes e o ministro Joaquim Barbosa. A decisão de redigir o texto foi tomada depois do encerramento da sessão em que ocorreu o bate-boca. Os ministros se reuniram no gabinete de Gilmar Mendes, no momento em que Joaquim Barbosa estava ausente. A nota lamenta o episódio e reitera o respeito ao presidente da Corte, Gilmar Mendes.

"Os ministros do STF que subscrevem esta nota, reunidos após a Sessão Plenária de 22 de abril de 2009, reafirmam a confiança e o respeito ao Senhor Ministro Gilmar Mendes na sua atuação institucional como presidente do Supremo, lamentando o episódio ocorrido nesta data", diz a íntegra da nota, que é assinada pelos ministros Celso de Mello, Marco Aurélio Mello, Cezar Peluso, Carlos Ayres Britto, Eros Grau, Ricardo Lewandowski, Carmen Lúcia e Menezes Direito. Não assinaram a nota somente os envolvidos na polêmica, Gilmar Mendes e Joaquim Barbosa, além de Ellen Gracie, que está fora do Brasil.

O bate-boca começou quando o STF analisava recursos em que era discutido se decisões sobre benefícios da Previdência do Paraná e sobre foro privilegiado tinham ou não efeito retroativo. Essas decisões haviam sido tomadas em sessões em que Barbosa faltou aos julgamentos - ele estava de licença. O ministro Barbosa disse que a tese de Mendes deveria ter sido exposta "em pratos limpos". Mendes respondeu: "Ela foi exposta em pratos limpos. Eu não sonego informações. Vossa Excelência me respeite", e lembrou que o ministro faltara à sessão em que o recurso começou a ser decidido.

Quando Mendes disse que o ministro não tinha "condições de dar lição a ninguém", Barbosa partiu para o ataque ao presidente do STF. "Vossa Excelência está destruindo a Justiça deste País e vem agora dar lição de moral em mim? Saia à rua, ministro Gilmar. Saia à rua, faz o que eu faço", afirmou Barbosa. Em seguida, depois de Mendes dizer que estava na rua, Barbosa acrescentou: "Vossa Excelência não está na rua não. Vossa Excelência está na mídia, destruindo a credibilidade do Judiciário brasileiro."

Outro ministro, Carlos Ayres Britto, tentou acalmar os ânimos. "Ministro Joaquim, vamos ponderar." Mas de nada adiantou. "Vossa Excelência, quando se dirige a mim, não está falando com os seus capangas do Mato Grosso, ministro Gilmar. Respeite", reagiu Barbosa. O presidente do STF nasceu em Diamantino, cidade do Estado de Mato Grosso.

Fonte: MSN Noticias

Apesar do Ministro Joaquim ser um pedante, é um pilantra em escala diminuta comparado a Gilmar Mendes e sua gangue de Ministros que andam sujando de excrementos o STF. Uma hora alguém teria que se manifestar e colocá-lo no seu devido lugar de bandido, de coronel. Saia as ruas Ministro Mendes, saia as ruas e veja os resultados de seus julgamentos, principalmente aqui em Alagoas onde o senhor concedeu liberdade para os homens mais corruptos do estado.

Walter Jr.

21 de abr de 2009

Semana Jorge de Lima começa com um "tiro no pé"

As "várias atividades culturais" programadas para a Semana Jorge de Lima começaram com uma baita propaganda enganosa. Segundo a "Programação Oficial" divulgada no site oficial da Prefeitura Municipal, haveria durante o dia 20 de abril uma exposição na Casa de Cultura sobre o poeta palmarino. Infelizmente o que se viu no local, foram algumas caixas jogadas no chão e nem sinal da tal exposição alardeada pelo senhor secretário nas rádios palmarinas. Parece que organizar e respeitar cronogramas não é bem especialidade do cidadão que responde pela pasta da Cultura na administração municipal, basta lembrarmos do Ofício não respondido pelo mesmo ao TempoModerno. Talvez o simples cidadão não mereça respeito e consideração, apenas os que podem trazer algum benefício merecem as respostas da tal Secretaria, ficou um cheirinho ruim no ar.

Bruno Monteiro

20 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Divulgado trailer de Lula, o Filho do Brasil.

O filme narra a trajetória do presidente Luiz Inácio Lula da Silva desde a infância até a morte de sua mãe, Eurídice Ferreira de Mello, em 1980. Glória Pires interpreta Eurídice, também conhecida como dona Lindu.

O ator Rui Ricardo Diaz dará vida a Lula; o elenco conta ainda com Cléo Pires (na pele de Maria de Lourdes, primeira esposa do político - Lourdes faleceu em 1971, grávida), Juliana Baroni (interpretando a primeira-dama Marisa Letícia) e Milhem Cortaz (Aristides, pai de Lula).

Clique aqui para assistir ao trailer do filme do Che Guevara Brasileiro (brincadeira de mal gosto). O filme parece ser bom.

---

Filme brasileiro dirigido por Matheus Nachtergaele vence festival uruguaio

Matheus em cena
A Festa da Menina Morta, estreia na direção de longa-metragem do ator Matheus Nachtergaele, ganhou o prêmio de Melhor Filme Latino-Americano no 27º Festival Internacional de Cinema do Uruguai.

O vencedor da categoria Melhor Filme Internacional foi As Oficinas de Deus, de Claire Simon, exibido no Brasil durante a 32º Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, porém ainda inédito no circuito comercial.

Na mesma categoria receberam Menção Honrosa do Júri: a coprodução Brasil/Chile Tony Manero, de Pablo Larraín e o francês A Questão Humana, de Nicolas Klotz.

Como Melhor Documentário venceu o servo The Thrist os a Stone Sea, de Vladimit Perovic. E o curta premiado foi o espanhol El Mal de Schneider,de Daniel Chiado.

O 27º Festival Internacional de Cinema do Uruguai terminou neste sábado (18/04).

Fonte: cineclick.com.br

---

Otimista e enxuto, Festival Tribeca quer servir de inspiração

O Festival de Cinema Tribeca começará nesta quarta-feira, 22, ofuscado por uma recessão nos EUA que reduziu em quase um terço os filmes que serão mostrados, mas, para tentar animar o público, os organizadores escolheram filmes mais otimistas para rechear a programação. O festival nova-iorquino tradicionalmente exibe filmes que tratam de questões globais difíceis, mas desta vez, segundo seus fundadores, Robert De Niro e Jane Rosenthal, foi feito um esforço especial para alegrar o clima.

O festival teve problemas de patrocínio, tendo perdido o apoio da General Motors, que está sobrevivendo com bilhões de dólares em empréstimos do governo. Mas fechou um contrato de três anos com a Heineken e conseguiu outros patrocinadores.

Devido à crise financeira, disse ela, é mais importante que nunca que o festival se mantenha fiel a uma de suas metas originais: levar o maior número possível de cineastas para o público mais amplo possível, através de eventos gratuitos, incluindo sessões ao ar livre, uma feira de rua e debates.

Desde sua criação, em 2002, o festival já atraiu mais de 2 milhões de visitantes, gerou mais de 530 milhões de dólares em atividade econômica para Nova York e exibiu mais de 1.100 filmes de 80 países. Este ano, Woody Allen vai abrir o festival com a première mundial de sua comédia "Whatever Works", com Larry David. O festival será encerrado com outra comédia, "My Life in Ruins", estrelada por Nia Vardalos e Richard Dreyfuss.

Serão exibidos 85 longas de 32 países. Os filmes foram escolhidos de uma lista de mais de 2.200 trabalhos propostos.

Fonte: Reuters

---

E aqui vai um recado para nossos leitores que assinam o Feed do TM e recebem nossas atualizações direto na caixa de entrada de seus e-mails: Fiquem ligados, sempre atualizamos também as notícias em nossa barrinha ali ao lado "Mais Notíticias". Até mais, pessoal.

Wenndell Amaral

ÚLTIMAS:

Stephen Hawking é levado às pressas para hospital, diz universidade

O físico Stephen Hawking, um dos mais famosos cientistas do mundo, foi levado às pressas ao Hospital de Addenbrooke. A informação foi divulgada em nota pela Universidade de Cambridge nesta segunda-feira (20).

Hawking, 67, está preso há décadas a uma cadeira de rodas, por conta do avanço de uma doença degenerativa congênita, a esclerose lateral amiotrófica. Hoje quase completamente paralisado, ele se comunica apenas por computador. Apesar disso, ele segue seus afazeres como professor de matemática aplicada de Cambridge -- na mesma cátedra que, outrora, foi ocupada por Sir Isaac Newton.

"O professor Hawking está muito mal é foi levado de ambulância para o Hospital de Addenbrooke", disse o comunicado da universidade.

---

Déficit da Previdência Social sobe 16,3% no trimestre, para R$ 12 bilhões

O déficit do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a previdência do setor privado, avançou 16,3% no primeiro trimestre deste ano, para R$ 12,09 bilhões, informou nesta segunda-feira (20) o Ministério da Previdência Social. Em igual período de 2008, o resultado negativo somou R$ 10,39 bilhões.

Segundo o Ministério da Previdência, o aumento do salário mínimo, que aconteceu em fevereiro deste ano, com impacto em março (pagamento), contribuiu para o aumento do déficit no primeiro trimestre. Isso porque, em 2008, a elevação do mínimo aconteceu em março, com impactos financeiros plenos somente de abril em diante. Grande parte desse rombo é feito por culpa das ações criminosas onde várias pessoas sadias, que quando não conseguem "enganar" a Previdência, subornam agentes públicos e cosneguem aposentadorias ilegais.

----

Europeus deixam evento da ONU após presidente do Irã taxar Israel de 'racista'

Os delegados de países membros da União Europeia abandonaram nesta segunda-feira (20) a Conferência da ONU sobre Racismo, em Genebra, depois que o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, qualificou Israel de "racista" durante seu discurso.

"Depois do final da Segunda Guerra Mundial, (os aliados) recorreram à agressão militar para privar de terras a uma nação inteira, sob o pretexto do sofrimento judeu", disse. "Enviaram imigrantes da Europa, dos Estados Unidos e do mundo do Holocausto para estabelecer um governo racista na Palestina ocupada."

O iraniano foi vaiado por dissidentes iranianos e por israelenses e chamado de "assassino" ao falar, mas parte da plateia o aplaudiu. Funcionários das Nações Unidas tentaram evitar o fracasso da conferência, boicotada pelos EUA e seus principais aliados, o que na prática cedeu o protagonismo a Ahmadinejad. Os nove países que boicotam a conferência são Israel, Estados Unidos, Austrália, Canadá, Itália, Holanda, Polônia, Nova Zelândia, e Alemanha. O argumento é que eles temeiam que ele servisse de plataforma para ataques a Israel que o presidente norte-americano, Barack Obama, qualificou como "hipócritas e contraproducentes".

Fonte: G1

----

Fidel diz que embargo a Cuba deve terminar

O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, disse no domingo que o embargo norte-americano ao seu país deve terminar, mas não fez referência à recente oferta do seu irmão Raúl, atual presidente, para conversar com os Estados Unidos a respeito de "tudo", inclusive presos políticos e direitos humanos.

Fidel disse que Obama é "muito inteligente", mas foi "áspero e evasivo" ao responder no domingo a respeito do embargo, durante a entrevista coletiva de encerramento da cúpula.

"Desejo lembrá-lo um princípio ético fundamental relacionado a Cuba: qualquer injustiça, qualquer crime, em qualquer época não tem pretexto algum para perdurar, o cruel bloqueio contra o povo cubano custa vidas, custa sofrimentos", acrescentou.

Obama disse esperar que Cuba demonstre seu desejo de normalização de relações liberando presos políticos e rebaixando o ágio na conversão de dólares em pesos cubanos. O presidente de Cuba, Raúl Castro, disse na quinta-feira que Cuba está disposta a manter conversações com os Estados Unidos, inclusive em temas que são sensíveis para o regime de Havana, como direitos humanos, liberdade de imprensa e presos políticos.

Fonte: Reuters
Walter Jr.

18 de abr de 2009

MÚSICA: The National

The National
Alligator & Boxer
2005 / 2007

Foi por conta de minha enorme lentidão para conhecer coisas novas (e boas) que somente agora em meados desse ano de 2009 que fiquei parado uns instantes em alguns momentos para escutar essa banda de indie rock, natural de Nova Iorque.

Não cheguei a escutar os primeiros trabalhos dos caras – os álbuns “The National” de 2001, “Sad Songs For Dirty Lovers” de 2003 e o EP “Cherry Tree” de 2004 – porém apresento-lhes aqui dois CD´s dessa boa banda: Alligator e Boxer, um completa o outro.

Obviamente que o The National pode soar muito parecida com alguns outras bandas da mesma cena, inclusive com outras bandas novaiorquinas, entretanto, eles merecem destaque pela produção quase perfeita de seus álbuns e pela discrição que eleva a qualidade das composições encontradas nesses discos.

Escutem o álbum Alligator, o qual promoveu a banda levando-a ao estrelato, por assim dizer e depois escutem o álbum Boxer, uma coisa mais madura e marcante. Boxer pode não soar, à priori, tão impressionante quanto o irmão Alligator, mas entre friezas, guitarras perfurantes e canduras de pianos e violinos juntamente com a voz carrancuda e marcante do vocalista, Matt Berninger, que se sobressai firmando uma melancolia sempre doce, temos um disco bem prazeroso de se escutar.

Destaco “Secret Meeting”, “Karen”, “Friend Of Mine” do Alligator; “Fake Empire”, "Mistaken For Strangers”, que tem muito de Interpol, que por sua vez tem muito de Joy Division… e “Apartment Story” do Boxer.

Os álbuns já se encontram no HD Moderno. Apreciem.
Wenndell Amaral

16 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Estudantes de Rio Largo ganham nove ônibus escolares

O prefeito de Rio Largo Toninho Lins (PSB) vai entregar nesta quinta-feira, nove ônibus escolares a comunidade escolar. O evento está programado para as 10h, no calçadão do Comércio. Os ônibus são novos e obedecem aos itens de segurança. Além disso, todos os eles são padronizados e equipados com ar-condicionado dando um maior conforto aos estudantes riolarguenses.

A frota vai atender a 1.100 alunos e funcionará nos três horários. Transportará inclusive alunos universitários e de cursos profissionalizantes que estudam em Maceió. Quando Toninho Lins assumiu a Prefeitura de Rio Largo só havia um único ônibus totalmente sucateado. Entretanto, ele está sendo recuperado para retornar à frota.

Fonte: Alagoas 24h

Segura essa Kil! Mesmo "sofrendo" com a queda do repasse federal para os municípios, mesmo com o mandato também
sob júdice, o prefeito Toninho Lins, assegurou um direito constitucional para a população de sua cidade. E agora Kil? O que alegar para ludibriar além de apelar para rezas?

----

Em janeiro de 2010 estréia: O Salário Mínimo de R$ 506


O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, informou que o salário mínimo em 2010 subirá para R$ 506,50. O reajuste será dado no mês de janeiro. Segundo o ministro, a política de reajuste do salário mínimo acima da inflação está mantida e foi considerada no cenário tratado para a elaboração do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2010, encaminhado hoje ao Congresso Nacional pelo governo federal.

De acordo com Bernardo, o contingenciamento de R$ 21,6 bilhões nas despesas do Orçamento de 2009 está mantido. "Não tem decisão de mudar", afirmou.

Fonte: MSN Noticias

Porque só um ano antes das eleições toma-se essa medida de aumentar consideravelmente o mínimo e logo no início do ano? Mais um capítulo da emocionante corrida presidencial.

----

Funcionários que bajulam chefes prejudicam empresas

Se, no seu trabalho, houver um pouco mais bajulação explícita e entusiasmo declarado do que o normal, não se surpreenda. Quer isso seja chamado de puxar o saco, bajular o chefe ou administrar uma situação, especialistas dizem que os comportamentos bajuladores estarão em alta nos locais de trabalho na medida em que os funcionários temem perder seus empregos nestes tempos econômicos difíceis.

Mas, segundo eles, esse tipo de comportamento pode prejudicar as empresas. "As pessoas que fazem isso querem que as outras pessoas percebam o que estão fazendo", explicou Max Caldwell, especialista em eficácia da força de trabalho na consultoria Towers Perrin.

"É uma mentalidade de 'não apenas quero fazer um bom trabalho, como quero que vejam que estou fazendo um bom trabalho'". Esse tipo de comportamento aumenta quando as apostas em jogo são altas, disse Jennifer Chatman, professora de comportamento organizacional na Universidade da Califórnia em Berkeley.

Num ambiente como esse, subordinados podem elogiar decisões equivocadas de um chefe e evitar falar com franqueza ou transmitir más notícias, disse ela. "Manter puxa-sacos pode ser prejudicial para a empresa", disse Chatman. Segundo alguns pesquisadores, porém, a adulação funciona. Contestar menos o que diz um executivo-chefe, fazer mais elogios a ele e lhe fazer favores pessoais aumentam em 64 por cento a probabilidade de um funcionário ser chamado para integrar o conselho de direção de empresas, constatou um estudo da Universidade do Texas.

CHEGAR CINCO MINUTOS MAIS CEDO

Num estudo separado feito por Chatman foi constatado que candidatos a empregos que agem de maneira insinuante têm 20 por cento mais chances de conseguir o emprego.

É a natureza humana, disse ela. "Pessoas que trazem informações positivas, que fazem o chefe se sentir bem com as decisões que tomou, que reforçam a confiança dele, essas pessoas se saem melhor." A treinadora profissional Frances Cole Jones, autora do livro "How to Wow" (Como fazer sucesso), diz que não é preciso envergonhar-se desse tipo de comportamento. O conselho dela para tempos de dificuldade econômica é: vá para o trabalho mais cedo, fique até mais tarde, assista às reuniões e ofereça-se como voluntário para fazer trabalho extra.

Mas alguns especialistas, como Bill Hanover, autor de "No Sucking Up" (algo como "não à bajulação"), desaprovam por completo o comportamento bajulador. "Se você valoriza o respeito próprio, o respeito de seus pares e líderes, então bajular um superior para conseguir uma promoção deixará você sentindo envergonhado e carente", ele escreveu. "Não o faça".

Fonte: Reuters

E então leitores, vocês se valorizam ou valorizam o saco do chefe? É bom lembrar que mesmo com crise, o verdadeiro bom funcionário não enfrenta problemas pra se empregar, afinal existem mais puxasacos do que funcionários realmente eficientes. Acho que as pessoas confundem bom relacionamento no emprego com puxasaquismo.

EMAIL:

Nosso leitor Marcelo Pereira prestou um grande serviço nos enviando uma dessas correntes de email onde várias fotos revelam a matança de animais silvestres - cobras e jacarés para a venda de carne e de couro na Tailândia. Acompanhe a macabra trajetória dos animais: da vida salvagem à morte para satisfazer a vaidade humana. Essa corrente de fotos não vai impedir que a matança continue nem que as dondocas comprem as bolsas feitas com essas criaturas, mas pelo menos serve de conhecimento para que possamos educar quem nos rodeia.













15 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Meu Nome Não é Johnny leva seis; Estômago é eleito o Melhor Filme no "Oscar do Cinema Brasileiro"
Foi entregue na noite desta terça-feira (14/4), em festa de gala no Rio de Janeiro, o Grande Prêmio Vivo do Cinema Brasileiro, conhecido como o "Oscar do Cinema Brasileiro", apresentado por Daniel Filho e Marília Pêra. Foram 27 categorias, elegendo os maiores destaques em longa e curta-metragem do cinema Brasileiro.

O Grande Prêmio Vivo do Cinema Brasileiro também teve participação do público na escolha de duas categorias especiais: Melhor Longa-metragem de Ficção Nacional e Melhor Longa-metragem de Ficção Estrangeiro.

Estômago e Meu Nome Não é Johnny, que lideraram as indicações, ambos concorrendo em 14 categorias, levaram 5 e 6 prêmios, respectivamente.

Nelson Pereira dos Santos foi o grande homenageado da noite pela Academia de Cinema Brasileiro e recebeu o trófeu pelo ator Carlos Vereda. Ankito e Dercy Gonçalves receberam homenagens póstumas.

Confira os vencedores:

Melhor Longa-metragem de Ficção Nacional:
Estômago, de Marcos Jorge
Melhor Longa-metragem Nacional pela votação do público:
Estômago, de Marcos Jorge
Melhor Longa-Metragem de Ficção Estrangeiro:
Vicky Cristina Barcelona, de Woody Allen
Melhor Longa-Metragem Estrangeiro pela votação do público:
Vicky Cristina Barcelona, de Woody Allen
Melhor Documentário:
O Mistério do Samba
Melhor Filme Infantil:
Pequenas Histórias
Melhor Filme de Animação - Menção Honrosa:
Garoto Cósmico
Melhor Diretor:
Marcos Jorge (Estômago)
Melhor Ator:
Selton Mello (Meu Nome Não é Johnny)
Melhor Atriz:
Leandra Leal (Nome Próprio)
Melhor Ator Coadjuvante:
Babu Santana (Estômago)
Melhor Atriz Coadjuvante:
Júlia Lemmertz (Meu Nome Não é Johnny)
Melhor Roteiro Original:
Cláudia da Natividade, Fabrízio Donvito, Lusa Silvestre e Marcos Jorge (Estômago)
Melhor Roteiro Adaptado:
Mariza Leão e Mauro Lima (Meu Nome Não é Johnny)
Melhor Figurino:
Chega de Saudade
Melhor Maquiagem:
Ensaio Sobre a Cegueira
Melhor Trilha Sonora:
Os Desafinados
Melhor Trilha Sonora Original:
Meu Nome Não é Johnny
Melhor Direção de Arte:
Ensaio Sobre a Cegueira
Melhor Edição - Ficção:
Meu Nome Não é Johnny
Melhor Edição - Documentário:
O Mistério do Samba
Melhor Fotografia:
Ensaio Sobre a Cegueira
Melhor Som:
Meu Nome Não é Johnny
Melhores Efeitos Especiais:
Ensaio Sobre a Cegueira
Melhor Curta-Metragem - Animação:
Dossiê Rê Bordosa
Melhor Curta-Metragem - Documentário:
Dreznica
Melhor Curta-Metragem - Ficção:
Café com Leite

Fonte:
CineClick, com adaptações.

Em breve o TM publicará sobre o longa Estômago, aguardem!
Wenndell Amaral

14 de abr de 2009

MÚSICA:

Queens Of The Stone Age
Songs For The Deaf, 2002

O vocalista e guitarrista Josh Homme já havia deixado sua marca única enquanto fazia parte da banda Kyuss [expoente do heavy metal alternativo na década de 90 onde Josh era chamado de "deus" nos shows]. Em busca de mais liberdade musical, Josh decidiu acabar com o Kyuss e partir para outro projeto mais aberto a experimentalismos, chamando para compor a base da nova banda o baixista criado na cena grunge Nick Oliveri.

Dessa reunião nasceu o mais importante grupo de rock desde o Nirvana: Queens Of The Stone Age. As rainhas da idade da pedra debutaram em 1996 com um disco homônimo [hoje fora de catálogo] e foram exaltados pela crítica norte-americana e europeia. Em contrapartida, alguns críticos simplismente torciam o nariz pois alegavam que aquele estilo de rock enérgico e viajadão havia morrido junto com o grunge e a nova "moda" era o "new metal" do qual Josh Homme fugiu.

Em 2000 é lançado Rated R, segundo álbum da banda. O disco alcançou enormes vendas na Europa, Ásia e America do Norte, alçando o grupo a mais um "salvador do rock". O bom desempenho nas vendas fez inclusive com que o grupo tocasse na 3º Edição do famigerado Rock In Rio. Mas como a banda ainda era desconhecida por essas bandas, o show foi lembrado nos telejornais da época como o "show do homem nu", já que o baixista Oliveri resolveu iniciar a apresentação usando apenas seu baixo como roupa sendo preso após o show pelos policiais brasileiros: "Pensei que o Rio fosse mais liberal, pelo menos é essa a imagem que vocês passam no carnaval", justificou Nick Oliveri na delegacia.

Em ascenção, o grupo resolveu ousar. Como vinha angariando fãs e mais fã, inclusive famosos como os órfãos do rock de Seatle [Mark Lanegan, Jerry Cantrell, Butch Vigg, etc], O QOTSA resolveu convidar Dave Grohl [bateria] e Mark Lanegan [vocal] para gravarem algumas participações no novo disco The Song For The Deaf. Os primeiros ensaios foram tão proveitosos que logo a ideia de participação deu lugar a aglomeração: Dave e Mark se juntaram de vez a banda e gravaram todas as músicas do novo disco.

Resultado: o melhor disco de rock do século XXI. Mesmo sem que a crítica reservasse o espaço merecido para esse petardo - culpa das bandas emos e pseudo-intelectuais que dominam o setor rock da indústria musical - a banda foi alçando postos cada vez mais altos nos principais festivais do planeta. The Song... não é um álbum comum, onde o ouvinte fica a procurar uma, duas ou três musicas boas. O disco funciona como um organismo vivo, onde casa pedaço, cada música faz sua parte na atmosfera sombria criada pela banda.

Dave Grohl dá uma aula a parte, dando a entender que além de não ter parado de praticar bateria enquanto encabeçava o Foo Fighters, ainda estava morrendo de saudades das baquetas, liberando técnica junto com uma energia fora do comum. Nem nos discos do Nirvana conseguiremos ouvir Dave tão inspirado. Com a cozinha formada por dois destruidores, sobrou espaço para Homme compor guitarras nervosas, melódicas, sujas e psicodélicas, enquanto Lanegan destilava sua voz roufenha e melancólica. Chega de conversa. Pra quem tem saudade do bom o velho rock and roll, baixe agora direto do nosso HD Moderno.

Lista de músicas:

1. You Think I Ain't Worth A Dollar, But I Feel Like A Millionaire
2. No One Knows
3. First It Giveth
4. A Song For The Dead

5. The Sky Is Fallin
6. Six Shooter
7. Hangin' Tree
8. Go With the Flow
9. Gonna Leave Yo
10. Do It Again
11. God Is In The Radio
12. Another Love Song
13. A Song For The Deaf
14. Mosquito Song
15. Everybody's Gonna Be Happy

Walter Jr.

12 de abr de 2009

ÚLTIMAS:

Obama suspende restrições às viagens e remessas dos EUA a Cuba

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, decidiu nesta segunda-feira suspender as restrições às viagens e aos envios de remessas a Cuba pelos EUA, declarou um alto funcionário do Governo. Obama deu ordens aos Departamentos de Estado, do Tesouro e do Comércio para que comecem a eliminar estas restrições o quanto antes e para que facilitem as comunicações com a ilha. O governo de Cuba não se pronunciou sobre a decisão do líder americano.

A medida afetará mais de um milhão e meio de exilados que durante o governo de George W. Bush tiveram dificuldades para enviar dinheiro e visitar seus parentes na ilha. Segundo o alto funcionário, o objetivo da iniciativa tomada é "apoiar o desejo do povo cubano de determinar seu próprio destino".

Também foi suspenso o veto a produtos como sementes para plantações e artigos para pesca. "Este é um esforço para chegar aos cubanos. É um esforço para respaldar o desejo de os cubanos decidirem livremente o futuro de seu país", disse um alto funcionário ao jornal "Miami Herald". "O presidente disse que este é o meio mais direto para abrir o tipo de espaço necessário para ver mudanças democráticas em Cuba".

Além disso, acabam as limitações relativas à duração e à frequência das viagens à ilha, acrescentou o funcionário do alto escalão. Outro ponto da iniciativa tomada por Obama prevê um aumento nas comunicações entre americanos e habitantes de Cuba, além da intensificação dos contatos para a implementação de serviços deste tipo na ilha. Deste modo, aqueles que estiverem fora de Cuba e tiverem interessem poderão comprar telefones celulares para cubanos.

Fonte: Reuters

---

Lula, Temer, Sarney e Gilmar Mendes assinam Pacto Republicano para coibir abusos

Os presidentes dos Três Poderes assinaram nesta segunda-feira o chamado II Pacto Republicano, um documento de seis páginas com o compromisso de aprovar projetos de lei para punir o abuso da autoridade policial e permitir o acesso universal à Justiça.

O pacto prevê a restrição do uso de algemas para o suspeito que se apresentar espontaneamente, a criação de novas regras para escutas telefônicas feitas pela polícia e quer também mudar o julgamento de réus ligados a organizações criminosas. Hoje eles são feitos por apenas um juiz. A proposta é que a decisão seja tomada por um colegiado de juízes logo na primeira instância.

O pacto foi assinado pelos presidentes da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), e do Senado, José Sarney (PMDB-AP). O II Pacto de Reforma da Justiça vem unindo, desde 2004, o STF, o Ministério da Justiça e outros órgãos do Executivo em torno de propostas para tornar o Judiciário mais célere e acessível à população. O primeiro pacto, de dezembro de 2004, era centrado no Judiciário.

Fonte: G1

----

Críticos elegem "Linha de Passe" como melhor filme brasileiro de 2008


Começou em São Paulo, o tradicional Festival Sesc Melhores Filmes, com a avaliação da crítica e do público sobre o conjunto da produção brasileira e estrangeira exibida no país.

"Linha de Passe" faturou os principais prêmios da crítica: melhor direção, fotografia (Mauro Pinheiro) e roteiro (George Moura e Daniela Thomas com a colaboração de Bráulio Mantovani). João Miguel, protagonista do ótimo "Estômago", faturou o prêmio de melhor ator e Leandra Leal, protagonista de “Nome Próprio”, foi a escolhida como melhor atriz.

Na visão do público, diferente em vários quesitos, os vencedores foram José Mojica Marins (diretor), Bráulio Mantovani (roteiro de "Última Parada 174"), Mauro Pinheiro (fotografia de "Linha de Passe"), Sandra Corveloni (atriz de "Linha de Passe") e João Miguel (ator de "Estômago").

Os escolhidos foram selecionados de uma lista de 74 produções brasileiras, exibidas ao longo de 2008. O filme mais visto do ano, "Meu Nome Não é Johnny", de Mauro Lima, não venceu nenhum prêmio, mas está entre os 53 filmes que serão exibidos na mostra.

Entre os filmes estrangeiros, num universo de 260 lançamentos, o escolhido pela crítica foi o francês "A Questão Humana". Ficou com três prêmios: filme, direção (Nicolas Klotz) e ator (Mathieu Amalric). Os irmãos Joel e Ethan Coen dividiram o prêmio da crítica pela direção de "Onde os Fracos Não Têm Vez" e Cate Blanchet foi escolhida melhor atriz por sua atuação como Bob Dylan em "Não Estou Lá".

Na visão do público, o melhor filme estrangeiro de 2008 foi a saborosa comédia "Vicky Cristina Barcelona". Ganhou os prêmios de melhor filme, direção (Woody Allen) e atriz (Penélope Cruz). Heath Ledger foi escolhido como melhor ator, por "Batman - O Cavaleiro das Trevas".

Fonte: últimosegundo.ig.com.br

Para ler a dica sobre o filme Linha de Passe que publicamos aqui no TM, basta clicar aqui.

---

Amigo de CHE escreve mais um livro sobre o mito

Ernesto prometeu que dentro de um ano terminaria as 12 matérias que faltavam para se formar na faculdade de medicina. Em seguida, partiriam. O amigo duvidou, debochou e esqueceu o assunto, mas quando viu a promessa cumprida dentro do prazo estipulado, não ousou fugir. "Não era a primeira vez que Ernesto me desafiava, e eu nunca havia amarelado", explica Calica. Foi assim, como um desafio maroto entre grandes amigos de infância, que começou a segunda aventura de Ernesto Guevara de La Serna pela América Latina, em julho de 1953. Desta vez, ao lado daquele que o conheceu aos quatro anos nas festinhas da cidade serrana de Alta Garcia, na Argentina: Carlos "Calica" Ferrer.

Ernesto, que já havia percorrido as terras sul-americanas ao lado de Alberto Granado (como retratado no filme "Diários de Motocicleta", de Walter Salles), embarcou com Ferrer em um trem da estação Retiro, em Buenos Aires, rumo à efervescente Bolívia da pós-revolução do movimento de esquerda de 1952. Passaram pelas mãos da feroz ditadura peruana do general Odría, antes de se separarem no Equador.

A viagem, que transformaria o jovem médico Pelao no comandante da revolução Che, é relatada pela primeira vez - e pela grande testemunha da história - no livro "De Ernesto a Che", que acaba de ser lançado no Brasil. Nele, Calica fala sobre o amigo "de carne e osso", desmente "verdades" com o olhar de quem acompanhou tudo muito de perto e descreve com admiração a passagem do companheiro de partidas de futebol e badernas na escola e de noitadas e mulheres, para o homem inconformado com as injustiças sociais da América Latina.

Para quem segue a trajetória do guerrilheiro pela tela do cinema, o livro preenche a lacuna entre a primeira aventura, mostrada em "Diários de Motocicleta" (2004), de Walter Salles, e a luta à frente da revolução, retratada em "Che" (2009), de Steven Soderbergh.

A segunda viagem, descrita no livro, começa um ano depois da retratada em "Diários de Motocicleta" e termina em outubro de 1953, há quase 56 anos, quando Calica se despede de Ernesto "com um tchau e um abraço curto". Ele nunca mais voltaria a ver o amigo, que, a partir daquele momento, seguia seu caminho como Che até a sua morte.

Fonte: UOL Notícias
Wenndell Amaral

10 de abr de 2009

FILME: Gomorra

Gomorra, Itália, 2008.

Gomorra. Sodoma e Gomorra. Ou o modo como os napolitanos chamam uma das máfias mais sangrentas e lucrativas do mundo, mais conhecida como Camorra para os não especialistas no assunto (como eu). São os intestinos desta organização criminosa que o filme do diretor Matteo Garrone revela de forma seca, mas precisa.

De acordo com a história e com a Bíblia judaico-cristã, Gomorra foi uma das cidades destruídas pela ira de Deus com fogo e enxofre descido do Céu. Ainda segundo o relato bíblico, a cidade e seus habitantes foram destruídos por Deus devido a prática de atos imorais.

O filme é inspirado no Best-seller do escritor e jornalista Roberto Saviano (o qual já se pode encontrar nas livrarias e supermercados), que vive sob escolta policial desde a publicação de seu livro sobre a máfia napolitana Gomorra.

Segundo consta num ensaio de Francis Vogner dos Reis, do site Cinética, Gomorra não é um filme de tese, porque em nenhum momento procura comprovar uma idéia sobre o seu tema. Se vemos a questão da truculência como cultura, instituição e política, por exemplo, é menos um estudo sobre isso e mais uma característica irrevogável daquela fauna social: idade média + modernidade = Nápoles de Gomorra. O filme deve ao livro sim, mas não é reverente ao ponto de abrir mão de características muito próprias, como fez o Blindness de Fernando Meirelles, de buscar e expor sua diferença com o livro. Se o texto do livro sugere imagens, Gomorra as tem como um princípio e como um meio. Então, assistir e ler Gomorra são duas coisas totalmente diferentes.

Em Gomorra, vemos os peixes pequenos em ação, aqueles que arriscam a vida nas ruas diariamente por alguns trocados enquanto seus Dons enriquecem em mansões ou – horror dos horrores - em residências oficiais do Estado, impedindo, assim, que romantizemos algum “chefão” como Tony Montana, Michael Corleone ou Al Capone.

A propaganda aqui no Brasil em torno do longa-metragem fez uma coisa que posso chamar de grande erro: taxar Gomorra como “o Cidade de Deus Italiano” nos cartazes e chamadas de trailers. Camaradas, assistam, mas sem esperar nada dessa suposta conexão direta. Atentem também para os personagens que são seguidos pela câmera. Eles podem deixar você confuso ao final do filme. Não há o esforço “americano” de juntar as várias histórias para surpresa do espectador. De fato, não interessa se as personagens se conhecem ou não, elas fazem parte de um mesmo mundo. Um mundo que preferíamos fingir que não existe. Nós e toda a Itália, mas quem sou eu, um brasileiro, para falar alguma coisa?

Para assistir ao trailer de Gomorra, clique aqui.
Para comprar o livro Gomorra, clique aqui.
Wenndell Amaral